(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

IPTU não será prorrogado, alerta Secretaria da Fazenda

Cidade Comentários 14 de abril de 2013

Os contribuintes que optarem em pagar à vista terão um desconto de 10% no valor do imposto


A Secretaria Municipal da Fazenda alerta para o vencimento nesta sexta-feira, 12, da primeira parcela ou parcela única do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) e do Imposto Territorial Urbano (ITU). Ambos os tributos podem ser pagos na rede bancária, casas lotéricas, correspondentes bancários, nas agências dos correios, dentre outros postos autorizados. A contribuição dos anapolinos contribuirá para a manutenção de todas as ações que são realizadas durante todo o ano pela administração.
Para aqueles que optarem pela parcela única, será oferecido um desconto de 10%. Os atendimentos são feitos nas unidades do Rápido, localizadas na Vila Jaiara, no Bairro Jundiaí e no Anashopping, e na Secretaria Municipal da Fazenda, situada no Centro Administrativo. No caso do ITU, o cidadão tem que procurar as unidades do Rápido ou retirar no site www.anapolis.go.gov.br. O critério para a pessoa aderir ao parcelamento é que o valor mínimo seja de R$ 40,00. O tributo pode ser parcelado em até oito vezes.
O secretário municipal da Fazenda, José Roberto Mazon, destaca que o tributo tem grande importância no município, por se reverter em investimentos e benefícios para toda comunidade. “É a forma mais clara do cidadão participar da construção de uma cidade melhor”, comenta.
José Roberto Mazon lembra ainda que os valores definidos para o tributo correspondem ao valor do imóvel. “O aumento deste ano é de apenas 5,77% que é a inflação”. O reajuste é medido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo Especial (IPCA-E), indexador que a Prefeitura utiliza, de acordo com a Lei nº 136 de 2006.

Inclusão
Em duas situações, os contribuintes podem requerer a isenção do IPTU. É o caso das pessoas idosas e portadoras de doenças graves, estas foram beneficiadas por legislação municipal que garante a isenção do imposto, observando alguns requisitos. No caso de pessoas idosas, tem que ser comprovada a idade mínima de 65 anos de idade completos, a titularidade de um único imóvel, o qual lhe sirva de moradia, com valor venal não superior a 80 mil reais e que tenha renda mensal de até um salário mínimo vigente. Para os portadores de doenças graves, é necessário provar, por meio de documentos, a existência da doença e a titularidade um único imóvel, o qual lhe sirva de moradia, com valor venal não superior a 80 mil reais. Em ambos os casos, a isenção deverá ser requerida por meio de processo administrativo a ser protocolizado nas unidades do Rápido. Vale lembrar que há a isenção automática de IPTU para os contribuintes que têm imposto com valor igual ou inferior a R$ 30.
Para saber mais sobre a legislação que garante a isenção do IPTU, as pessoas podem acessar o site da Prefeitura ou procurar atendimento nas unidades do Rápido, na Secretaria da Fazenda ou na Receita Municipal.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Anápolis tem novos comendadores

20/07/2017

A Comenda “Gomes de Sousa Ramos”, maior honraria instituída pelo Município, foi entregue a personalidade de diversos se...

Monumentos históricos de Anápolis completam 60 anos

13/07/2017

Ignorados por grande parte da população e, até, pelas autoridades governamentais, dois monumentos que ficam no centro de A...

Câmara Municipal de Anápolis vai ter seu hino oficial em breve

15/06/2017

O vereador Teles Júnior (PMN) informou, durante o uso da tribuna, na sessão ordinária da última segunda-feira,12, que pro...

Presidente da UVG defende 13º e férias para os vereadores

09/06/2017

Em visita à Câmara Municipal de Anápolis, na manhã da última quarta-feira,07, o Presidente da União dos Vereadores de G...