(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Doação de leite humano em debate

Saúde Comentários 17 de maio de 2018

Equipe do Banco de Leite promovem orientação às mães que amamentam


Neste sábado, 19, comemora-se o Dia Nacional de Doação de Leite Humano e, em alusão à data, a Prefeitura de Anápolis, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, realiza palestras a respeito do assunto em algumas unidades de Saúde da Família.
O público-alvo são mães que estejam em fase de amamentação. Na oportunidade, será explicado o que deve ser feito para uma doação adequada e qual a maneira correta para a mãe amamentar o seu filho. Os encontros serão promovidos pela equipe do Banco de Leite da Secretaria.
O leite materno é um alimento completo. Isso significa que, até os 6 meses, o bebê não precisa de nenhum outro alimento (chá, suco, água ou outro leite). Ele é de mais fácil digestão do que qualquer outro leite e funciona como uma vacina (mas, cuidado, ele não exclui a necessidade de cumprimento do calendário de imunicação da criança), pois é rico em anticorpos, protegendo a criança de muitas doenças como diarreia, infecções respiratórias, alergias, diminui o risco de hipertensão, colesterol alto, diabetes e obesidade. Além disso, é limpo, está sempre pronto e quentinho. A amamentação favorece um contato mais íntimo entre a mãe e o bebê. Sugar o peito é um excelente exercício para o desenvolvimento da face da criança, ajuda a ter dentes bonitos, a desenvolver a fala e a ter uma boa respiração.
O leite materno protege contra diarreias, infecções respiratórias e alergias. Diminui o risco de hipertensão, colesterol alto e diabetes, além de reduzir a chance de desenvolver obesidade. Crianças amamentadas no peito são mais inteligentes, há evidências de que o aleitamento materno contribui para o desenvolvimento cognitivo.

BENEFÍCIO ÀS MÃES
Reduz o peso mais rapidamente após o parto. Ajuda o útero a recuperar seu tamanho normal, diminuindo o risco de hemorragia e de anemia após o parto. Reduz o risco de diabetes. Reduz o risco de desenvolvimento de câncer de mama e de ovário. Pode ser um método natural para evitar uma nova gravidez nos primeiros 6 meses desde que a mãe esteja amamentando exclusivamente (a criança não recebe nenhum outro alimento) e em livre demanda (dia e noite, sempre que o bebê quiser) e ainda não tenha menstruado.

Programação:
Unidade de Saúde da Família – Conjunto Filostro Machado
Data: 18 de maio de 2018
Horário: 9h
Endereço: Rua Eurípedes Gomes de Melo, Qd. 01, s/n, Conj. Filostro Machado.

Unidade de Saúde da Família – Vila Santa Maria de Nazareth
Data: 25 de maio de 2018
Horário: 9h30
Endereço: Rua Martinho Fontes, Qd. 01, Lt. 06, Vila Santa Maria de Nazareth.

Projeto Acolher – Maternidade Dr. Adalberto Pereira da Silva (MAPS)
Datas: 14, 17, 18, 23, 25, 28 e 29 de maio de 2018
Horário: 8h
Endereço: Rua Firmo de Velasco, nº 1.394, Setor Centro.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Saúde

Banco de Leite do Município ganha sede própria na Vila São Joaquim

07/12/2018

A alegria de Raqueline com o nascimento da Olivia, há dois meses, veio junto com o medo porque a criança havia nascido abai...

Força tarefa contra a dengue terá nova mobilização em toda a Cidade

23/11/2018

A Prefeitura Municipal promove, nesta sexta-feira, 23, às 10 horas, uma reunião de mobilização com os parceiros da ação...

Nova lei dá abrangência nacional às receitas médicas

16/11/2018

Usuários de medicamentos controlados e manipulados agora poderão comprar os remédios em qualquer lugar no Brasil, mesmo fo...

Estudo goiano feito em pacientes crônicos com chagas será modelo

16/11/2018

As organizações Médicos sem Fronteiras (MSF) e Iniciativa de Medicamentos para Doenças Negligenciadas (DNDi) vão elabora...