(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Concurso de redação da ACD tem a participação de mais 63 mil alunos

Geral Comentários 18 de novembro de 2016

Premiação em dinheiro aos primeiros colocados foi entregue no último dia 17. Foram, também, premiadas as escolas vencedoras de uma gincana social


Com a participação de mais de 63 mil alunos das redes Municipal, Estadual e particular, a Associação Cruzada pela Dignidade (ACD) entregou, no último dia 17, a premiação aos alunos vencedores da segunda edição do concurso de redação e para as escolas que mais conquistaram compartilhamento na gincana social. A solenidade de premiação foi realizada no auditório do SESI da Vila Jaiara e foi prestigiada pelo juiz e presidente de honra da ACD, Carlos José Limongi Sterse, pela secretária Municipal de Educação, Virginia Melo, pela representante da Secretaria Regional de Educação, Janete Lopes, pelo delegado Regional da Polícia Civil, Fábio Vilela e pela presidente da ACD, Nara Rúbia Alves, dentre outros autoridades.
Promovido pela ACD, com o apoio das secretarias Regional e Municipal de Educação, da Escola de Pais e do Jornal Contexto o tema do concurso de redação foi o Meio Ambiente. Foram premiados 14 alunos. Os primeiros colocados foram agraciados com premiação em dinheiro no valor de R$ 200,00; os que ficaram em segundo lugar, receberam R$ 100,00 e, os em terceiro, R$ 50,00, além de medalhas e certificados de participações. As três primeiras escolas que mais receberam compartilhamento na gincana social foram premiadas com um televisor de tela plana. São elas: Colégio Estadual Durval Nunes da Mata, com 82.220 compartilhamentos, Colégio Estadual Plínio Jaime, com 60.860 compartilhamentos e Colégio Estadual Padre Fernando Gomes de Melo, com 27.394 compartilhamentos.
Os alunos premiados foram Maria Eduarda Silva Rocha, da Escola Municipal Lions Anhanguera; Sabrine Stafany Silva Lemos, da Escola Municipal Moacyr Romeu Costa; Maria Rita Lima de Assis, da Escola Presbiteriana Orvalho do Hermon; Jéssica Pires de Moraes, do Colégio Estadual Martiniano de Carvalho; Juliana Silva Garcia, da Escola Bom Samaritano; Júlia Dias Pereira, do SESI Jundiaí, Geovane Silva Pereira, da Escola Estadual Virgínio Santillo; Tallya Jesus Souza Barbosa, do Colégio São Francisco; Adnilson Francisco Lucas, da Escola Estadual Professor Elias Chadud; Jaqueline Pereira da Silva, da Escola Municipal Manoel Gonçalves da Cruz; Carlos Martins de Souza, do SESI Jaiara; Marlene Rodrigues Canuto, do Colégio Estadual Professor Faustino; Regina Conceição de Oliveira, do Colégio Estadual Violeta Pitaluga e Creuda Brito Leocádio, do Colégio Estadual Maria Aparecida Alves. Participaram do concurso alunos do ensino médio, fundamental e do EJA (Educação de Jovens e Adultos). O concurso teve a duração de cinco meses, desde o seu lançamento até a seleção das melhores redações.
Engajamento
Falando sobre a promoção, o juiz Carlos José Limongi destacou a importância do engajamento dos alunos na luta pela preservação e o equilíbrio do meio ambiente. Ele agradeceu a participação dos mais de 63 mil estudantes, afirmando que por si só este número revela o interesse pelas questões relacionadas ao meio ambiente e que a sociedade se fortalece com ações como essa promovida pela ACD.
A secretária municipal de Educação, Virgínia Melo, também, destacou a importância dessa iniciativa da ACD, afirmando que ela contribui para o aprendizado ministrado nas escolas e na formação de novos valores. “Todos nós trabalhamos com este objetivo”, disse Virginia Melo, adiantando que a iniciativa da ACD auxilia, também, na formação de pessoas de bem, comprometidas com a sociedade e na busca por uma vida digna. Segundo ela, o concurso de redação estimula e entusiasma os alunos e representa um passo na busca por uma vida melhor e um futuro de sucesso.
Por último, falou a presidente da ACD, Nara Rúbia Alves. Segundo ela, nas redações elaboradas pelos participantes do concurso foi fácil verificar que os jovens demonstraram que podem fazer a diferença e mudar para melhor o meio ambiente porque pesquisaram sobre o tema e descobriram que a sustentabilidade é um compromisso de todos com os valores humanos e com a preservação da natureza. Ela falou, também, sobre o papel dos professores nesta ação, afirmando que sem eles e as escolas participantes o concurso não teria o sucesso que alcançou.

Autor(a): Ferreira Cunha

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Programa ID Jovem completa primeiro ano de vigência

08/12/2017

A Secretaria Nacional de Juventude comemora os bons resultados do Programa Identidade Jovem. Em 1 ano de vigência da iniciat...

Aumenta para oito anos prisão de bêbado que dirige e mata

08/12/2017

Após cinco anos de espera, o projeto 5568/2013 foi aprovado pela Câmara dos Deputados. A análise ocorreu na sessão desta ...

Pesquisa aponta intenção de compras dos anapolinos

08/12/2017

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Anápolis acaba de divulgar a pesquisa de intenções de compras do consumidor anap...

Residencial Copacabana recebe plantio de mudas de árvores

08/12/2017

Preservar o meio ambiente e cuidar do planeta. Foi com esta disposição que estudantes do 1º e 2º ano do Ensino Médio do ...