(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Empresas investem R$ 964 milhões em 2018 com Produzir

Cidade Comentários 20 de dezembro de 2018

Anápolis foi a terceira cidade que recebeu mais projetos


O programa Produzir, do Governo de Goiás, encerrou 2018 com 97 projetos aprovados, resultando em R$ 964,06 milhões de investimento fixo e 3.987 empregos diretos gerados no Estado. A última reunião do ano para avaliação dos projetos pelo Conselho Deliberativo do Produzir, da Secretaria Estadual de Desenvolvimento (SED), aconteceu na manhã desta terça-feira, dia 18, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia, e foi presidida pelo secretário estadual de Desenvolvimento, Tito do Amaral. “São projetos que incrementam ainda mais a economia goiana com a geração de empregos e diversificação industrial”, afirma Tito do Amaral.
Entre os programas, a maior parte dos projetos se enquadrou no Produzir (72); Comexproduzir (10), de apoio às operações de comércio exterior; Logproduzir (7), que incentiva a instalação e expansão de empresas operadoras de logística; Microproduzir (3), voltado para micro e pequenas empresas; e Centroproduzir (3), dedicado à instalação de uma central única de distribuição de produtos de informática, telecomunicação, móvel, eletroeletrônico e utilidades domésticas em geral. Ao todo, 97 cidades foram beneficiadas em 2018.
Durante o ano, Goiânia recebeu a maior parte dos projetos (15). Na sequência do ranking, estão Aparecida de Goiânia (14) e Anápolis (13). As regiões que concentraram a maior quantidade de investimentos foram a Metropolitana de Goiânia (41), Centro (20) e Oeste (10).
Para as Regiões Nordeste e Oeste e parte da Norte, a prorrogação do ICMS chega a 98%, enquanto para o restante do Estado é de 73%.

Dezembro
Na reunião de terça-feira,18, mais 13 projetos de implantação, reestruturação e expansão foram aprovados, com investimento fixo de R$ 179,113 milhões e 1.253 empregos gerados. Entre as propostas, destaque para a implantação da empresa São Salvador Alimentos S/A em Nova Veneza. Especializada no abate de aves, fabricação de produtos de carne e preparação de subprodutos para o abate, a indústria deve gerar 874 empregos diretos na cidade com investimento de R$ 126,57 milhões.
Além de Nova Veneza, os projetos aprovados na última reunião do ano beneficiam as cidades de Águas Lindas de Goiás, Aragoiânia, Goiatuba, Aparecida de Goiânia, Catalão, Jaraguá, Senador Canedo, Iporá, Santa Bárbara e Cristalina. Balanço Desde a sua criação, no ano 2000, até 2018, o programa Produzir aprovou 2060 projetos, com geração de 219.023 empregos diretos e investimento fixo pelas empresas de R$ 44,54 bilhões.
Ao longo deste período, todos os municípios goianos foram agraciados com investimentos de empresas beneficiadas pelos programas Produzir e Fomentar, comprovando a política dos Governos de fazer a descentralização do desenvolvimento goiano, gerando empregos, rendas e melhoria da qualidade de vida da população do interior do Estado, bem como da Capital.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

SANEAGO intimada a reparar estação de tratamento de esgoto sanitário

15/03/2019

Acatando parcialmente pedido de liminar do Ministério Público de Goiás, o juiz Carlos Eduardo Rodrigues de Sousa, da Vara ...

Moderna tecnologia é aplicada para melhorar a qualidade de vida

07/03/2019

Cada vez mais, a tecnologia se torna um grande aliado para a saúde e o bem estar das pessoas. Com isso, aumenta, também, o ...

Projeto de vereadora propõe punir com multas os “sujões” da Cidade

07/03/2019

Matéria em tramitação na Câmara Municipal quer penalizar quem descarta papéis; anúncios; invólucros, sobras de aliment...

Prefeitura e SANEAGO iniciam novo diálogo sobre renovação de contrato

07/03/2019

Em entrevista à Rádio Manchester, na manhã desta quinta-feira, 07, o Prefeito Roberto Naves falou sobre as conversações ...