(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Crimes de homicídios registram queda de 19% no quadrimestre

Cidade Comentários 10 de maio de 2018

De janeiro a abril, segundo o GIH, foram praticados 52 homicídios na cidade, contra 64 no mesmo período de 2017


Os crimes de homicídios praticados em Anápolis nos quatro primeiros meses do ano caíram 19% em relação ao mesmo período de 2017. O índice foi divulgado pelo delegado Vander Coelho, titular do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH), revelando que no comparativo com abril do ano passado, a queda no número de crimes violentos registrados no Município foi ainda mais expressiva.
De acordo com o delegado, em abril houve uma redução de 61% no número de homicídios praticados em Anápolis, passando de 21 registros em 2017 para apenas 10, em abril deste ano. Este índice é um pouco inferior ao que foi divulgado pelo 3º Comando Regional da Polícia Militar (3º CRPM), em matéria publicada no Jornal Contexto, em sua edição da semana passada. Segundo o 3º CRPM, a queda no número de mortes violentas em abril chegou a 66%, ou seja, 5% a mais do que o índice divulgado pelo titular do GIH.
O delegado Vander Coelho, a exemplo de análise feita pelo 3º CRPM, também atribui a queda nos índices de homicídios às ações semanais realizadas pelo GIH para o cumprimento de mandados de prisão, à intensificação das operações de patrulhamento em pontos de vendas e consumo de drogas, ao trabalho de inteligência, às ações rápidas de repressão, a maior presença de policiais nas ruas, à parceria com a Polícia Militar, o Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc), o Observatório de Segurança e demais forças policiais.
“Essas ações semanais, especialmente as operações de cumprimento de mandados de prisão, estão se traduzindo na sensível redução dos crimes de homicídios”, garante o titular do GIH. Segundo ele, em abril foram realizadas três operações de mandados de prisão, “todas elas exitosas” e com o efetivo apoio do Genarc. “Não estamos dando folga aos criminosos”, disse Vander Coelho, revelando que as investigações de crimes violentos estão se iniciando logo após os registros, com ações de investigação e repressão muito rápidas.

Quatro homicídios
O Delegado reiterou que a maioria dos homicídios tem como motivação o tráfico e o consumo de drogas. Segundo ele, para reduzir os índices de criminalidade, a Secretaria de Segurança Pública estabeleceu metas a serem cumpridas e orientou que as ações de combate, prevenção e repressão sejam desenvolvidas através da integração de todas as forças de segurança pública. Em Anápolis, a redução nos índices de homicídios e roubos foi fixada em 10%. “Com a união das forças de segurança, estamos conseguindo superar este índice”, comemora Vander Coelho.
Ele contou que, semana passada, o GIH, durante uma operação policial para o cumprimento de mandados de prisão, prendeu Jean Douglas dos Santos Rocha, acusado de ter matado Júlio do Vale Flor e tentado contra a vida de Luan Victor Alves França, crimes praticados em dezembro de 2017. Segundo o delegado, a motivação do crime foi uma dívida de R$ 190,00 de compra de drogas e Luan Victor foi atingido com um tiro na cabeça, mas sobreviveu, apenas por ser testemunha do fato.
Mas, ao ser interrogado, Jean Douglas confessou a autoria de outros três homicídios, um deles praticados quando ainda era menor de idade. De acordo com o delegado, em fevereiro de 2016, Jean Douglas assassinou Daniel Pereira de Siqueira, de 35 anos, que segundo as investigações era usuário de drogas. Uma briga entre eles seria o motivo do crime. Em abril do ano passado, confessou que matou também Marco Antônio Rodrigues da Silva e praticou tentativa de homicídios contra Maicon Douglas Pereira, que acabou morrendo depois de ficar internado em um hospital da cidade.
O delegado Vander Coelho afirmou que as operações integradas das forças de segurança da cidade tem sido “muito exitosas” e que serão mantidas para reduzir ainda mais os índices de criminalidade e retirar os criminosos das ruas de Anápolis. “Todas estas ações vêm contribuindo para uma expressiva redução nos índices de homicídios e outros crimes na cidade”, garante o titular do GIH.

Autor(a): Ferreira Cunha

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Diocese de Anápolis emite nota de repúdio a ideologia abortiva

12/07/2018

Documento divulgado pela Diocese de Anápolis, no último dia 09 deste mês, com a assinatura do Bispo Diocesano, Dom João W...

Avenida Brasil Norte ganha novas pistas no projeto de mobilidade

12/07/2018

É grande o volume de serviços de infraestrutura ao longo de toda a Avenida Brasil Norte. Ele faz parte do projeto de mobili...

Em Anápolis lazer é o que não falta

12/07/2018

Férias escolares, uma época excelente para se aproveitar o bom número de opções oferecidas pelo município como os parqu...

Em Anápolis lazer é o que não falta

12/07/2018

Férias escolares, uma época excelente para se aproveitar o bom número de opções oferecidas pelo município como os parqu...