(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Gomide se defende de denúncias feitas pelo Ministério Público

Cidade Comentários 01 de fevereiro de 2018

Ele apresenta versão para as denúncias sobre praça esportiva do Bairro Antônio Fernandes e o novo prédio da Câmara Municipal


O ex-prefeito e atual vereador, Antônio Gomide (PT), diz estar tranquilo em relação à defesa que deverá apresentar junto ao Poder Judiciário, quanto a provocação feita pelo Ministério Público questionando possíveis irregularidades nas obras da construção da Praça Esportiva “Gracinda Maria da Silva”, no Bairro Antônio Fernandes, e do novo prédio da Câmara Municipal, na região central. O processo, que pede abertura de ação civil pública de improbidade administrativa, foi encaminhado pelo promotor Arthur José Jacon Matias à juíza da Vara dos Feitos da Fazenda Pública da Comarca local, Mônice de Souza Balian Zaccariotti.
Em entrevista ao Canal 14, reproduzida no YouTube, Gomide afirmou, no começo da semana, não ter sido ainda notificado pelo Judiciário, mas afirmou estar tranquilo em relação à defesa que fará perante o Poder Judiciário, respodendo a todos os questionamentos que forem mevessários.
O ex-prefeito explicou que a obra do Praça Esportiva do Antônio Fernandes começou em 2013 e terminou entre o final de 2015 e início de 2016, fora de sua gestão. Ele ponderou que o processo referente a esta obra foi para o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) e lá recebeu algumas ressalvas que, posteriormente, foram respondidas e sanadas. Também, conforme reconheceu, foram aplicadas algumas multas. Além de Gomide, são citados neste processo o ex-secretário de Meio Ambiente, Francisco Carlos Costa e os engenheiros da Prefeitura Sóstenes Mariano e Rodolfo Teles. Entretanto, conforme relatou Gomide, o TCM aprovou o processo e no acordão, seu nome não foi sequer citado, por conta de alguma irregularidade. Ele observou ter estranhado este fato. “Se tivesse alguma irregularidade ou acórdão em contrário àquilo que estava determinado, já poderíamos ter sido questionados”, ponderou.
Gomide disse estranhar também o fato de o MP perdir o ressarcimento em valor integral da obra, ou seja, cerca de R$ 3,133 milhões. Ao passo que a mesma foi realizada e entregue. Se o recurso não tivesse sido gasto, segundo pontuou, no local haveria somente o terreno. Mas, conforme disse, a obra foi entregue e “bem feita”.

Câmara Municipal
Em relação ao novo prédio da Câmara Municipal, o ex-prefeito Antônio Gomide salientou, na entrevista, que a ordem de serviço, os pagamentos e medições, em nenhum momento, passaram pelo período de sua gestão. Porém, ele reconheceu que a elaboração dos projetos e a realização da licitação ocorreram dentro da sua administração.
No entanto, Gomide enfatizou que, na época, esta licitação envolvia 177 pranchas de projetos, desde o arquitetônico, passando pelos projetos de cabeamento, hidrossanitário, dentre outros e que a empresa vencedora da licitação, a Albenge Engenharia, que ofertou o menor preço no certame, poderia e tinha competência para apontar algum problema em qualquer um dos projetos. “Ela fez análise para assinar a ordem de serviço”, ponderou, reafirmando que as demais etapas de realização e acompanhamento da obra, ocorreram quando ele já estava fora da Prefeitura.
Questionado se poderia estar havendo alguma motivação política, Gomide afirmou acreditar que sim, que pode haver pessoas interessadas em atacar a sua imagem, notadamente, pelo fato de 2018 ser um ano eleitoral.
Aproveitando, Gomide defendeu-se ainda dizendo que na sua gestão à frente da Prefeitura de Anápolis, foram construídas 12 creches, uma Unidade de Ppronto Atendimento (UPA), o Planetário Digital, o Cais Mulher, asfalto nos bairros e outras obras. “Nós não tivemos problemas com nenhuma delas”, argumentou o ex-chefe do executivo anapolino, reiterando que está tranquilo e que vai apresentar todos os elementos necessários para a sua defesa no Judiciário.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Cidade

Galeria Antônio Sibasolly ganha acervo literário

08/11/2018

Agora a biblioteca da Galeria de Artes Antônio Sibasolly conta com mais 264 novos títulos sobre artes visuais, arquitetura ...

Atraso no pagamento pode comprometer as vendas do Natal

08/11/2018

A possibilidade de haver atraso no pagamento de salários dos servidores públicos estaduais preocupa as entidades que repres...

Prefeitura dá início à instalação de iluminação especial de fim de ano

08/11/2018

A Prefeitura já prepara o presente que melhor simboliza a autoestima do povo anapolino, durante as comemorações que marcam...

‘Natal do Coração II’ será levado a diversos bairros e aos distritos

08/11/2018

O secretário municipal de Cultura, Herivelson Borges, anunciou nesta quinta-feira,08, que a segunda edição do “Natal do ...