(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Judiciário goiano homenageado em Anápolis pelos seus 140 anos

Política Comentários 20 de junho de 2014

Ney Teles, Presidente do Tribunal de Justiça e outras personalidade do judiciário goiano foram homenageados pela Câmara de Vereadores


O presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO), Ney Teles de Paula, foi agraciado com o Título de Cidadão Anapolino, em concorrida solenidade realizada pela Câmara Municipal, na última quarta-feira,18, no salão do Júri da Comarca local. Na ocasião, também foram homenageados com o Título de Cidadão Benemérito o juiz substituto em segundo grau Marcus da Costa Ferreira; a juíza Eliana Xavier Jaime Silva e o diretor-geral do TJGO, Wilson Gamboge Júnior. A solenidade também reverenciou os 140 anos do Poder Judiciário de Goiás.
Durante o evento, o presidente e, agora, cidadão anapolino Ney Teles assinou a ordem de serviço para a reforma do prédio do Fórum, a um custo estimado de R$ 2,5 milhões e a reforma das instalações do Juizado da Infância e Juventude, orçada quase R$ 500 mil. A previsão de conclusão da reforma do Fórum é de 10 meses e do juizado, de seis meses.
“É uma honra receber este Título de Cidadão Anapolino, quando o Tribunal completa 140 anos”, ressaltou o presidente, lembrando que o TJGO é o quarto mais antigo de todo o País, embora tenha sido o oitavo a ser efetivamente instalado, devido às dificuldades que haviam para se prover os cargos da magistratura, em razão da distância dos grandes centros. Atualmente, segundo informou, o judiciário goiano conta com 392 juízes e tem se notabilizado entre os mais eficientes do País, na prestação jurisdicional.
O Juiz Marcos da Costa Ferreira, um dos homenageados, comentou a iniciativa da Câmara Municipal, lembrando que o TJGO foi apontado recentemente na liderança da Semana Nacional de Conciliação, o que demonstra a sua eficiência e afinidade com esta política implantada pelo Conselho Nacional de Justiça, “cujo objetivo maior é promover a paz social, não podemos querer judicializar tudo”, enfatizou. A Juiza Eliana Xavier Jaime Silva, também agradeceu a homenagem prestada pelos vereadores anapolinos. “Fico muito honrada em receber este reconhecimento”, sintetizou.
O Juiz da Vara da Infância e da Juventude e diretor do Fórum, Carlos Limongi Sterse, destacou que a homenagem prestada pelo Legislativo aos membros do Poder Judiciário, em especial, ao presidente do TJGO, é “mais do que justa e merecida”. Na ocasião, ele afirmou que está buscando, junto ao Tribunal, a ampliação do Fórum ou a criação de um Fórum Criminal.
O diretor geral do TJGO e um dos homenageados pela Câmara Municipal, Wilson Gamboge Júnior, agradeceu pela honraria e lembrou que a reforma do prédio do Fórum era muito aguardada, em razão de o mesmo ser da década de 90 e, de lá para cá, esta é a primeira vez que passará por melhorias. Ele observou que quase 10% dos processos movimentados no Judiciário goiano têm origem em Anápolis, que só fica atrás de Goiânia, com cerca de 36% do total.
O vice-presidente do TJGO, desembargador Carlos Escher, que é também presidente da Comissão de Regimento e Organização Judiciária, em entrevista à imprensa, informou que para este ano, não há previsão orçamentária para a criação de novas Varas no Foro de Anápolis. Conforme disse, cada nova Vara, para funcionar, necessita de um aporte de pelo menos R$ 80 mil mensais e, hoje, considerando as demandas não só de Anápolis, mas também de outros municípios, não há dotação no orçamento, o que depende de um aumento dos repasses que são feitos pelo Estado, com base na receita. Portanto, se houver um aumento da receita estadual, os projetos de criação de novas varas poderão ter continuidade no ano que vem, dentre eles, está a criação, no Município, de uma Vara voltada para os crimes de violência contra a mulher. “Este projeto está caminhando até em separado, devido a sua importância, mas ainda estamos esbarrando na questão orçamentária”, esclareceu.
Participaram da solenidade o vice-presidente do TJGO, desembargador Carlos Escher; presidente da Comissão Organizadora das Comemorações dos 140 anos do TJGO, desembargador Itaney Francisco Campos; juíza Aline Vieira Tomaz, que representou a Asmego; o diretor do Foro de Goiânia, Átila Naves do Amaral; o juiz-auxiliar da Presidência, José Ricardo Machado; juiz-corregedor Sival Guerra Pires; além de juízes da comarca de Anápolis, diretores de área, servidores do Poder Judiciário e autoridades municipais, dentre elas o Prefeito João Gomes; o Procurador Geral do Município, Edmar Silva; o ex-Prefeito Eurípedes Junqueira; o superintendente do Porto Seco, Edson Tavares. A sessão solene foi presidida pelo Presidente da Câmara Vereador Luiz Lacerda e a propositura para a sua realização foi de autoria da Vereadora Geli Sanches.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Câmara homenageia professores com a outorga de comendas

20/10/2017

A Câmara Municipa, realizou, na última terça-feira,17, no Teatro São Francisco, sessão solene para a outorga da Comenda ...

Justiça faz trocar armas com defeito

20/10/2017

O juiz de direito da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual, Ricardo Prata, acatou ação impetrada pelo Governo de Goiás e d...

Governo faz homenagem a jovens com a comenda

20/10/2017

A ação transformadora da juventude e a reafirmação das liberdades democráticas foram destacadas pelo governador Marconi ...

Baldy relata projeto de fiscalização em insntituições financeiras

19/10/2017

O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira (18), o projeto de lei que aumenta o poder de Banco Central do B...