(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Celg é prioridade na pauta da autoconvocação

Política Comentários 17 de janeiro de 2014

Governo quer garantir suporte de investimentos para a manutenção, obras e novos investimentos no setor de energia


O presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado Helder Valin (PSDB), confirmou para segunda-feira,20, às 15 horas, o início do período de autoconvocação da Assembleia Legislativa de Goiás para votação de matérias da Governadoria. O período de autoconvocação tem previsão de término no dia 24.
O principal projeto a ser apreciado pelos deputados tem como prioridade remanejar recursos, já autorizados para a Companhia Celg de Participações (CelgPar), para a Celg Distribuidora (CelgD), visando garantir a manutenção, além de obras e investimentos.
De acordo com o projeto do governador Marconi Perillo (PSDB), que foi protocolado na segunda-feira, 13, o objetivo é diversificar a aplicação do empréstimo de R$ 1,9 bilhão destinado inicialmente à capitalização exclusiva da Celgpar, transferindo algo em torno de R$ 800 milhões para a CelgD, com fins específicos: capacitação e celebração de contratos mútuos.

Justificativa
No oficio encaminhado à Assembleia Legislativa para justificar a convocação dos deputados, o governador Marconi Perillo anexou exposição de motivos do secretário da Fazenda, José Taveira da Rocha, em defesa da mudança dos recursos: “A medida proposta visa ampliar a abrangências do alcance na aplicação dos recursos que serão disponibilizados, promovendo a positivação do patrimônio líquido ajustado a preços de mercado da CelgD, e o aproveitamento de recursos para outros fins específicos que possibilitem a diminuição da exposição do Estado nos limites de garantias oferecidas, bem como possibilitar a reestruturação de dívida da CelgD com menos custo de capital, através de contrato mútuo, se necessário for a sua utilização, e outras aplicações na CelgD.”
As sessões estão marcadas para o horário normal, com início às 15 horas, mas o presidente Helder Valin admite mudanças se for do interesse dos deputados. Matérias dos parlamentares também poderão ser votadas nesse período.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

19 prefeitos assinam filiação ao PSDB

18/08/2017

Os deputados estaduais Manoel de Oliveira (PSDB), Santana Gomes (PSL), Francisco Oliveira (PSDB), Charles Bento (PRTB), Gusta...

Fundo bilionário para patrocinar as campanhas

10/08/2017

Os deputados integrantes da comissão especial que analisa mudanças nas regras eleitorais (PEC 77/03) acabam de rejeitar um ...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...

Antônio Gomide admite participar de chapa majoritária em 2018

10/08/2017

A pouco mais de um ano para as eleições gerais (Presidente da República; governadores; dois senadores por estado, deputado...