(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Dengue registra mais baixas em notificações e sem casos de óbitos

Saúde Comentários 19 de julho de 2018

Balanço mostra que o Município mantém indicadores positivos do combate à dengue e seus agravos nos últimos meses


Uma boa notícia para a saúde pública: nos seis primeiros meses deste ano, nenhum óbito de dengue e suas complicações foi confirmado no Município, conforme dados do Boletim Epidemiológico da Secretaria Estadual de Goiás, referente à Semana 27, que abrange o período de 31 de dezembro de 2017 até o dia 07 último.
Este ano, até a Semana 27, foram registrados 2.606 casos notificados de dengue em Anápolis. No ano passado, no mesmo período, foram 2.759 notificações. Portanto, houve uma redução de 5,54% no período. No comparativo com 2016, os números são, ainda, mais positivos. Naquele ano, o Município chegou a registrar 14.370 casos notificados de dengue, na Semana 27. Comparando-se com o mesmo período deste ano, a redução foi de 81,86%. Em 2016, a cidade era a segunda, em Goiás, com mais registros de dengue. Este ano, no ranking estadual, Anápolis aparece na sétima posição.
Neste ano, os registros oficiais, não houve nenhum óbito registrado por dengue e suas complicações em Anápolis. Há dois casos sob suspeita. Um quadro bem diferente de 2016, quando foram confirmados seis óbitos causados pela doença.
A redução de casos notificados e mortes causadas por dengues e suas complicações em Anápolis, tem ocorrido graças a ações articuladas entre o poder público municipal e a sociedade organizada, no sentido de prevenir e combater o surgimento de focos do vetor da doença, o mosquito Aedes aegypti e o trabalho permanente realizado através das equipes de combate a endemias. A própria SES-GO já reconheceu o trabalho diferenciado que o Município desenvolve, dentro da proposta de união de esforços contra a dengue.
No mês passado, a Prefeitura realizou um ato público com o objetivo de homenagear os parceiros da luta contra a dengue no Município. Naquela oportunidade, o setor de Vigilância Epidemiológica apresentou dados mostrando que, em 18 meses, foram realizadas cerca de cinco milhões de visitas a imóveis da cidade e eliminados mais de seis mil focos da doença.
“Aqui estamos mostrando não só à Anápolis, mas a Goiás e também ao Brasil, que a união de pessoas de bem vence todos os obstáculos. Bastou nos unirmos e trabalharmos em conjunto para alcançar esse resultado”, ressaltou o Prefeito Roberto Naves, durante a solenidade.

Goiás
O Boletim Epidemiológico mostra que, em Goiás, houve recuou nos casos notificados de dengue. Este ano, até a Semana 27, foram 76.558 casos, contra 78.906 do ano passado, no mesmo período avaliado. Uma redução de 2,97%. O número de óbitos confirmados é de 33, espalhados em 16 municípios. O maior número foi registrado em Senador Canedo, com 06 óbitos confirmados.
Ainda, conforma o relatório da SES-GO, dos 246 municípios goianos, 04 estão classificados como de alto risco para a incidência de dengue; 17 classificados como de médio risco e 225 estão na zona de baixo risco, inclusive, Anápolis.

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Saúde

Banco de Leite do Município ganha sede própria na Vila São Joaquim

07/12/2018

A alegria de Raqueline com o nascimento da Olivia, há dois meses, veio junto com o medo porque a criança havia nascido abai...

Força tarefa contra a dengue terá nova mobilização em toda a Cidade

23/11/2018

A Prefeitura Municipal promove, nesta sexta-feira, 23, às 10 horas, uma reunião de mobilização com os parceiros da ação...

Nova lei dá abrangência nacional às receitas médicas

16/11/2018

Usuários de medicamentos controlados e manipulados agora poderão comprar os remédios em qualquer lugar no Brasil, mesmo fo...

Estudo goiano feito em pacientes crônicos com chagas será modelo

16/11/2018

As organizações Médicos sem Fronteiras (MSF) e Iniciativa de Medicamentos para Doenças Negligenciadas (DNDi) vão elabora...