(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Espetáculo arrancou risos e suspense

Cultura Comentários 29 de maro de 2019

Projeto financiado por lei de incentivo passa por Anápolis e mais 19 cidades


Uma das histórias mais populares a nível mundial, em uma roupagem nova, tirou risos e expectativas nos adolescentes de crianças do Centro Educação Unificada Ayrton Senna, no setor Filostro Machado. O espetáculo teatral “João e Maria” realizou duas apresentações para alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental na manhã de hoje (28). O projeto é da Companhia Flor do Cerrado e do Instituto Sócio Educativo Juvenil (Insej) com financiamento da Lei Goyazes, do Governo de Goiás, e apoio cultural da empresa Laticínio Bela Vista (Piracanjuba). O apoio local foi dado pela Secretaria Municipal de Cultura.
Baseado em uma das histórias infantis mais populares e clássicas do mundo, o grupo goiano fez uma adaptação desse clássico para o teatro. No enredo, os irmãos João e Maria desobedecem sua mãe e ao entrar no porão encontram um velho baú encantado que os levam para uma aventura no desconhecido e à espreita de perigos. Partindo da história original dos irmãos Grimm, foi dada uma nova roupagem à peça que estão na referência a desenhos infantis assistidos pelas crianças à parte cenográfica com pinturas virtuais.
Cerca de 566 alunos dos níveis escolares Infantil e Fundamental tiveram um momento de lazer e aprendizado na apresentação do projeto. Atrações como o teatro tem despertado a atenção dos alunos da unidade tanto em assistir as peças quanto de iniciarem em oficinas e aulas artísticas. “Em uma unidade como esta, que parte dos alunos estão em período integral, as atrações e o ensino artístico desempenham um papel fundamental para desenvolver diferentes áreas na vida dos alunos”, destaca a coordenadora pedagógica de áreas diversas da Unidade, Cida Fonseca.
Projeto
A Cia Flor do Cerrado, do município de Trindade, tem 6 anos de trajetória. Atualmente está com dois espetáculos em circulação em 10 cidades do interior de Goiás e 5 cidades do entorno de Brasília. Além do “João e Maria”, está percorrendo os palcos a peça “O Pequeno Príncipe”, para escolas das redes municipais e outros espaços públicos. “O objetivo do projeto é “levar uma produção artística de qualidade às cidades de forma gratuita, garantindo a democratização a arte e o acesso a uma cultura de qualidade”, aponta o produtor cultural da Cia, Hélio Martins.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cultura

Salão de Artes divulga artistas selecionados para exposições

17/04/2019

Após três dias de trabalho intenso dedicados à avaliação de 795 portfólios, estão definidos os 20 artistas selecionado...

Orquestra Jovem de Anápolis abre o calendário de 2019 fazendo bonito

17/04/2019

A Orquestra Jovem de Anápolis realizou na última terça-feira, 16/04, na Escola de Música de Anápolis (EMA) a abertura da...

Festival Edança começa no próximo dia 25 e vem recheado de atrações

17/04/2019

O 14º Edança começa na próxima segunda-feira, 22, e vai até o dia 25 com uma programação integrando grupos anapolinos ...

Mostra de teatro em Anápolis este ano vai ter como foco a pedagogia

13/04/2019

O ensino artístico é o ponto de partida para novos talentos e olhares mais amplos sobre o viver. A quinta edição do Evoé...