(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Goiás é o quinto estado com mais fraudes no Seguro-Desemprego

Geral Comentários 10 de maio de 2018

Sistema Antifraude impediu o pagamento de mais de R$ 20,8 milhões em 3,7 mil benefícios irregulares desde dezembro de 2016


O estado de Goiás é o quinto colocado no ranking de requerimentos bloqueados pelo Ministério do Trabalho desde a entrada em operação do sistema de Detecção e Prevenção à Fraude no Seguro-Desemprego, em dezembro de 2016. Até abril de 2018, as fraudes bloqueadas chegaram a R$ 21,7 milhões, em quase 3,8 mil casos registrados.
Goiânia foi o Município com o maior número de registros: 2,5 mil fraudes bloqueadas, totalizando um valor de 14,8 milhões. Depois, destacaram-se Aparecida de Goiânia, com 976 casos e fraudes perto de R$ 4,9 milhões; Novo Gama, que teve 66 requerimentos bloqueados, chegando a R$ 414,6 mil; Águas Lindas de Goiás, que em 42 fraudes bloqueadas atingiu R$ 273,7 mil; e Planaltina, com 39 bloqueios e cerca de R$ 240,2 mil. Anápolis teve, apenas, nove casos registrados, totalizando R$ 63.315,00. A maioria dos bloqueios no Estado foi de benefícios na modalidade Emprego Formal, chegando a R$ 20,8 milhões em 3,4 mil casos. Já, a modalidade de emprego Doméstico chegou a 338 fraudes bloqueadas, com valor de R$ 924,8 mil.
Nacional
Em todo o Brasil, o sistema de Detecção e Prevenção à Fraude no Seguro-Desemprego implantado em dezembro de 2016 já proporcionou uma economia de quase R$ 1 bilhão aos cofres públicos até abril de 2018. Com quase 62 mil requerimentos bloqueados nesse período, o Antifraude chega perto de R$ 313,7 milhões em fraudes bloqueadas em todo o Brasil. “Esses recursos seriam levados por quadrilhas organizadas que, ao longo do tempo, fraudaram e roubaram o dinheiro dos cofres públicos, mas agora elas estão sendo identificadas e interceptadas, com o uso da tecnologia de ponta”, afirma o ministro do Trabalho substituto, Helton Yomura.
O sistema Antifraude é uma solução avançada de análise, que utiliza tecnologia de ponta para colher dados, informações e conhecimentos, subsidiando o processo de detecção de indícios de fraudes, conluios e riscos associados à gestão de recursos do Seguro-Desemprego, em todas as suas modalidades - Emprego Formal, Doméstico, Pescador e Bolsa Qualificação.
A economia total, no montante exato de R$ 965.589.391,00 até agora, inclui a soma de R$ 313.695.406,00 em fraudes já bloqueadas e R$ 651.893.985,00 em ilícitos previstos. No primeiro caso, a fraude já ocorreu, mas o MTb conseguiu impedir o pagamento de parcelas previstas; no segundo, são consideradas fraudes evitadas desde o início do projeto, além de uma projeção da Coordenação do Seguro-Desemprego de ilícitos que seriam cometidos nos próximos 12 meses, mas que foram impedidos com o uso da tecnologia. “A previsão é de chegar ao total de R$ 1 bilhão em economia para os cofres públicos em breve”, explica o ministro Helton Yomura. Desde a criação do sistema, o Ministério do Trabalho, em conjunto com a Polícia Federal, já deflagrou cinco operações de combate a fraudes no Seguro-Desemprego, que resultaram em 31 prisões.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Geral

SENAI abre as portas para a comunidade

08/11/2018

Pioneiro na formação e qualificação de mão-de-obra para indústria, o Senai de Anápolis, primeira unidade de Goiás, fu...

Ex-presidente de associação condenada a 61 anos

08/11/2018

Criseide Castro Dourado, ex-presidente da Associação de Combate ao Câncer em Goiás, foi condenada a 61 anos de prisão pe...

Documento Digital será lançado no estado de Goiás

08/11/2018

A partir da próxima semana, os motoristas do estado de Goiás poderão acessar, no celular, o seu Certificado de Registro e ...

Provável fechamento da Unidade Oncológica gera polêmica na Cidade

08/11/2018

A notícia de que o tratamento oncológico oferecido pelo Hospital Evangélico Goiano (HEG) a pacientes com câncer poderia s...