(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

CNH: Detran inicia aplicação de provas por computador

Geral Comentários 23 de novembro de 2012

Por enquanto, sistema está funcionando em Goiânia e Região Metropolitana, mas a meta é estender o serviço às 90 cidades-polos, dentre elas Anápolis


Os candidatos a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) já podem agendar previamente pelo site do Detran a hora e a data que querem fazer o exame teórico. O papel e a caneta foram abolidos e, a partir de agora, o novo método de avaliação é completamente eletrônico. Uma sala foi montada no pátio do órgão e equipada com 18 computadores conectados a leitores biométricos. Isso significa que na chegada, os candidatos serão reconhecidos pelas impressões digitais, que já estão sendo capturadas nas nove agências do Vapt Vupt, em Goiânia.
Este é o estágio inicial para quem dá entrada no processo e já está disponível pela internet desde a semana passada, o chamado Registro Nacional de Carteira de Habilitação (Renach), como explica o diretor de operações, coronel Sebastião Vaz. "Essa é a origem do processo, o que acontecia antes só nos Centros de Formação de Condutores (CFC´s). De casa mesmo, o candidato pode fazer o seu pré-cadastro no site do Detran e depois precisa comparecer a uma das nove unidades do Vapt Vupt da capital para a validação do registro, apresentar seus documentos pessoais e de endereço. Na hora, será feita a coleta das digitais, foto e assinatura. O sistema do Detran já faz o encaminhamento do candidato para os exames médico e psicológicos. E já estamos estudando em oferecer neste pré-cadastro as opções de CFC para os cursos teórico e prático de direção", afirma.
O exame téorico no Detran poderá ser realizado de segunda à sexta-feira, das 8 às 18 horas, e aos sábados, das 8 às 15 horas. Os candidatos terão 60 minutos para concluir o teste e o resultado será divulgado imediatamente, na tela do computador após o término. Serão aplicadas 30 questões sorteadas automaticamente do banco dados do órgão, que disponibiliza de 900 questões. Será exigido 70% de acertos. A Universidade Estadual de Goiás (UEG) será parceira na fiscalização durante a aplicação da prova. Um simulado será disponibilizado no site para aquelas pessoas que vão ser avaliadas e querem testar seus conhecimentos em legislação de trânsito, cidadania, primeiros socorros e meio ambiente.
O presidente do Detran, José Taveira, afirma que esta nova fase, marcada pela modernização, irá oferecer várias vantagens aos candidatos e à sociedade. "Esse processo de modernização é muito amplo. Haverá total transparência no processo, além da impossibilidade de uma pessoa fazer prova no lugar de outra por causa do controle biométrico e também o efeito do resultado imediato. Vamos transformar o Detran em um órgão de alto nível de tecnologia de informação", avalia.
Segundo Taveira, a sala receberá todos os candidatos que abrirem processos de CNH na capital e Região Metropolitana, com a capacidade de atendimento de três mil pessoas por mês. O Detran pretende até o fim de abril de 2013 estender a prova eletrônica a 90 cidades-polo e atingir assim todos os 246 municípios do Estado de Goiás. Outro ponto positivo é que sabendo do resultado na mesma hora, o candidato poderá marcar o início do curso prático, encurtando os prazos do processo, e também haverá possibilidade de reduzir o número de retestes.
"O que havia era uma mercantilização do processo de reteste e agora, com a conferência pelo processo biométrico, isso não ocorrerá mais. A pessoa vai ter que ser preparada de uma maneira inexorável e consequentemente, isso evitará o reteste do ponto de vista financeiro, diminuindo os custos aos candidatos. Do ponto de vista da tecnologia, isso aprimorará mais o candidato e vamos colocar nas ruas pessoas bem melhor habilitadas", pondera Taveira.
Para o coronel Sebastião Vaz, a adoção da nova tecnologia significa mais conforto, agilidade e segurança para os usuários. "A partir de agora, ele terá a possibilidade de acessar da sua residência a internet e escolher o horário que quiser para fazer a prova, de segunda a sábado. Só aqui temos condições de atender toda a Grande Goiânia. Isso é uma revolução em termos de modernidade", destaca.

Fraudes
Uma auditoria realizada por amostragem pelo Detran, em 18 cidades da Região Metropolitana de Goiânia e na divisa do Estado com outros cinco estados, foram apurados em 70% dos processos de abertura de CNH fraudes nos comprovantes de endereço apresentados, além de exames médico e psicológico confeccionados na ausência do candidato. Com a implementação da biometria isso não mais será possível, conforme garante Vaz.

Ele acrescenta que a fiscalização também será reforçada nas aulas de direção. "Na prática de direção está sendo iniciada a licitação para a adoção de biometria em todas as etapas da abertura da CNH e também vamos instalar câmeras em todas as autoescolas para gravar a imagem e o áudio do examinador e do candidato durante a prova no veículo, no sentido de dar transparência total a esse processo", conclui.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Adoção de selo eletrônico é adiada

22/06/2017

A Secretaria da Fazenda informa que a obrigatoriedade de uso do Selo Fiscal Eletrônico para as embalagens descartáveis de ...

Jovem anapolino abre portas para o difícil universo das fragrâncias

15/06/2017

O jovem anapolino Helder Machado Owner é um exemplo de que o empreendedorismo não tem barreiras. A primeira coisa para aven...

Subseção da OAB entrega Moção a juíza de Anápolis

09/06/2017

A juíza titular da 2ª Vara de Família e Sucessões da comarca de Anápolis, Aline Vieira Tomás, recebeu, na segunda-feira...

Controle da folha de pagamento é um desafio para a Prefeitura

02/06/2017

Dentro do que preconiza a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), o Prefeito Roberto Naves e a equipe econômica apresentaram, ...