(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Dengue: Mega operação tem meta de alcançar todas as residências

Saúde Comentários 01 de abril de 2016

A ação começa na próxima segunda-feira, 04, e conta com a participação de diversos órgãos públicos e instituições privadas


Percorrer todas as residências de Anápolis em uma semana para eliminar focos do mosquito Aedes Aegypti. É o que ficou determinado durante uma reunião entre a Prefeitura e outros órgãos públicos, que aconteceu na última terça-feira, 29, no Auditório do Parque Ipiranga. A ação terá início na próxima segunda-feira, 04.
Todas as secretarias municipais participam da ação. A Prefeitura de Anápolis contará também com o engajamento do Corpo de Bombeiros, Base Aérea de Anápolis, Grupo de Defesa Ambiental, Polícia Militar, Faculdades Anhanguera, FAMA e Unievangélica; SESI e SESC; e ainda conta, com o apoio do Conselho Municipal de Saúde, Regional Pirineus, Secretaria de Saúde do Estado de Goiás, Câmara Municipal de Saúde e Ministério Público.
Durante toda essa semana serão montadas as estratégias, mapas e a capacitação das equipes que estarão nas ruas. Cada um dos órgãos e instituições terão estratégias específicas, de acordo com suas competências e todos os profissionais serão devidamente capacitados.
A partir da próxima semana, essas equipes estarão nas ruas visitando casa por casa. Durante as visitas todos os imóveis serão vistoriados, água parada eliminada e os moradores serão orientados. A população também terá pontos de coleta de entulho, disponibilizados em diversos setores da cidade.
Para o secretário de Saúde, Luiz Carlos Teixeira, apesar da trégua no período chuvoso este é um momento importante para realização da ação. “É justamente nesse período em que as chuvas ficam espaçadas e os dias ficam mais quentes que há o desenvolvimento das larvas do mosquito”, explicou. Ele também lembrou que a Prefeitura precisa do apoio da população. “O poder público não consegue sozinho, precisamos que a população cuide dos seus quintais, já que 80% dos focos são encontrados em residências”, finalizou.
O promotor e curador da Saúde, Marcelo Henrique dos Santos apoia a medida. “Precisamos envolver, além dos órgãos públicos, a população. De nada adianta esse envolvimento dessas instituições sem que haja uma resposta efetiva das pessoas. É preciso que cada família cumpra a sua missão”, disse.
O Prefeito João Gomes, que convocou a reunião, acredita que o trabalho intensivo deve trazer bons resultados. “Vamos entrar com toda equipe da Prefeitura e parceiros, porque queremos alcançar 100% das residências em Anápolis em 10 dias. Mas o principal feito de tudo isso é a parte educativa. Se a Prefeitura trabalhar e a população não manter, tudo será em vão. Mas vejo que hoje a população já está mais consciente”, concluiu.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Saúde

Goiás registra queda nos casos de catapora

05/10/2017

A catapora, cientificamente chamada varicela, é uma infecção viral primária, aguda, altamente contagiosa, caracterizada p...

Protesto contra a falta de insulinas

28/09/2017

A falta de regularidade na dispensação de insulinas e insumos aos diabéticos cadastrados em um programa mantido pela Prefe...

Região de Anápolis mantém baixa em novos casos de dengue

21/09/2017

Anápolis pode fechar 2017 com bons indicadores em relação à dengue. Desde o início do ano, o Município mantém uma baix...

Hospital de Urgências capta coração para transplante pela primeira vez

31/08/2017

Pela primeira vez em sua história, o Hospital de Urgências de Anápolis “Doutor Henrique Santillo” promoveu o transplan...