(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Equipe realiza Seminário de Educação em Kuito

Especial Comentários 12 de janeiro de 2018

O objetivo foi capacitar e empoderar os educadores na metodologia de ensino e aprendizagem


A equipe que participa do projeto EDUKA+ANGOLA realizou entre os dias 03 a 05 de janeiro, na cidade do Kuito, na província do Bié, o I Seminário EDUKA+ANGOLA. O seminário foi coordenado pelo angolano Prof. Ernesto Feliciano (egresso do curso de Pedagogia) e pela professora Clê Ferreira, que tiveram apoio de oito acadêmicos dos cursos de Pedagogia, Educação Física, Psicologia e Direito.
O projeto aconteceu em parceria com a Escola Chamuanga. A mobilização foi feita na região resultando em 42 participantes de diferentes localidades: Luanda (690km), Huíla (950 km), Huambo (150 km), Matala (1.024 km) e Bié (comunidade local). O grupo que participou do seminário foi composto por coordenadores, gestores e professores que atuam no Infantário (Educação Infantil) e no primeiro Ciclo – Educação Primária e Secundária, o correspondente à primeira e segunda fase do Ensino Fundamental no Brasil.
O objetivo principal do Seminário foi capacitar e empoderar os educadores e gestores no que se refere à metodologia de ensino e aprendizagem, bem como às possibilidades de utilização de recursos didáticos que dão sustentação a este trabalho. Todos os materiais utilizados foram confeccionados com matéria prima de baixo custo ou material reciclável, doados por acadêmicos da UniEVANGÉLICA, sobretudo os do curso de Pedagogia, com destaque para os jogos matemáticos e os livros de tecido. “Ao final do evento, todo material foi doado para as escolas e os participantes foram encorajados a produzirem estes e outros, confeccionando-os a partir das realidades em que se encontram”, contou a professora Clê.
No último dia do Seminário, foi realizado um Fórum de debates sobre a Educação em Angola: ‘Onde estamos e onde queremos chegar?’. “Paralelamente ao evento pedagógico, um grupo de 25 líderes cristãos da região, recebeu instruções didáticas sobre o preparo de mensagens bíblicas, além de palestra sobre a saúde emocional do líder cristão”, disse a professora Clê.
Ainda de acordo com a professora Clê, a equipe está extasiada com os efeitos e as repercussões do projeto. “A missão ainda não terminou e nas próximas semanas, visitaremos duas comunidades carentes, levando atividades lúdicas para as crianças, oficinas de orientação familiar aos pais e capacitação informal aos professores destas localidades. Sempre seguindo o lema: O QUE TE MOVE, MOVE O MUNDO!”, concluiu.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Especial

Doar leite é simples, saudável e salva vidas em situação de risco

05/04/2018

Ana Flávia Dias é mãe de primeira viagem e nesta semana foi ao Centro de Atenção Integral à Saúde (Cais Mulher), no Ba...

Dia Internacional da Síndrome de Down foi lembrado no Legislativo

22/03/2018

A vereadora professora Geli Sanches (PT), lembrou, na tribuna, a passagem do Dia Internacional da Síndrome de Down. Ela apro...

Modalidades paralímpicas este ano no Jogos Abertos

08/03/2018

Uma das mais tradicionais competições do calendário esportivo do município volta à cena entre os dias 15 de maio e 30 de...

Doenças que mais afetam as mulheres

08/03/2018

Nesta quinta-feira, dia 8 de março, foi celebrado o Dia Internacional da Mulher, data reconhecida mundialmente, transformou-...