(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Fim do prazo de filiações agita os bastidores da política anapolina

Política Comentários 09 de outubro de 2011

A corrida eleitoral tem o seu primeiro ato, com o encerramento do prazo para que os candidatos na eleição do próximo ano definam a condição partidária e o domicílio eleitoral


Os dias que antecederam o fim do prazo para novas filiações, mudança de partido e definição de domicílio eleitoral (sexta-feira, 07), fizeram o caldeirão político em Anápolis entrar em ebulição. Afinal, trata-se do primeiro passo para aqueles que vão concorrer a cargos eletivos no pleito de 2012 (prefeito e vereador), ou seja, estar com a situação regular perante a Justiça Eleitoral e, ao mesmo tempo, mostrar de que lado irão estar na corrida para os votos.
A grande novidade, embora já esperada, foi a filiação do secretário estadual de Indústria e Comércio, Alexandre Baldy, que se abrigou no ninho tucano. A filiação dele foi cercada de expectativa, já que o empresário e titular da SIC, está tendo o nome cotado para ser o cabeça de chapa do PSDB, para disputar a Prefeitura. Por questão estratégica, talvez, a filiação de Baldy, que foi confirmada na quarta-feira, 05, pelo vereador do partido, Fernando Cunha, foi feita sem nenhum alarde. Ele até deu declarações à imprensa, no mesmo dia, sem, contudo, tocar no assunto.
No PMDB, as atenções foram voltadas para a filiação do ex-vereador e ex-presidente da Câmara Municipal, José Victor Caixeta Ramos, que teve o seu nome, em princípio, vetado pela Executiva Municipal. Daí, teve de recorrer ao Diretório Regional, numa reunião realizada na manhã da última quinta-feira, 06, com o presidente regional, Adib Elias e o secretário geral do partido, Kid Neto, para assegurar o lugar na legenda. O veto teria ocorrido porque há correntes, dentro do partido, resistentes a uma possível candidatura de Caixeta como vice na chapa do PT, que seria encabeçada pelo atual Prefeito Antônio Gomide, concorrendo à reeleição. Mas, o próprio Caixeta, argumenta que não há nada ainda neste sentido, a não ser especulação, porque essa definição está longe de ocorrer. Porém, ele reitera que, como qualquer cidadão, sempre sonhou em chegar ao Poder Executivo.
O início do calendário eleitoral também trouxe à tona muitos nomes que estavam distantes do processo eleitoral, dentre eles o ex-secretário Nassim Farah, que atuou nas áreas de Esporte e Meio Ambiente em administrações anteriores. Nassim já pertenceu aos quadros do PMDB e a sua nova legenda é o PSC, que tem como principal liderança no Município o deputado estadual Carlos Antônio. No PTB, quem está retornando à cena política é o ex-vereador e ex-deputado estadual José Lopes, que já foi candidato a Prefeito e passou por outros partidos, dentre eles o PSDB. O partido tucano, por sua vez, recebeu, com entusiasmo, a filiação do pastor Victor Hugo Queiróz, que estava no PHS.

Mais mudanças
As mudanças e novidades não param por aí: O ex-vice Prefeito Atair Pio de Oliveira deixou o PP e está agora no PSB. Junto com ele, o ex-secretário municipal Jorge Matsubara. O ex-vereador José Chaveiro colocou os pés no PSB, mas foi parar no PTN. Ele estava filiado ao PTB. Os ex-vereadores José Borges e José Vieira, foram aquisições do PT, depois de deixarem o PSDB. O PDT filiou Fernando Dutra, que era do PTB e Jalme de Souza Fernandes, ex-PSDB, além de Wolney Gomes do Santos, que era do PPS.
O PMDB, além da filiação de José Caixeta, ganhou também novas filiações, dentre elas a da Presidente da União Literária Anapolina, Natalina Fernandes e o advogado André Ignácio de Almeida. O PTB comemorou a vinda para os seus quadros do atual presidente da Associação Atlética Anapolina, Leandro Ribeiro.
No PR, foi sentida a baixa do vereador Cabo Jacinto, que foi para o PTC, para onde migrou o casal Adhemar e Onaide Santillo, após sair do PMDB. O Partido da República estava, na quinta-feira, 06, para definir a sua Comissão Provisória. Segundo informações, o advogado Ulisses Bittencourt iria assumir a legenda, mas depois foi informado que o presidente seria o Pastor Leordino Lopes. Nenhuma informação foi confirmada até o fechamento da edição.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Política

Ronaldo Caiado acusa Governo de usar dados para mascarar crise do Estado

08/11/2018

O governador eleito Ronaldo Caiado (Democratas) cobrou maior transparência nos dados repassados à equipe de transição pel...

Partido realiza ação social em prol da Casa Joana

08/11/2018

O Democratas Mulher Anápolis irá realizar nesta sexta-feira, 09, a partir das 09 horas, em Anápolis, uma manhã odontológ...

Vereador exige explicações para aumento da energia elétrica em Goiás

08/11/2018

O vereador João da Luz (PHS) informou na tribuna, durante a sessão ordinária da última quarta-feira,07, que esteve em Bra...

Ronaldo Caiado terá muitos desafios para enfrentar em sua terra natal

02/11/2018

Não dá para falar que se trata de uma “herança maldita”. Mas, dá para dizer que os “gargalos” de Anápolis vão o...