(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Detran: Greve-relâmpago foi alerta ao governo

Trânsito Comentários 18 de dezembro de 2009

O governador Alcides Rodrigues, temendo que o movimento se prolongasse, se prontificou a discutir o plano de cargos e salários para os funcionários do órgão.


O governador do Estado, Alcides Rodrigues, se reuniu com os representantes do sindicato dos trabalhadores do Detran, na quarta-feira, dia 16, para discutir o Plano de cargos e salários da categoria. A reunião foi uma resposta à paralisação ocorrida no dia anterior e que ameaçava continuar indefinidamente.
Os servidores do Detran de Goiás paralisaram as atividades, no dia 15, em protesto por melhores condições de trabalho. Segundo o diretor da Ciretran de Anápolis, Leonardo Xavier Nunes, os manifestantes pediam o cumprimento do plano de cargos e salários, congelado desde 2005, além da adequação dos vencimentos com os dos órgãos da Segurança Pública, e a realização de concurso público. Os manifestantes também pedem investimentos na infra-estrutura do Detran, segundo eles, sustentado pela boa vontade de prefeituras do interior, que cedem materiais de trabalho e funcionários.
Os serviços de licenciamento, transferência e emissão de documentos de veículos foram totalmente parados. Os trabalhos de vistoria funcionaram, mas com equipe reduzida. Somente na cidade, 90% do efetivo de funcionários aderiu à paralisação. O guichê do Vapt-vupt foi o único que continuou atendendo normalmente.
Ainda segundo o diretor da Ciretran, o governador aceitou implantar as diretrizes do Plano. Espera-se que o reajuste salarial seja de, aproximadamente, 30% relativos aos cinco anos de estagnação.
A paralisação dos servidores do órgão no município, repercutiu na Câmara Municipal. Os vereadores Valmir Jacinto (PR) e Mauro Severiano (PTB) manifestaram apoio à categoria, observando que apesar de ser uma fonte importante de receita para o Estado, a Ciretran de Anápolis tem péssimas instalações. Inclusive, o pátio para recolhimento de veículos está totalmente lotado e, com isso, não há nem como a Polícia Militar realizar blitzens.

Autor(a): Carolina Umbelino

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Trânsito

Lei garante ações contínuas de educação no trânsito

26/10/2017

A partir de agora, Anápolis terá campanhas constantes de conscientização de respeito no trânsito. Com base na lei propos...

Campanha “Mão na Faixa” visa reduzir acidentes e mortes

26/10/2017

Reduzir acidentes, preservar vidas. Estes são os pilares da campanha “Mão na Faixa”, lançada pela Companhia Municipal ...

Semana Nacional registra redução de acidentes em ruas e rodovias

21/09/2017

A redução dos índices de violência no trânsito demonstra que as políticas públicas municipais de educação para o set...

Campanha conscientiza sobre o uso da faixa de pedestres

24/08/2017

A Companhia Municipal de Trânsito e Transportes (CMTT), através da diretoria de Educação, continua com ações de conscie...