(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Câmara discute solução para obra inacabada. Demolição está em pauta

Política Comentários 05 de abril de 2019

Obra consumiu mais de R$ 7 milhões e outros R$ 12 milhões seriam necessários para concluir, além de elevados custos de manutenção


O presidente da Câmara Municipal de Anápolis, Leandro Ribeiro, informou nesta quarta-feira, 03/04, que procurou o Ministério Público para tratar sobre uma solução em definitivo para o prédio do Legislativo. A obra está paralisada desde maio de 2016, após uma sucessão de erros na execução de projetos de arquitetura e engenharia.
O assunto foi tratado em recente visita à Promotora Sandra Mara Garbelini e a ideia é que o MP venha respaldar uma decisão a ser tomada para dar uma solução definitiva ao problema. Na sessão ordinária de quarta-feira, ao fazer uso da tribuna na Casa, Leandro Ribeiro informou que a questão já foi encaminhada também formalmente, através de um ofício encaminhado ao MP.
Cerca de R$ 7 milhões foram gastos na obra do prédio inacabado da Câmara Municipal. Um estudo de uma comissão técnica de engenheiros e arquitetos montada pelo Prefeito Roberto Naves, no ano passado, demonstrou que seriam necessários mais pelo menos R$ 12 milhões para que a obra seja concluída.
O presidente do Legislativo observa que a estrutura foi construída em um terreno alagadiço e, inclusive, onde deveria funcionar o plenário, há um afloramento do lençol freático e o acúmulo de água é constante, colocando o local em risco para a formação de criadouro do mosquito da dengue.
Para o presidente, o problema é grave, porque além do gasto envolvido, no atual local, pelas condições do terreno, o prédio teria um gasto elevado com manutenções em razão de infiltrações. Por isso, está sendo considerada, até, a hipótese de a construção ser demolida. No entanto, ele ressalta que esta decisão deve estar respaldada pela própria Câmara, pela Prefeitura, Ministério Público e o Poder Judiciário.
Se o caminho for esse, ou seja, a demolição, a alternativa seria buscar um terreno adequado e fazer um prédio mais “enxuto” e funcional para abrigar o Legislativo.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Projeto prevê proteção dos direitos da pessoa com autismo

17/04/2019

O Deputado Estadual Amilton Filho (SD) apresentou, na Assembleia Legislativa, Projeto de Lei que institui em Goiás a Políti...

CODEGO promete fazer gestão mais próxima dos empresários do DAIA

17/04/2019

Dezenas de lideranças do setor produtivo e empresários do Distrito Agro Industrial de Anápolis (DAIA) participaram, nesta ...

Decreto do Presidente Jair Bolsonaro muda forma de tratamento entre agentes públicos na esfera federal

17/04/2019

Em decreto publicado na edição 70-A do Diário Oficial da União, edição extra de 11 de abril último, o Presidente Jair ...

Anápolis Gira Cultura chegou aos bairros com uma nova roupagem

13/04/2019

A tarde do sábado, 13 de abril, promete um colorido especial para os moradores do Santos Dumont. O bairro foi escolhido para...