(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Ceramistas comemoram mudança em licenciamento

Economia Comentários 10 de janeiro de 2019

Presidente da Câmara Municipal, Leandro Ribeiro, atuou para mudar o modelo que era concentrado em Goiânia


O presidente da Câmara Municipal, vereador Leandro Ribeiro (PTB) foi fundamental para garantir a continuidade do trabalho e produção dos ceramistas de Anápolis. A partir de agora a categoria tem em mãos a liberação da Secretaria Municipal de Meio Ambiente permitindo a extração de matéria-prima de acordo com as leis de preservação ambiental.
Antes o trabalho dos ceramistas dependia de liberação de licença ambiental expedida exclusivamente pela Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos, Infraestrutura, Cidades e Assuntos Metropolitanos (Secima), em Goiânia. Enquanto Secretário de Desenvolvimento Econômico de Goiás, ao lado do responsável pela Secima à época, Hwaskar Fagundes, Leandro Ribeiro conseguiu repassar essa responsabilidade para o município de Anápolis.
O presidente da Câmara Municipal entendeu que com as discussões centralizadas em Goiânia, os debates sobre o assunto eram burocráticos, estavam longe da realidade desses empresários e não atendiam as reivindicações da categoria.
“Fico feliz em poder colaborar com esses empresários. Fomos procurados pelo Donizete Ferreira, presidente da Associação dos Ceramistas de Goiás para resolver o problema e aproveito para parabenizá-lo pela dedicação em trabalhar pela Fabril e pela sua categoria”, elogiou Leandro Ribeiro.
O presidente da Câmara Municipal contou ainda que a partir de agora duas lavras de terra na região da Vila Fabril poderão ser utilizadas para extração do material necessário para produção das indústrias. “Sei que há quatro anos e meio esses empresários passavam por dificuldades na produção, mas agora esse processo foi superado”, destacou o petebista.
O presidente da Associação dos Ceramistas de Goiás agradeceu o apoio de Leandro Ribeiro e disse que sua atuação na Secretaria de Desenvolvimento Econômico foi fundamental para destravar a burocracia na Secima.
“Nos organizamos para tentar ajudar os empresários. Mesmo assim, antes eram 25 indústrias, agora Anápolis conta com sete. Será um recomeço. Vamos continuar nos esforçando principalmente agora com essa boa novidade para o setor”, comemorou Donizete Ferreira.
O presidente da Câmara de Anápolis afirmou que essa conquista é um recomeço para essa classe produtiva da cidade, mas garantiu que continuará acompanhando a situação.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Ferrovia Centro-Atlântica anuncia a retomada de operações em Anápolis

17/04/2019

Após dois anos da paralisação da Ferrovia Centro Atlântica no Município, chegará neste final de semana no Porto Seco um...

Continua a polêmica sobre mudanças na Delegacia da Receita em Anápolis

17/04/2019

A possibilidade de transformação da delegacia da Receita Federal de Anápolis em uma agência foi admitida ao Jornal CONTEX...

Pesquisa do Procon aponta variação de 102% no preço dos ovos de páscoa

17/04/2019

O consumidor que optar por presentear a família e os amigos com ovos de Páscoa terá que pesquisar para não sair no preju...

Goiás registra saldo positivo na balança comercial

17/04/2019

Goiás fechou o mês de março com balança comercial positiva pelo terceiro mês consecutivo neste ano. O saldo de US$ 291,2...