(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Casos de Polícia - Ed. 401

Causos de Polícia Comentários 18 de janeiro de 2013

Notas Gerais


Procurado I
Josiel andava dando sopa pelas ruas da Vila Santa Isabel, certo de que ninguém iria mexer com ele. Ia para lá e, pra cá, sempre esbanjando simpatia. Mas, de repente, aproximou-se uma viatura da PM. Josiel ficou todo desconsertado, o que chamou a atenção dos policiais. E, não deu outra. Verificando seus antecedentes no sistema, os militares descobriram que ele estava “devendo”, com dois mandados de prisão em aberto. Foi direto para a Cadeia.

Procurado II
Outro que deu sopa pro azar foi Rogério. Ele estava nas imediações da Vila Jaiara, quando foi convidado a bater um papo com o pessoal da RP. Conversa vai, conversa vem e resolveram checar a situação de Rogério. E, não é que ele, também, estava sendo procurado pela Polícia? Já embarcou na viatura ali mesmo e foi conversar com o delegado de plantão. Artigo 155 do Código Penal (Furto).

Maldade
Mirelle, 28 anos, trafegava pelas ruas de forma bem descontraída, pois não deve nada a ninguém. De repente, não mais que de repente, surgiram dois elementos mal encarados e disseram que precisavam da ajuda da mulher. Queriam a bolsa e tudo o que estivesse dentro e recomendaram para que Mirelle não desse um pio. A coitada, em desvantagem, acabou entregando. Dentro da bolsa, as chaves de sua casa, R$ 600 em dinheiro vivo e uma Bíblia que ela usava para suas orações. Ela disse esperar que os bandidos leiam a Palavra Sagrada, se convertam, se arrependam e passem a seguir um bom caminho a partir de agora.

Foi roubado
Raimundo mora no Jardim Esperança. Esta semana a casa dele foi arrombada e os ladrões levaram um monte de coisas. Desconsolado, ele andou pelas redondezas à procura de pistas que levassem aos larápios. Foi aí que se encontrou com Welles de Tal e, este, disse que sabia quem teria entrado na casa de Raimundo. A Polícia ficou de encontrar o tal Welles para que ele aponte quem são os culpados pelo furto.

Barraco no terminal
Ione chamou sua vizinha Beth de sem vergonha e de p... Disse que ela, a Beth, está dando mole para o seu amásio, o Fernando, e que não aceita esse tipo de comportamento. Isto, em pleno Terminal Urbano, às seis e meia da tarde, em frente à baia da linha Formosa Shell. O bate boca chamou a atenção de muita gente e os PMs presentes resolveram intervir. Ficou por isso mesmo.

Pinga demais
Em Pirenópolis, o Vanderlei, que trabalha como entregador de mercadorias, em Anápolis, achou que cachaça era água e tomou todas. Aconteceu domingo passado às margens do Rio das Almas. Ficou muito chato e começou a perturbar de barraca em barraca. Foi até que mexeu com a filha menor de Lourival, um turista de Brasília. O homem, que é cearense, não gostou e chamou a atenção do Vanderlei. Foi aí que ele ficou mais chato ainda, chamou Lourival de “meu sogro” e disse que queria namorar a menina. Resultado: foi preciso que o expulsassem do ambiente, sem antes, dar-lhe uns sopapos. Ele, com a cara amassada, chamou a polícia. Mas, os soldados deram razão ao pai da menina.

Crime bárbaro
Em Niquelândia, um homem e seu filho foram encontrados mortos com várias facadas. O duplo homicídio ocorreu na madrugada da segunda-feira (7), em um estabelecimento que comercializa bebidas e iscas para pesca, nas proximidades do anel viário daquele município. Foi o primeiro caso de morte violenta registrado na cidade este ano. As vítimas foram o comerciante Francisco de Assis dos Reis, de 59 anos e seu filho o estudante Mateus Tavares dos Reis, de apenas 11 anos. A polícia trabalha com várias possibilidades, incluindo vingança e latrocínio.

Fatalidade
Em uma fazenda de Mutunópolis, norte de Goiás, o ancião Antônio Pedro, 81 anos, foi morto por uma vaca que investiu contra ele e o jogou a certa distância. Antônio bateu com a cabeça em uma pedra sofrendo traumatismo craniano e hemorragia intracraniana, com sangramento pelo ouvido, conforme relatou o médico Sílvio Jacques. A vítima chegou inconsciente ao Hospital Municipal da Cidade e não resistiu aos ferimentos. A morte de Antônio Pedro comoveu a comunidade local, onde ele era muito querido.

Vida X Arte
Adirceu Felipe, de 24 anos, foi a um pit-dog da Via Góis apanhar um pedido. Ao chegar, deparou-se com quatro elementos usando máscaras características de palhaços, que deram-lhe vários tiros, matando-o na hora. A vítima tinha passagens pela polícia. O crime chocou os moradores do local e foi uma réplica do filme “Jogos Mortais”, onde os assassinos se utilizam de disfarces semelhantes. Seis pessoas já foram assassinadas em Anápolis este ano.

Ladrões de cachorros
Era só o que faltava... Em Goiânia já são vários os casos de roubo de cães de raça. Segundo interpretações, os bandidos querem os animais para venderem-nos a terceiros. Em alguns casos se utilizam, até, de armas para intimidarem os donos. Há determinadas raças cujos filhotes custam mais de R$ 1 mil. Muita gente que cria esses animais está deixando de passear com eles pelos parques e jardins da capital.

Autor(a): Nilton Pereira

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Causos de Polícia

Causos de Polícia

24/11/2017

Castelo fraco Valdeci montou um comércio no Residencial Copacabana e ia de vento em popa. Não faltavam clientes. Só que,...

Causos de Polícia

16/11/2017

Moto complicada O Gabriel estava todo prosa, circulando em uma moto novinha pelas ruas do Jardim dos Ipês. Mas, foi inter...

Causos de Polícia

09/11/2017

Bateu na mãe O Roberto, morador da Vila Jaiara, tem 45 anos, mas é muito esquentado. Qualquer coisinha ele quer bater. E,...

Causos de Polícia

03/11/2017

Maldade pura I O Eurípedes tinha uma perua FIAT Elba que era o seu maior xodó. Era, porque, esta semana, um embaixador do ...