(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

CMTT debate o trânsito urbano com empresários

Trânsito Comentários 09 de novembro de 2013

Questões de suma importância para a logística da Cidade foram detalhadas no encontro


A convite da Associação Comercial e Industrial de Anápolis, o Presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Transportes, Alex Araújo Martins, participou de uma reunião na quarta-feira 06. Ele se fazia acompanhar do Diretor de Educação Para o Trânsito, João Alves e da Diretoria de Transportes da CMTT, Fernanda Mendonça. Assuntos pertinentes ao fluxo de veículos e a política de transportes em relação ao pedestre foram exaustivamente debatidos, com algumas conclusões interessantes geradas a partir do encontro e que servirão de embasamento para a aplicação de novos projetos dentro da política municipal do setor.
Alex Martins assegurou que a questão de trânsito é complexa, recorrente e, sem limites. Para ele, à medida que as coisas se modernizam, há a necessidade de acompanhamento nos mais variados setores e o da mobilidade urbana faz parte de todas as vertentes. “Precisamos humanizar o trânsito, pois, no Brasil, as cidades foram pensadas para os automóveis e, não, para o ser humano. Há urgência em se reverter esta proposta”, disse.
Para o titular da CMTT a Companhia tem muitos desafios pela frente e, embora já tenha resolvido importantes gargalos, com intervenções significativas, como o caso da construção de viadutos, modificações no sistema viário, implantação de um conjunto sinalizador de melhor qualidade e, principalmente, a adoção de uma rígida política de educação para o trânsito, atingindo a todos os setores da comunidade e, nas mais diferentes faixas etárias. Falou, ainda, sobre programas educativos da área. “O objetivo é conscientizar o motorista de agora e o motorista do futuro, sobre suas responsabilidades e suas prerrogativas na relação carro/pedestre”, disse.

Situação de Anápolis
De acordo com a CMTT, existem, atualmente, mais de 200 mil veículos rodando nas ruas de Anápolis. Isto dá uma média de 1,6 habitantes por veículo. E, se for considerado que as crianças e os idosos não têm acesso ao volante, ou ao guidom de um veículo motorizado, a proporção chega próximo de um veículo por habitante. Somente consideram-se os veículos emplacados no Município, sem mencionar os de outras cidades próximas que têm relação estreita com Anápolis, seja no comércio, na área educacional e em outras vertentes.
Alex Araújo discorreu, ainda, sobre outros aspectos da mobilidade urbana, como o perfil das calçadas nas principais ruas e avenidas da Cidade. “É uma situação complicada e que dificulta, muito, o livre trânsito de pedestres, na maioria das vezes, obrigados as transitarem pelas pistas de rolamento”, justificou. Para ele, os desníveis verificados em grande parte dos passeios públicos em Anápolis merece uma atenção especial, pois apresenta erros graves e crônicos e que devem ser corrigidos a partir de uma proposta educativa junto à comunidade.
Também, de acordo com o Presidente da CMTT existe uma grande complexidade do trânsito em determinados setores, como os que são cortados por rodovias federais e estaduais. “Há muitos bairros que cresceram ao lado de estradas, onde o Município não tem legalidade para atuar. A sinalização desses setores, embora estejam no perímetro urbano, compete ao DNIT ou à AGETOP, respectivamente, dependendo da classificação da rodovia. Com isso, há gargalos que precisam ser trabalhados com urgência para se devolver a acessibilidade aos pedestres” assegurou.

Sinalização
Ainda, durante o encontro registrado na quarta-feira, 06, o Presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Transportes, Alex Araújo Martins disse que estão sendo investidas altas somas na sinalização da Cidade. As lombadas eletrônicas, por exemplo, já foram todas substituídas e aferidas pelo INMETRO e estão em pleno funcionamento, inclusive emitindo as notificações para os infratores. Outra providência adotada foi a repintura de faixas e sinalização de solo em locais onde os condutores encontravam dificuldades para vislumbrarem as direções apontadas. Este procedimento se estendeu, também, a diversos bairros.
A CMTT instalou, ainda, três novos conjuntos semafóricos (Avenida Pedro Ludovico, proximidades do Residencial Porto Rico: Avenida Tiradentes, conexão com o Bairro Itamaraty e Avenida Mato Grosso, altura da Praça Badia Daher), com o objetivo de melhorar o controle do tráfego. E, até o final do ano, pelo menos mais três conjuntos deverão estar instalados. O Presidente da CMTT refirmou que no dia 19 de dezembro vai ser entregue oficialmente o viaduto da Avenida Brasil, cruzamento com a Avenida Fayad Hanna, o que devolverá a normalidade e, até, melhorará o tráfego de veículos naquela região da Cidade.
A fiscalização do trânsito em Anápolis está ocorrendo normalmente. Ele adiantou que com a abertura de um novo pátio para o recolhimento de veículos em situação irregular, facilitou-se, muito, o trabalho e que a chamada Área Azul está sendo fiscalizada. Sobre este assunto, Alex Araújo Martins alegou que está em estudos uma ampla modificação no sistema de estacionamento controlado no centro da Cidade, o que deverá ter o anúncio oficial em breve. Além de se criarem novos espaços, pode ser modicado o sistema de operacionalização.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Trânsito

Alto índice de acidentes no trânsito de Anápolis preocupa a CMTT

18/05/2017

Onze pessoas foram atropeladas em Anápolis de janeiro a março deste ano, sendo três em janeiro, três em fevereiro e cinco...

CMTT promove Maio Amarelo promove a paz no trânsito

04/05/2017

Carros batidos espalhados pelos canteiros e praças da cidade, faixas de alerta e palestras em escolas e empresas. Essas são...

Goiânia, Anápolis e Aparecida de Goiânia concentram 40% das mortes registradas no trânsito

27/04/2017

A força tarefa do programa Goiás Mais Competitivo e Inovador (GMCI), coordenado pela Secretaria de Gestão e Planejamento (...

Projeto para corredores de ônibus avança na Avenida Brasil Norte

27/04/2017

As obras de mobilidade urbana que preveem a implantação dos corredores de ônibus ao longo da Avenida Brasil, devem se conc...