(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Grupo Martins pode vir para Goiás

Economia Comentários 19 de julho de 2013

Um dos maiores grupos do setor atacadista do País, poderá se instalar em Goiás. Não foi divulgado se há preferência por algum município


O governador Marconi Perillo foi recebido na última segunda-feira, 15, em Uberlândia (MG), pelo presidente do grupo Martins Comércio e Serviços de Distribuição S/A, Alair Martins do Nascimento, e toda a diretoria. Na ocasião, foram feitos os primeiros contatos com vistas à instalação de uma Unidade Regional de Negócios da empresa em Goiás, nos moldes das que ela mantém em Uberlândia, Manaus (AM), João Pessoa (PB), Ananindeua (PA), Jaboatão dos Guararapes (PE) e Camaçari (BA).
Os acertos preliminares preveem que a unidade terá custo, para a instalação, de R$ 80 milhões, gerará 500 empregos diretos e dois mil indiretos, devendo produzir um faturamento anual, no início, de R$ 800 milhões. O governador aproveitou a oportunidade para cumprimentar e parabenizar os representantes do grupo Martins, que este ano completa 60 anos de existência. Para Marconi, a Distribuidora Martins é uma grande empresa que, certamente, agregará muito valor à economia goiana, gerando emprego e ajudando a implementar ainda mais o desenvolvimento do Estado.
O governador disse ainda que a decisão é resultado do esforço que faz na busca de novos e importantes empreendimentos para Goiás, tarefa que realiza com muito interesse e denodo. Falou também dos investimentos que estão sendo feitos pelo Governo de Goiás para garantir uma boa infraestrutura viária, com foco também na interligação entre os modais rodoviário, de aeroportos e hidroviário, com investimentos que chegam a quase R$ 3 bilhões no atual Governo.

Detalhes
Alair Martins afirmou que Goiás é um Estado muito importante para o grupo e que agora será mais importante ainda, quando da concretização dessa Unidade de Negócios. Ele mostrou interesse e conversou quase uma hora reservadamente com o governador Marconi, na busca de acertar detalhes do apoio do Governo de Goiás à instalação da empresa no Estado. Marconi estava acompanhado pelo secretário de Governo, Sérgio Cardoso. Receberam o governador ainda os diretores Sérgio Barroso, Cássio Macedo, Evaldo Couto e Poliram Gomes.
O grupo Martins é composto de vários ramos empresariais, destacando-se principalmente como o maior atacadista e distribuidor da América Latina, distribuindo mercadorias para 100% dos municípios brasileiros. Ele possui também o Tribanco, a rede Smart Supermercados (com 800 mil lojas filiadas em 600 cidades e 21 Estados) e a Universidade Martins do Varejo. O grupo divulga uma postura de trabalho amparada na responsabilidade social, desenvolvendo e apoiando projetos das áreas da educação, social, cultural e ambiental, coordenados, desde 2005, pelo Instituto Alair Martins. (Com informações da Agência Goiás Agora)

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Município cai no ranking goiano de exportações

16/11/2017

Mais de US$ 1,4 bilhão. Este é o valor da corrente de comércio, representada pela soma das exportações e importações f...

Produto Interno Bruto de Goiás registra queda de 4,3% em 2015

16/11/2017

A economia goiana movimentou R$ 173,63 bilhões em 2015, valor R$ 8,62 bilhões acima do registrado no ano anterior (R$ 165,0...

Secretário se compromete a intermediar causas de empresários com a Companhia

09/11/2017

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Francisco Pontes, afirmou que vai intermediar um encontro para solucion...

Luta nacional transforma-se em uma “briga” caseira em Goiás

09/11/2017

O Governo de Goiás e o setor produtivo travam uma verdadeira batalha em torno do Decreto 9.075, de 23 de outubro de 2017, as...