(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Contexto Político - Ed. 219

Contexto Político Comentários 26 de junho de 2009

"Prefiro os que me criticam aos que me elogiam: Os que me criticam me corrigem. Os que me elogiam me corrompem." (Khalil Gibran)


Ampliações
De acordo com a gerência comercial da Saneago em Anápolis, até o final de 2011 o sistema de captação, tratamento e distribuição de água na cidade estará duplicado. Ou seja: haverá o dobro da estrutura atual, tendo em vista o atendimento que se prevê para a cidade que experimenta um elevado índice de crescimento, bem acima da média nacional.
Outra instituição que está anunciando a ampliação para o dobro de sua estrutura em Anápolis é a Base Aérea. Segundo o comando daquela unidade do Ministério da Aeronáutica, com a transferência de alguns setores de São Paulo para Anápolis, em poucos anos a estrutura que conta, hoje com 1.500 homens e mulheres vai ter, exatamente, o dobro: três mil.
Só para ficar nesses dois exemplos, aumentam os questionamentos em relação à Prefeitura. Estaria o Governo Municipal pensando da mesma forma, objetivando ampliar a oferta de serviços públicos para o atendimento à demanda? Porque, além da Base Aérea, da Saneago, da implantação da Plataforma Multimodal, do entreposto da Zona Franca de Manaus, da Ferrovia Norte Sul e da ampliação da montadora Hyundai, estão a caminho outros grandes projetos. O que se pergunta é se haverá escolas públicas com vagas suficientes, haverá um trânsito compatível com o crescimento da cidade, ou, a rede de saúde pública vai atender à demanda? A atual administração tem pouco tempo para oferecer estas respostas.

Transparência
As atenções de todo o País estão voltadas para o Senado Federal, onde a cada dia que passa, surgem novos escândalos. Mas, o que se pergunta é o seguinte: o problema está somente no Senado, ou nas outras casas legislativas, tipo assembleias e câmaras municipais? Será que a Câmara Municipal de Anápolis, por exemplo, estaria preparada para uma apuração mais detalhada sobre como o duodécimo vem sendo gasto nos últimos meses?

Coerência
Projetos nascidos na administração Pedro Sahium estão tendo prosseguimento com Antônio Gomide. O “Escola Viva” é um exemplo claro disso. Agora, a Prefeitura está anunciando mais dois: o “Lavoura Comunitária” e o “Festival de Inverno”.

Malandragem
A Saneago detectou dois graves problemas em relação ao consumo de água em Anápolis. Um deles é o desperdício. Segundo cálculos, de cada dois litros de água tratada, um é desperdiçado em atividades incompatíveis, como irrigação de jardins, lavagem de calçadas, vazamentos, etc. O outro é mais grave ainda: são muitos os casos de ligações clandestinas, inclusive em residências e edifícios de alto padrão, empresas e outros chamados grandes consumidores. Uma vergonha.

Sumidos...
Figuras políticas que, praticamente, desapareceram do noticiário em Anápolis: Joaquim Jacinto de Lima (Liminha); José Escobar Cavalcante; José Lopes, José Odilon e Joseli Ribeiro (Quinzinho).

Instituto I
Circula na cidade uma carta-denúncia trazendo a preocupação dos funcionários efetivos da Prefeitura em relação ao futuro do ISSA, Instituto da Seguridade Social dos Servidores Públicos Municipais. Segundo a carta, caso não sejam tomadas providências imediatas, a instituição estará comprometida com a falta de recursos financeiros. Acontece que cerca de 30 servidores se aposentam todo mês, sem contar os casos de pensões por viuvez. E, segundo a carta, a Prefeitura, ao invés de promover concursos públicos para os cargos de maior remuneração, admite centenas de comissionados, que recolhem para o INSS e não para o ISSA.

Instituto II
Este esvaziamento é preocupante, tendo em vista que, enquanto se aposentam servidores com altos salários, a Prefeitura faz concursos para servidores de baixa remuneração. A matemática é simples: a cada dia que passa aumentam as despesas e diminui o valor das entradas.

Arrependidos?
Dizem que alguns peemedebistas que deixaram a sigla nas eleições passadas e se refugiaram, por exemplo, no PTB, estariam arrependidos e pedindo para voltar. Se é verdade, ninguém sabe.

O nome
Lideranças do PSDB ouvidas por esta coluna são unânimes: o principal nome do Partido para representar Anápolis nas eleições de 2010 é Ridoval Chiareloto. Para os entrevistados, Ridoval é o que mais agrega e o que, realmente, reúne condições de vencer uma eleição para deputado estadual ou deputado federal.

Marconi
Por falar em PSDB, o senador Marconi Perillo, mais candidato do que nunca ao Governo em 2010, estará em Anápolis, provavelmente na semana que vem, para fazer uma série de visitas. Quem está agendando tudo é o vereador Fernando Cunha. A propósito, Cunha vai, também, se avistar com o senador Demóstenes Torres (DEM) em Brasília.

Nepotismo
Está a maior dificuldade para se definir quem é parente de quem no serviço público de Goiás. Em que pese determinação judicial, alguns gestores estão dificultando, ao máximo, que os nomes sejam apurados. E, falando nisso, será que nos municípios, caso de Anápolis, também haveria parentes de autoridades empregados no serviço público? Dizem que tem...

Passagens
Moradores dos bairros Pirineus, Anápolis City e de Lourdes não veem a hora de serem feitas as “trincheiras” ou passagens para pedestres sob a BR 153. Elas são importantes para se evitarem acidentes, muitos deles fatais. Tais obras já foram anunciadas uma porção de vezes, mas, até hoje...

Má vontade
É intrigante a má vontade de servidores públicos do chamado alto escalão, em resolverem pequenos problemas de cidadãos comuns. O tradicional jogo-de-empurra, principalmente na Prefeitura, é uma praga crônica que, entra prefeito, sai prefeito, não tem conserto. Essa gente, escrava da tecnocracia e da burocracia, nunca se candidatou a nada, não conhece as dificuldades dos contribuintes e não está nem aí para seus problemas. Uma pena.

Os mesmos
O Senado Federal está em boas mãos. Quem manda, e desmanda, por lá são os conhecidíssimos José Sarney, Fernando Collor e Renan Calheiros, acompanhados, é claro, dos respectivos grupos de apoio. É preciso dizer mais?

Devendo
Passados seis meses da administração Antônio Gomide, já podem ser vislumbrados muitos avanços. Em contrapartida, algumas secretarias, diretorias e assessorias, ao que parece, ainda não assumiram.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Contexto Político

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.618

19/04/2017

Contexto Político...

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.616

12/04/2017

Contexto Político...

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.616

07/04/2017

Contexto Político...

Clique na imagem para ver a coluna - Ed.615

31/03/2017

Contexto Político...