(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Hospital Espírita retoma atendimento com mudanças

Cidade Comentários 12 de fevereiro de 2016

Novo modelo de funcionamento foi acordado entre a direção da unidade, a Secretaria Municipal de Saúde e o Ministério Público


O Hospital Espírita Psiquiátrico (HEP) de Anápolis retomou o atendimento ao público, após pouco mais de um mês de paralisação, em virtude de problemas financeiros ocasionados pela baixa remuneração de serviços prestados no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS) e pelo atraso de repasses em convênios firmados com os governos Municipal e Estadual, por via das suas respectivas secretarias de saúde.
A reabertura da unidade aconteceu depois de uma série de negociações, sendo que, na última delas, às vésperas do carnaval, com a coordenação do Ministério Público, chegou-se a um consenso sobre o novo modelo de funcionamento. Para o promotor Marcelo Henrique dos Santos, da Curadoria da Saúde, as perspectivas sobre este redimensionamento do atendimento “são bastante positivas”. Ele acrescentou que o momento, agora, é de avaliação e planejamento. “O importante é que tivemos uma solução consensual”, destacou.
A presidente do HEP, Lucimar Gonçalves, ponderou que através do acordo feito com a Secretaria Municipal de Saúde, a unidade terá uma reformulação na sua gestão, sobretudo em relação aos atendimentos de urgência e emergência. Ela, também, salientou que, em relação ao repasse do convênio com a Prefeitura que estava em atraso, de R$ 400 mil, o mesmo será integralmente pago até o mês de março próximo.
O secretário municipal de Saúde, Luiz Carlos Teixeira, assinalou que foi buscar em Brasília, subsídios junto ao Ministério da Saúde e, conforme disse, a orientação que recebeu foi que o Município tem autonomia para desenvolver o seu modelo de atendimento à saúde mental. Ele observou que o Município conta com uma rede formada por três centros de atendimentos psicossociais (CAPs) e o programa Consultório de Rua. E, a partir de agora - disse ele - o HEP, também, passa a integrar esta rede de forma mais estruturada.
O secretário explicou que, pelo acordo firmado, o Município passará a fazer a regulação do atendimento no hospital que, até então, recebia pacientes de mais de 100 localidades, inclusive, de outros estados. Dentro da nova gestão, a prioridade será atender aos doentes de Anápolis e das cidades que procurarem o Município para fazerem a pactuação. O que, em sua opinião, contribuirá significativamente para a otimização dos recursos e o melhor uso dos 320 leitos disponíveis na unidade.
Outra definição importante, de acordo com Luiz Carlos Teixeira, é com relação à chácara onde o HEP mantém cerca de 50 pacientes que foram abandonados pelos familiares. O Município deve assumir esse trabalho, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. “É um problema social e não de saúde”, ponderou o secretário, assinalando que isso, também, vai contribuir para o equilíbrio financeiro do HEP.
O hospital deverá receber contrapartidas mensais na ordem de R$ 300 mil, oriundos de verbas repassadas para a saúde mental do Município. Com estas medidas, acredita-se que o Hospital Espírita possa se manter e cumprir o seu papel dentro da rede, que será garantir a internação dos pacientes que necessitam de acompanhamento especializado. “Chegamos a um consenso, graças a Deus”, comemorou Luiz Carlos Teixeira.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

UniEVANGÉLICA apoiou evento voltado a idosos

16/11/2017

A UniEVANGÉLICA participou das celebrações dos 15 anos do Instituto de Seguridade Social de Anápolis – ISSA, vinculado ...

Município vai ter encontro do Projeto Goiás 2038

16/11/2017

A secretaria estadual de Desenvolvimento Econômico (SED-GO) reunirá representantes do Governo Municipal e da sociedade orga...

Fechamento de bares mais cedo volta à discussão em Anápolis

16/11/2017

Proposta já aplicada em várias cidades brasileiras e defendida por muitas outras, inclusive Anápolis, a limitação de hor...

Mudança extingue a 137ª Zona e remaneja mais de 46 mil eleitores

09/11/2017

Mais de 46 mil eleitores da 137ª zona eleitoral de Anápolis devem ser remanejados para as 3ª, 141ª e 144ª zonas eleitora...