(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Colégio Militar: Segunda unidade já está em pleno funcionamento

Educação Comentários 21 de fevereiro de 2014

Mais de 2,2 mil inscritos para as 530 vagas ofertadas neste primeiro ano letivo


A Câmara Municipal realizou na última quarta-feira, 19, uma sessão solene para a apresentação da segunda unidade do Colégio Militar de Anápolis, que está funcionando nas antigas dependências do Colégio Polivalente “Gabriel Issa”, na Vila Góis, desde o início deste ano.
A sessão, proposta pelo vereador Vespasiano Reis (Solidariedade), contou com a presença de várias autoridades, dentre elas, do Superintendente das Academias de Polícia da Secretaria de Segurança Pública, Coronel Raimundo Nonato de Araújo Sobrinho; do Deputado Estadual Carlos Antônio; do subcomandante do 3º Comando Regional da PM, Tenente Coronel Paulo Inácio da Silva; do diretor do Colégio, Tenente Coronel Lisboa, vereadores e lideranças de bairro, dentre outras.
O Deputado Estadual Carlos Antônio (Solidariedade), lembrou que foi alertado sobre a situação da unidade “César Toledo” e numa conversa com o Governador, disse da importância da segunda unidade. “Pedi a ele que coordenasse o processo, para viabilizar o projeto e, o próximo passo, foi a realização de uma audiência pública na Câmara Municipal e, depois, o encaminhamento de uma mensagem de criação da unidade na Assembleia. E, havia, naquele momento, vários municípios pleiteando. Mas, conseguimos porque tínhamos tudo bem encaminhado”, destacou.
O parlamentar lembrou que, também, ficou encarregado de oferecer a indicação de um nome para a direção da unidade, o que acabou recaindo ao Tenente Coronel Lisboa que, além de anapolino foi, também, estudante no Colégio Polivalente “Gabriel Issa”.
De acordo com o Superintendente de Academias da SSP, Coronel Raimundo Nonato, trata-se de uma conquista importante para o Município. Ele lembrou que era um sonho a criação de um colégio para os filhos de militares. Em 1976, há 22 foi criado o colégio que, todavia, só veio a se instalar em 1998, dentro da Academia da PM. “O resultado foi extremamente positivo. E, em 1999, no primeiro Governo de Marconi, estivemos unindo os esforços da Secretaria de Educação e da Polícia Militar, na época, junto ao Colégio ‘Hugo de Carvalho Ramos’. Depois, foram criadas seis unidades, três na Capital e três no interior, uma delas em Anápolis. Foi uma enorme dificuldade para instalarmos a unidade ‘César Toledo’. Em 2012, ao assumir a superintendência o Governador nos chamou dizendo que estava tendo problemas no Entorno e gostaria de viabilizar unidades para aquela região, de alto índice de criminalidade. E, com isso, mais recentemente, desenvolvemos o projeto de ampliação dos colégios militares em Goiás. Hoje são 19 e vão chegar a 21 unidades no Estado de Goiás”, declarou.
O diretor do Colégio Militar, Tenente Coronel Lisboa, 57 anos, agradeceu o apoio que obteve da corporação e do deputado Carlos Antônio, para assumir a missão de dirigir a nova unidade em Anápolis. “Sou filho desta terra, morei na região da Vila Góis durante a infância e a adolescência”, narrou, destacando que, durante a carreira serviu em diversas localidades e, agora, de volta ao Município, recebeu a missão de dirigir a segunda unidade do Colégio Militar.

A unidade
O Colégio Militar de Anápolis foi criado, legalmente, a partir da aprovação na Assembleia Legislativa, da Lei nº 18.108, de julho de 2013, que criou 11 novas unidades em Goiás.
Anápolis foi contemplada com uma segunda unidade dentro desse perfil, ao ver transformada a Escola Estadual Polivalente “Gabriel Issa” em uma unidade da Polícia Militar de Goiás.
Reforma
Ao contar com o envolvimento da comunidade local foi possível promover a pintura completa da unidade através de doações das tintas. A administração militar, ainda, revitalizou as áreas comuns, plantou quase mil metros quadrados de grama, criou mais três salas de aula, fez a cobertura das salas com forro de PVC, refez a marcação da quadra poliesportiva e investiu em mobiliários para equipar e modernizar a sala dos professores e da coordenação pedagógica. Além disso, as áreas de acesso entre um pavilhão e outro ainda ganharam toques de paisagismo.
Como resultado final, a unidade deixou de ter o aspecto de abandono caracterizado pelo mato alto e as paredes pichadas, salas de aula sem forro, quadra depredada, entre demais problemas estruturais, para ganhar ares de um colégio novo e asseado.
Ao todo, para este primeiro ano letivo, o colégio registrou 2.280 candidatos que disputaram as 530 vagas ofertadas. O conteúdo pedagógico aplicado em sala de aula é o mesmo estabelecido pela Secretaria da Educação, inclusive os livros que são distribuídos vêm do Ministério da Educação. No entanto, desde o primeiro dia os professores cumprem, à risca, o conteúdo programático proposto. No contraturno, os alunos têm a oportunidade de fazer atividades esportivas oferecidas no próprio colégio. Atualmente são disponibilizadas a prática de futsal; voleibol; handebol; basquete; xadrez; dança, tae-kwon-do e judô. Além disso, eles recebem o reforço escolar nas matérias que estão com mais dificuldades. (Com informações da agência Goiás Agora)

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Educação

Câmpus do IFG Anápolis tem nova diretora eleita

30/11/2017

A Comissão Eleitoral Central publicou no final da noite desta quarta-feira, 29, o resultado preliminar da eleição para dir...

Associação Educativa Evangélica celebra os 500 anos da Reforma Protestante

03/11/2017

Serão necessários mais 500 anos para que as futuras gerações tenham a noção da importância da celebração realizada n...

Saúde na Escola atende a quase 40 mil estudantes

20/10/2017

A Prefeitura de Anápolis, em parceria com o Governo Federal, está desenvolvendo o Programa de Saúde na Escola (PSE), um co...

Oficinas gratuitas oferecidas no programa Semana Cidadã

06/10/2017

A 1ª edição da Semana Cidadã, uma parceria entre a UniEVANGÉLICA e a Prefeitura Municipal de Anápolis, através da Secr...