(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Indústria moveleira terá arranjo produtivo

Geral Comentários 08 de fevereiro de 2013

Setor que tem grande potencial de crescimento no Município é alvo de programa para fortalecimento da cadeia produtiva


O Sebrae de Anápolis realizou nesta quinta-feira,7, um encontro com empresários do setor moveleiro para a apresentação do projeto de Arranjo Produtivo Local para o setor. O assunto foi tema também de reunião entre representantes do próprio Sebrae, da Fieg Regional Anápolis e do Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Anápolis (Sicma), que estão planejando ações com o objetivo de levantar o maior número de adesão para o projeto da APL. O gerente regional do Sebrae e o Analista e Gestor de Projetos da entidade, George Gustavo Toledo e Arildo Francisco Costa, respectivamente, destacaram que o Arranjo Produtivo Local é um programa que visa fortalecer toda a cadeia moveleira, sendo o mesmo executado num período de aproximadamente quatro anos, envolvendo etapas de capacitação, consultoria, acesso a novos mercados, dentre outros. Ou seja, é um programa voltado para a qualificação e a consequente melhoria da rentabilidade das empresas.
O presidente da Fieg Regional, Ubiratan Lopes, afirmou que a escolha do segmento “foi extremamente acertada”, uma vez que, segundo ele, a indústria moveleira da região tem um enorme potencial, inclusive, com empresas que se destacam no cenário nacional. O presidente do Sicma, Álvaro Otávio Dantas Maia, reforçou dizendo que o projeto da APL poderá ajudar a aglutinar o setor, para que o mesmo seja fortalecido. “Nós temos procurado trabalhar isso no Sindicato”, frisou.
O diretor do Sicma, Marcos Vinícios Pereira de Carvalho, que é empresário no segmento moveleiro, afirmou que o Arranjo Produtivo Local será um “divisor de águas” para o segmento. Ele citou que em Goiânia, pôde acompanhar o desenvolvimento de um empresário que aderiu ao programa e teve bastante êxito na expansão do seu negócio. “É uma grande oportunidade para nós e para a cidade de Anápolis”, afiançou.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Município quita dívidas trabalhistas de ex-servidores comissionados

19/04/2017

A Prefeitura de Anápolis começa a quitar dívidas trabalhistas do município, que estão pendentes desde 2011, para ex-serv...

Ovos de chocolate com diferenças salgadas, aponta pesquisa do Procon

12/04/2017

O Procon de Anápolis divulgou a pesquisa sobre os preços de produtos para a páscoa- ovos de chocolate e caixas de bombons....

Projeto da sede do MP tem significativo avanço

12/04/2017

A proposta de se definir uma nova sede para as promotorias de Justiça em Anápolis (hoje funcionando em um edifício da Aven...

Advogados receberam a Caravana Nacional de Prerrogativas

07/04/2017

Morosidade do Poder Judiciário; desrespeito por parte de autoridades policiais, juízes, promotores; porte de arma; e até o...