(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Centro de Internação: Obra deve sair do papel, finalmente

Cidade Comentários 04 de maro de 2011

Uma espera que já dura anos, a construção do centro de internação para jovens infratores em Anápolis aproxima-se da realidade. Os indicativos são animadores


De acordo com o juiz titular da Vara da Infância e da Juventude de Anápolis, Carlos Limongi Sterse, a propalada edificação de uma entidade para abrigar crianças e adolescentes envolvidos em atos anti-sociais, motivo de intermináveis polêmicas na Cidade, finalmente, está prestes a se concretizar. Com os recursos para a quase totalidade da obra garantidos junto ao Governo Federal e já disponibilizados para o Governo de Goiás, fruto da persistência do magistrado que, por reiteradas vezes, visitou ministérios e repartições federais em Brasília, além dos organismos estaduais ligados à questão, Carlos Limongi deu demonstrações de que a luta não foi em vão.
Para se recordar, a busca pelos recursos objetivando a construção do Centro de Internação Juvenil em Anápolis remonta de, pelo menos, quatro anos. Durante esse tempo, entre idas e vindas a Goiânia e Brasília, sucederam-se vários episódios. O principal deles foi a descoberta de que o dinheiro, liberado em Brasília, havia sido redirecionado para a construção de um projeto semelhante, só que na região de Rio Verde. O juiz Carlos Limongi, mais uma vez, foi a campo e conseguiu reverter a situação. Depois tomou-se conhecimento de que as providências de parte do Governo Estadual da época, como a elaboração e o registro do projeto, assim como, a contrapartida em dinheiro para as obras, não haviam sido tomadas, o que quase determinou a devolução da verba principal.
Boas novas
Na semana passada o próprio juiz Carlos Limongi declarou que as providências, desta vez, estão adiantadas e firmadas em fatos concretos. A única dificuldade que ainda havia, foi superada. Tratava-se da falta de definição exata da área para a edificação do prédio principal do centro. É que ele vai ser construído em um terreno ao lado do trevo de acesso ao DAIA na saída para Goiânia, onde funcionou, durante muitos anos, o Aprendizado Agro Industrial “Sócrates Diniz”. De acordo com o magistrado, o centro em referência vai ter a capacidade para abrigar, até, 80 menores, com projetos de ressocialização, programas esportivos, recreativos e educacionais.
Hoje, menores envolvidos em contravenções e atos anti-sociais na região de Anápolis são levados para uma dependência improvisada, no Quartel do Quarto Batalhão de Polícia Militar, onde os inconvenientes e os problemas se avolumam a cada dia que passa. Além da falta de espaço físico, impedindo qualquer projeto de reeducação e reinserção dos menores, ainda convive-se com incidentes de gravidade, como fugas; brigas; lesões corporais, tentativas de homicídio e, até, crimes consumados. Nos dois últimos anos, pelo menos dois óbitos foram registrados naquele local. E, segundo o Juiz Carlos Limongi, com a construção do novo Centro, problemas como esses poderão ser extintos, ou, no mínimo, dificultados. Embora afirmando que somente pretende voltar a falar sobre o assunto quando as obras, efetivamente, se iniciarem, Calos Limongi, entretanto, se mostra bem otimista quanto à concretização do projeto. Pelos seus cálculos, em um ano a obra estará em condições de receber os primeiros internos.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Cidade

Segundo viaduto da Brasil já tem a primeira rampa pavimentada

12/10/2017

A impermeabilização da rampa sul do viaduto “Idelfonso Limírio”, erguido na confluência da Avenida Brasil e da Rua Am...

Certificado presta homenagem a personalidades anapolinas

12/10/2017

Seis personalidades que em suas ações defendem a vida e a família foram homenageadas durante sessão solene realizada no d...

Passe Livre Estudantil deve funcionar a partir do dia 17

12/10/2017

O programa Passe Livre Estudantil (PLE) deverá começar a funcionar em Anápolis no início da próxima semana, provavelment...

Ministério Público terá nova sede

05/10/2017

Com previsão de as obras começarem a serem executadas ainda este ano, o Ministério Público, em Anápolis, vai funcionar n...