(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Deputados discutem acessibilidade de pessoas com deficiências físicas

Geral Comentários 21 de outubro de 2016

Projeto em tramitação na Casa determina número mínimo de leitos em hotéis, pousadas, motéis, dentre outros


Está tramitando na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) o projeto de lei do deputado estadual Luis Cesar Bueno que determina o mínimo de 5% dos leitos disponibilizados em hotéis, albergues, pousadas, móteis e semelhantes sejam apropriados para pessoas com deficiência física ou mobilidade reduzida.
A proposta legislativa discute ainda que os estabelecimentos construídos antes da vigência da lei, em caso de reforma, devem implantar as modificações contidas em tela, sobretudo no espaço reservado ao sanitário.
Além disso, solicita que os estabelecimentos que dispõem de sites eletrônicos ou páginas na internet nele disponibilizem as informações sobre a acessibilidade dos leitos.
Em sua justificativa, o projeto comenta sobre o sentimento de exclusão que os deficientes físicos enfrentam, a começar pelas barreiras de locomoção e falta de lugares adaptados para a diversão, estudo e trabalho, etc.
“Portanto, determinando-se, por intermédio de uma Lei, que todos os hotéis, albergues, pousadas e assemelhados, possuam em suas instalações, uma quantidade mínima de quartos, suítes e ou leitos adaptados às pessoas com deficiência ou que possuem mobilidade reduzida, estaremos proporcionando, mais uma vez, a plena integração dessas pessoas à sociedade, em igualdade de condições com as demais.”, justifica o deputado.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Geral

SENAI abre as portas para a comunidade

08/11/2018

Pioneiro na formação e qualificação de mão-de-obra para indústria, o Senai de Anápolis, primeira unidade de Goiás, fu...

Ex-presidente de associação condenada a 61 anos

08/11/2018

Criseide Castro Dourado, ex-presidente da Associação de Combate ao Câncer em Goiás, foi condenada a 61 anos de prisão pe...

Documento Digital será lançado no estado de Goiás

08/11/2018

A partir da próxima semana, os motoristas do estado de Goiás poderão acessar, no celular, o seu Certificado de Registro e ...

Provável fechamento da Unidade Oncológica gera polêmica na Cidade

08/11/2018

A notícia de que o tratamento oncológico oferecido pelo Hospital Evangélico Goiano (HEG) a pacientes com câncer poderia s...