(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Gomide terá R$ 713 milhões para gastar em 2011

Cidade Comentários 19 de dezembro de 2010

Proposta aprovada na Câmara de Vereadores prevê um incremento na estimativa de receitas e despesas em mais de 60%. Saúde é a área contemplada com mais recursos


Aprovada em segunda votação pela Câmara de Vereadores, a Lei Orçamentária Anual (LOA), que faz a previsão de receitas e despesas para o exercício de 2011, vem com uma estimativa bastante otimista. Segundo o projeto original encaminhado ao Legislativo pelo prefeito Antônio Gomide, a receita projetada para o próximo ano (a despesas segue o mesmo valor) será de R$ 713.388.701,06. Um aumento de 60,22% em relação à previsão para o exercício de 2010, cujo valor foi de R$ 445.230.939,30.
O projeto original ainda recebeu 30 emendas apresentadas pelos vereadores, as quais foram aprovadas numa votação em bloco. O relator do projeto, vereador Valmir Jacinto (PR), deu parecer favorável, embora, no seu despacho, tenha feito várias ressalvas e, segundo ele, se as emendas forem avaliadas pelo viés técnico, 28 correm risco de serem vetadas. O número de emendas, aliás, foi bem menor que o apresentado no ano passado - 117.
O setor contemplado com a maior previsão de gastos para 2011 será o da saúde, com o montante previsto de R$ 147.916.527,29. Em segundo lugar vem a educação, R$ 118.135.355,29; e, em terceiro, a área de urbanismo, R$ 115.657.172,68. A Câmara Municipal, com o aumento da receita estimada, ganha um reforço considerável no repasse por parte do Executivo. No ano que vem, a previsão do repasse ao Legislativo é de R$ 14.242.526,47. Na LOA de 2010, a previsão foi de R$ 11,8 milhões. Com o novo orçamento, o duodécimo (parcelas mensais que são repassadas para as despesas do Poder) será de R$ 1.186.960,53.
Na justificativa do projeto, o prefeito Antônio Gomide destaca que a fixação dos valores da LOA para 2011 tiveram como parâmetro o crescimento da receita nos anos de 2007 a 2010. Outro ponto é a limitação para a abertura de créditos adicionais de natureza suplementar, que não podem exceder a 50% do valor original do orçamento previsto. Integram a receita do Município, tanto as arrecadações próprias quanto as transferências legais do Estado e da União. O projeto autoriza, também, a realização de operações de crédito para fins de antecipação de receita, até o lime de 25%.

Argumentação
O prefeito Antônio Gomide explicou ao CONTEXTO que o aumento na estimativa de receitas e despesas para o ano de 2011, se deve a uma nova estratégia adotada pela Administração. Segundo ele, nos últimos anos, o que vinha ocorrendo era uma cultura de se adotar estimativas baixas e, ao final do ano, sempre era necessário recorrer à suplementação. A ideia é não precisar recorrer a esse tipo de artifício. “Não tem problema se a estimativa estiver a maior, porque isso nos permite até trabalhar para buscar mais recursos. Não perdemos nada, pelo contrário”, ressaltou.

Despesas por função (Em R$)
Legislativa - 14.243.526,47
Administração - 70.335.185,69
Segurança Pública - 3.121.800,00
Assistência Social - 18.250.318,00
Previdência Social - 47.375.417,00
Saúde - 147.916.527,29
Educação - 118.135.355,29
Cultura - 11.160.809,48
Direitos da Cidadania - 694.616,00
Urbanismo - 115.657.172,68
Habitação - 11.904.000,00
Saneamento - 58.207.848,36
Gestão Ambiental - 50.799.000,00
Ciência e Tecnologia - 5.677.161,00
Agricultura - 3.751.000,00
Indústria - 1.007.500,00
Comércio e Serviços - 2.257.780,80
Transporte - 3.000.000,00
Desporto e lazer - 11.986.683,00
Encargos especiais - 7.907.000,00
Reserva de contingência - 10.000.000,00
TOTAL - 713.388.701,06

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Evangélicos de várias denominações vão para as ruas neste sábado

08/12/2017

O Conselho de Pastores de Anápolis, com o apoio de diversas igrejas do Município, realiza, neste sábado, 09, mais uma edi...

Projeto “Natal de Coração” democratiza festa social

01/12/2017

O Prefeito Roberto Naves e a Primeira-Dama, Vivian Cristina Albernaz Naves lançaram, na noite da última quarta-feira, 29, a...

Secretaria do Meio Ambiente volta a plantar ipês na Avenida Brasil

30/11/2017

Um dos principais projetos de arborização já executado em Anápolis, o plantio de dez mil mudas de ipês amarelos na Aveni...

Décima Conferência Municipal de Saúde começa na 2ª feira com extensa pauta

30/11/2017

A 10ª edição da Conferência Municipal de Saúde (CMS) será aberta oficialmente na próxima segunda-feira, 04, no auditó...