(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Com o quarto técnico, Galo tenta acabar com jejum

Esportes Comentários 24 de fevereiro de 2017

São 11 jogos sem vencer. A última conquista foi contra o SINOP, em agosto do ano passado. Técnico Waldemar Lemos estreia contra o Vila Nova


Em time que não está ganhando, se mexe. Este ditado serve para o Anápolis Futebol Clube, que vive uma longa fase sem vitórias. Em 05 de agosto de 2016 o Tricolor venceu o SINOP (MT) por 2x0 na última rodada da fase de grupos do Campeonato Brasileiro da Série D.
Foi a última vez. Depois, o Galo da Comarca empatou, por duas vezes, com a Caldense (MG), e foi eliminado daquela competição pelo Volta Redonda (RJ). Este ano foram seis empates e uma derrota. Mas, o jejum sem resultados positivos pode acabar neste sábado (25) contra o Vila Nova, jogo válido pela sétima rodada da fase de classificação do Goianão. A equipe tem uma motivação a mais: o retorno de Waldemar Lemos. O treinador, que levou o Anápolis à decisão do último estadual, chegou muito confiante e sabedor do desafio. “No ano passado foi assim. Tínhamos uma equipe sem poder ofensivo. Mas, depois, ajustamos. É o que pretendo fazer agora”, declarou o professor Dema, como é chamado pelos profissionais do Clube.
Antes, já haviam dirigido o time: Charles Fabian, Caio Autuori e Alexandre Grasseli. Waldemar, também, quer recuperar o futebol dos meias Lucas Sotero, Felipe Baiano e Rafael Furlan, que retornam à equipe, mas que, na última partida (empate 0x0 contra o Itumbiara na Fronteira) amargaram o banco de reservas. Com a falta de gols - apenas três marcados em sete partidas - a diretoria está no mercado e o novo gerente de futebol, Francisco Elísio, trouxe, esta semana, alguns reforços para o setor ofensivo. David, 19 anos, emprestado pelo Vila Nova e Thiago Santos com passagens por Inter, Juventude e Atlético Paranaense. Por último, o jogador estava no Olímpia (SP).
Escalação
Para o jogo deste sábado contra o Vila Nova, duas baixas: o lateral direito Marcelo suspenso e o lateral esquerdo Kim, que está no Departamento Medico, são os desfalques. A provável formação: João Victor; Neílson; Igor, Waldomiro e Furlan. Helder; Felipe Baiano, Robston e Lucas Sotero. Quirino e Douglas. A arbitragem ficará a cargo de Elmo Rezende.

Autor(a): Humberto Castro

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Esportes

GEA busca recuperação no Campeonato

22/02/2018

A derrota para o Goiás, na rodada anterior, foi encarada com naturalidade pelos gremistas e, agora, o foco é total na reabi...

Rubra x Galo: só a vitória interessa

22/02/2018

O Estádio “Jonas Duarte” vai receber, neste domingo (25), o segundo jogo entre Anapolina e Anápolis nesta temporada. A ...

Raposa encara o líder Goiás

16/02/2018

O Grêmio Anápolis terá dois adversários neste domingo, no Estádio “Jonas Duarte”. Além do time do Goiás, a torcida...

Rubra fora de casa

16/02/2018

A Anapolina, que passou todo o primeiro turno jogando no Estádio “Jonas Duarte”, agora, tem desafios fora de casa. Depoi...