(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

FIEG está presente na história de Anápolis

Geral Comentários 28 de julho de 2014

Município foi o primeiro em Goiás a receber uma escola profissionalizante do SENAI e uma Regional da Federação


O Sistema Federação das Indústrias do Estado de Goiás está presente na história de Anápolis, ajudando a construir e a consolidar o setor industrial que, hoje, é referência no Brasil e no exterior. A relação da FIEG com Anápolis teve início em 1956, com a instalação da Escola SENAI “Roberto Mange”, a primeira em território goiano a dar suporte aos segmentos produtivos, em especial ao setor metal mecânico, à época fundamental para o desenvolvimento industrial.
Atualmente, segundo Wilson de Oliveira, existem seis Sindicatos Patronais ligados à Federação, através de sua Regional em Anápolis, entidade que preside e que é, o primeiro “braço” da FIEG fora da Capital. A Regional- lembrou- tem sua origem em 1999, na gestão do saudoso Aquino Porto que, na ocasião da inauguração, estava licenciado e, portanto, estava em exercício o presidente Paulo Afonso Ferreira. A direção do Núcleo foi confiada ao empresário Waldyr O´Dwyer, hoje, ainda, seu presidente de honra, e ao coordenador Gilson Amaral Brito, que faleceu há pouco mais de um ano. No dia 24 de fevereiro de 2011, o presidente da FIEG, Pedro Alves, indicou para presidir o Núcleo, o empresário Ubiratan da Silva Lopes, com a missão de transformar o Núcleo em uma Regional da Federação, o que se consolidou, em 2013, com a aprovação do seu Regimento Interno.
O atual presidente, Wilson de Oliveira, ressalta que a Regional é o canal de ligação da indústria com o Sistema FIEG que tem, no Município, uma enorme gama de serviços e benefícios disponibilizados pelo Sistema. “Nós temos aqui a Faculdade de Tecnologia SENAI Roberto Mange, que é uma referência na formação e qualificação de mão-de-obra para a indústria; temos duas unidades do SESI, uma na Jaiara e outra no Jundiaí, que atuam na área de educação, na área social e de recreação, com ações voltadas para os trabalhadores e seus dependentes; além dos serviços na área de odontologia; as assessorias especializadas nas áreas de segurança e medicina do trabalho, a Cozinha Brasil e uma série de outros serviços. E temos também aqui em Anápolis o Instituto Euvaldo Lodi, atuando na área de estágio, consultoria e educação empresarial e os serviços do ICQ Brasil, que são direcionados à qualificação de empresas”, destacou.
Wilson de Oliveira ressalta também que a parceria da FIEG com a Prefeitura resultou na criação de três unidades descentralizadas do SENAI, para formação e qualificação de mão-de-obra, ou seja, uma na região do Filostro Machado, outra na região do Recanto do Sol e a terceira na região do Setor Industrial Munir Calixto. “Com isso, nós fazemos com que os cursos estejam mais acessíveis às pessoas que precisam”, pontuou.
Os seis sindicatos que integram a FIEG Regional, são: Sindicato das Indústrias de Alimentação de Anápolis (SINDALIMENTOS), Sindicato das Indústrias da Construção e do Mobiliário de Anápolis (SICMA), Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Anápolis (SIMMEA), Sindicato das Indústrias do Vestuário de Anápolis (SIVA), Sindicato das Indústrias Cerâmicas do Estado de Goiás (SINDICERGO) e Sindicato das Indústrias Farmacêuticas no Estado de Goiás (SINDIFARGO).

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Lei mira a perturbação do sossego público

14/09/2017

O Prefeito Roberto Naves (PTB) encaminhou à Câmara Municipal um projeto promovendo modificações na Lei Complementar 279/2...

Aumenta demanda por atendimento

08/09/2017

Revelados nesta segunda feira (4), pela dirigente do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), Eriz...

Prazo para adesão próximo de acabar

31/08/2017

Contribuintes que estão inadimplentes com a Prefeitura de Anápolis têm até o dia 14 de setembro para quitar suas dívidas...

Ação contra Carla Santillo prescreveu

31/08/2017

A 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) entendeu estar prescrita a ação em desfavor de Carl...