(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Casos de Polícia - Ed. 408

Causos de Polícia Comentários 08 de maro de 2013

Notas Gerais


Sem celular
Cláudia andava pela Avenida a Belo Horizonte, Vila Góis, seis e meia da manhã. De repente, não mais que de repente, surgiu em sua frente um sujeito magro, empurrando uma bicicleta, acompanhado de outro, mais estranho ainda e deram-lhe voz de assalto. Segundo ela, o bandido, usando uma máscara, enfiou a mão sob a camisa, sugerindo que estava armado. Ela só tinha um celular, como objeto de valor. E entregou aos meliantes. Depois chamou a polícia e foi socorrida pelo Cabo Alessandro.

Sem botijão
Almira, que mora na Nova Vila Jaiara, saiu de casa depois do almoço para levar os filhos à escola. Ao retornar, sentiu que alguém havia entrado em sua residência, pois a porta da cozinha estava aberta e não foi ela quem deixou. Desconfiada, resolveu chamar a PM. O Cabo Maciel apareceu logo em seguida. Entraram na casa, estava tudo desarrumado e ela sentiu a falta do botijão de gás. Ficou no prejuízo.

Gato forro
Adélia chegou em sua padaria, na Vila Jaiara e logo notou que alguma coisa estava errada. Ouviu um barulho no forro do estabelecimento. Chamou as testemunhas Ângelo e Eliana e, claro, a Polícia. O Sargento Mundim e o Soldado Jardim compareceram e iniciaram a busca. E, não é que dentro do forro, estava o Luiz Carlos, todo sem jeito. Ao perguntarem o que fazia ali, ele não soube explicar. Mas, em sua ficha constam, pelo menos, cinco passagens pela polícia. Todas por furto.

Deu azar
Márcio gosta de assistir filmes em DVD. Mas, não tinha um aparelho. Resolveu buscar um em um supermercado da Vila Jaiara. Só que estava levando sem pagar. Aproveitou e pegou, ainda, um aparelho de som, para curtir um pagode. Então, o João, que trabalha lá, o flagrou “com a mão na massa”. Chamou a polícia e foi atendido pelos cabos Maciel e Ribeiro. Foi “ver o sol nascer quadrado”.

Assaltados
Jânio e Washington são entregadores de cervejas. Esta semana eles estavam no Bairro Marcananzinho, quando foram abordados por dois assaltantes. Os bandidos, mais armados que guerrilheiro iraquiano, levaram R$ 350 e um aparelho celular. Depois evaporaram, a bordo de um FIAT Pálio.

Mulher roubada
Deonísia disse ao Cabo Furtado e ao Soldado Weder que contratou um mototaxista para levá-la do centro da Cidade, ao Parque Residencial das Flores. Ela havia acabado de sacar seu pagamento no banco. No caminho, o condutor parou a moto e roubou todo o dinheiro da mulher. Outro que foi roubado no Parque Residencial das Flores foi o Leopoldino. Ficou sem R$ 600 levados por um estranho que, logo adiante, jogou a carteira com os documentos da vítima. O dinheiro ele não jogou.

Assalto
José Edilon chegou em casa, no Graniville, e foi logo abordado por três bandidos que já haviam rendido sua família. Armados, os assaltantes perguntaram onde estava o dinheiro. Eles estavam bem informados. Levaram R$ 19 mil e tomaram rumo ignorado. Ele foi atendido pelo Cabo Fábio.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Causos de Polícia

Causos de Polícia

24/11/2017

Castelo fraco Valdeci montou um comércio no Residencial Copacabana e ia de vento em popa. Não faltavam clientes. Só que,...

Causos de Polícia

16/11/2017

Moto complicada O Gabriel estava todo prosa, circulando em uma moto novinha pelas ruas do Jardim dos Ipês. Mas, foi inter...

Causos de Polícia

09/11/2017

Bateu na mãe O Roberto, morador da Vila Jaiara, tem 45 anos, mas é muito esquentado. Qualquer coisinha ele quer bater. E,...

Causos de Polícia

03/11/2017

Maldade pura I O Eurípedes tinha uma perua FIAT Elba que era o seu maior xodó. Era, porque, esta semana, um embaixador do ...