(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Espaço garantido para o lixo por mais cinco anos

Cidade Comentários 16 de outubro de 2015

Ampliação do espaço está quase pronta e a operação com a nova célula deve iniciar já no mês que vem


Até o início de novembro vai entrar em operação a terceira célula do Aterro Sanitário de Anápolis. A obra, que entra para a reta final, impressiona, não só pelo tamanho (ocupa uma área de mais de 30 mil metros quadrados), mas por sua engenharia, o que coloca o Município numa situação de vanguarda em termos de tratamento do lixo urbano.


Nesta quinta-feira, 15, o Prefeito João Gomes, acompanhado de vários secretários, técnicos e diretores da GC Ambiental - empresa que é responsável pelo serviço de coleta e tratamento do lixo em Anápolis - vistoriou o serviço, que deve ser concluído dentro dos próximos dias. “Saímos na frente e temos, hoje, um aterro sanitário licenciado, o qual utiliza um sistema de tratamento que é um dos melhores e mais modernos”, destacou. Ele acrescentou que, durante décadas o lixo urbano foi depositado em diversos locais e sem nenhum tipo de tratamento. Agora, disse, o Aterro Sanitário está estruturado para atender toda a demanda pelos próximos cinco anos. Inclusive, o Município já recebeu, por conta de investimentos nesta área, importantes premiações ambientais, como o Prêmio “Chico Mendes”.


O engenheiro Guilherme Aires, da GC Ambiental, explicou que a nova célula do Aterro Sanitário tem capacidade instalada para receber 480 mil metros cúbicos de lixo orgânico. Para se ter uma ideia, por dia, cerca de 280 toneladas de lixo são processadas no local. Ainda, sobre a obra, informou que a célula é revestida por uma geomembrana PEAD com dois milímetros de espessura. Este material já foi colocado e, agora, está sendo coberto com uma camada de terra.


 


Chorume


A célula conta, também, com sistema de drenagem, que transporta o chorume, resíduo líquido resultante da decomposição química e biológica do lixo e se caracteriza por ser altamente poluente, não podendo ser despejado no solo, necessitando de tratamento. No aterro, são utilizados dois sistemas de tratamento do chorume: o aeróbico (decomposição pelo oxigênio) e o anaeróbico (coberto). Outro detalhe técnico é que o chorume, tanto desta terceira célula quanto das duas outras, não precisa ser bombeado para a lagoa. O mesmo é transportado por “gravidade”, com os declives nos terrenos que são devidamente calculados para esta finalidade.


Embora deva ficar pronta em mais alguns dias, a terceira célula só vai começar a receber lixo no início de novembro, em função de que a segunda célula ainda está sendo utilizada, mas bem próxima de esgotar a sua capacidade. A obra da terceira célula começou no dia 24 de agosto último.


O Brasil tem, atualmente, 2.202 municípios com aterros sanitários, o que representa apenas 39,5% das cidades do País, e Anápolis é uma das que integram esta lista e estão em conformidade com Lei nº 12.305/2010, que instituiu no País a Política Nacional de Resíduos Sólidos. O Município, também, foi um dos poucos a cumprirem o prazo legal para a retirada de catadores dos aterros e lixões, que foi fixado para o mês de agosto deste ano. Hoje, estes catadores estão organizados em duas cooperativas que fazem o aproveitamento do lixo reciclável.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Anápolis gerou 139 novos empregos formais em julho

18/08/2017

Pelo sétimo mês consecutivo, Anápolis manteve em julho um saldo positivo na geração de empregos com carteira assinada, a...

Anápolis mantém redução alta em casos de dengue

18/08/2017

A dengue tem dado uma trégua em Anápolis, desde o começo do ano. No último boletim epidemiológico divulgado pela Secreta...

Desvio de rede de esgoto interdita trecho da Avenida Brasil

18/08/2017

O diretor geral da Companhia Municipal de Trânsito e Transporte, Carlos Cezar Toledo, comentou, em sua rede social, sobre as...

Gerados 139 novos empregos em julho

18/08/2017

Pelo sétimo mês consecutivo Anápolis manteve em julho um saldo positivo na geração de empregos com carteira assinada, al...