(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Instituições tem programa para adolescentes em vulnerabilidade

Educação Comentários 03 de maio de 2018

Inserção no mercado de trabalho, com tríplice acompanhamento, é o foco do Centro Salesiano do Adolescente Trabalhador


Há dois anos e meio em Anápolis, o Centro Salesiano do Adolescente Trabalhador atua com o programa de aprendizes, tendo como objetivo inserir pessoas com vulnerabilidade no mercado de trabalho, O foco são jovens com pouca, ou nenhuma, experiência profissional. Um desafio que ajuda a abrir portas para quem, às vezes, estava à margem da sociedade e, portanto, um alvo em potencial para o “aliciamento” ao mundo da criminalidade e das drogas.
O CESAM-GO é uma instituição não governamental, sem fins lucrativos. É filantrópica e atua sob o guarda-chuvas da Inspetoria São João Bosco (ISJB) - Salesianos. São 43 anos de história e larga experiência na área. Em Anápolis e Goiânia, cerca de 830 adolescentes fazem parte do programa. A instituição conta com quase 300 empresas parceiras. Além dos jovens, as famílias são inseridas, através de uma série de atividades de apoio.
Wilton Ferreira (analista de Relacionamento) e Leonardo Giordani Lemes (analista Socioeducativo) explicam um diferencial do trabalho desempenhado pelo CESAM-GO é o tríplice acompanhamento do adolescente aprendiz: família, escola e empresa. Através de uma entrevista socioeconômica, são avaliadas as situações em que o jovem se encontra como, por exemplo, se há algum problema de dificuldade de relacionamento no lar ou, mesmo, caso de violência doméstica; problemas de frequência na escola ou de dificuldade de aprendizagem.
Durante a fase em que o aprendiz está na empresa, ele é acompanhado na parte de rendimento e comportamental. Ou seja, em todos os aspectos, o adolescente é motivado e valorizado. Isso influencia, de forma positiva, na sua formação de caráter e na formação profissional.

O FUTURO
De acordo com Wilton e Leonardo, em torno de 85% dos aprendizes do programa chegam a ser recontratados. Em muitos dos casos, inclusive, com uma mudança de salário, o que acaba refletindo sobre toda a família.
Na formação teórica, os adolescentes participam de módulos sobre comportamento; ética; cidadania, inclusão digital e módulos específicos da função que irão desenvolver. Cada módulo tem entre três e seis meses de duração, de acordo com o tipo de contrato de aprendizado a ser firmado, dentro do que define a Lei n° 10.097/2000, a chamada Lei do Aprendizado. Os contratos variam de 11 a 23 meses, com cargas horárias, também distintas, de 04 a 08 horas.
A inscrição dos adolescentes no programa é feita pelo site da instituição (veja no box), mediante a informação de documentos pessoais, comprovante de endereço e escolaridade. Feita a inscrição, é feita a triagem da empresa para o ingresso por região. Todas as etapas são acompanhadas pela equipe multiprofissional, o que confere maior segurança para o próprio aprendiz e para a empresa.
Wilton e Leonardo destacam que as portas do CESAM-GO estão abertas para acolher os jovens que queiram se inserir no mercado de trabalho. Na outra ponta, a instituição busca, também, aumentar o número de empresas parceiras, para ampliar o leque de oportunidades e resultados. É uma via de mão-dupla, onde os lados social e humano caminham juntos e todos saem ganhando.

Contatos com o
CESAM-GO

Site/inscrições:
cesamago.salesianos.br

E-mail:
cesamago@salesianos.br

Telefone:
(62) 3920-9800
Endereço:

Alameda dos
Buritis, nº 485
Setor Central -
Goiânia GO

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Educação

Ciências Ambientais - UniEVANGÉLICA tem aula inaugural do Mestrado e Doutorado da matéria

22/03/2019

O Centro Universitário de Anápolis – UniEVANGÉLICA dá mais um passo importante para se transformar em uma universidade....

FAEG Jovem leva horta comunitária a escola pública

22/03/2019

No dia 18 último, o grupo Faeg Jovem, da Federação da Agricultura do Estado de Goiás, esteve pela manhã na Escola Munici...

Saúde na Escola conta com 100% de adesão em Goiás

15/03/2019

Os 246 municípios goianos se cadastraram no Programa Saúde na Escola com apoio da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás ...

Institutos Federais vão formar novos agentes digitais

07/03/2019

Os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia (IFs) terão até 29 de março para aderir ao Programa Nacional d...