(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Casos de Polícia - Ed. 362

Geral Comentários 20 de abril de 2012

Notas Gerais


Roubar o quê?
Na madrugada do dia 16, ladrões arrombaram o posto de saúde do Parque Calixtópolis. Ladrões, ou, arruaceiros, já que iriam roubar o quê, naquela repartição? A responsável pelo posto, Rosângela Barbosa, chegou para trabalhar e viu tudo revirado. Telefonou para o 190 e os soldados Francione e Lima foram registrar o ocorrido.

Fator surpresa
Max Mendes residente do Calixtópolis, chegou em casa cansado do trabalho. Pretendia tomar um banho quente, jantar, ver televisão e dormir. Pretendia, pois quando ligou a luz, nada. Ligou a TV, nada. Foi olhar na fiação e... nada de fio. Ladrões haviam levado toda a fiação da casa. Desconsolado, Max ainda foi se queixar com um vizinho. Chegando lá, ficou mais decepcionado ainda. O vizinho havia sofrido o mesmo tipo de prejuízo. Os soldados Francione e Lima registraram a ocorrência.

Valentão na escola
Aos 20 anos, Rafael é metido a valente. Esta semana ele ficou frente a frente com o Sargento Esenhower e o Soldado Wilton, em uma escola estadual no centro da Cidade. É que denunciaram que Rafael estava com uma arma de fogo, amedrontando as pessoas. Todavia, quando viu os PM’s, ele ficou todo desconsertado, mas a arma não apareceu.

Perdeu a paciência
Inaldo vinha reclamando de enfermidade e queria se aposentar ou, pelo menos, “encostar” no INSS. Foi fazer a perícia e os médicos entenderam que não era o caso e que ele poderia voltar a trabalhar. Inaldo não gostou e começou a xingar todo mundo, afirmando que iria “quebrar tudo”. Só não o fez porque o Sargento Edvaldo e o Soldado Lusimar chegaram ao prédio do INSS, na Rua 15 de Dezembro. Resultado: todo mundo levado para a delegacia. Lá, Inaldo não falou em quebrar nada.

Homens e cachorro
Moradores no Novo Paraíso, Gleydson e Jorge arranjaram uma desavença. Esta semana, os dois se encontraram no meio da rua e as provocações se multiplicaram. Quando menos se esperava, ambos já estavam atracados, rolando na poeira, trocando todo tipo de agressões. Gleydson, entretanto, não sabia que Jorge tinha um aliado: um baita de um cachorro Pit Bull. E, não deu outra... Quando viu o dono envolvido na briga, o cão entrou na parada, dando belas mordidas no inimigo de seu proprietário. Sob os cuidados do Sargento Da Silva e do Soldado Tadeu, os três, Jorge, Gleydson e o cão, cuja identidade não foi revelada, seguiram para uma entrevista com o delegado de plantão.

Sumiu a grana
Carlos Adriano, morador no Parque São João, estava guardando R$ 450 para pagar algumas contas. Mas, na segunda-feira passada, ao chegar em casa, viu que a porta estava arrombada. Correu direto para onde deixara o dinheiro e, cadê a grana? Os ladrões haviam levado tudo. Carlos chamou a Polícia e os soldados Marcelino e Paulo Roberto, na maior das boas vontades, foram socorrê-lo. Só que dos ladrões, nem notícia.

Assaltado logo cedo
Abílio Fernando tem um supermercado no Filostro. Esta semana, ao chegar para abrir o estabelecimento, viu que alguém já havia feito esse serviço por ele. Eram dois marginais que, armados, deram-lhe voz de assalto. Levaram-no para os fundos do estabelecimento, duram dois tiros para amedrontá-lo e fugiram com R$ 2.300 em dinheiro vivo, mais R$ 250 em maços de cigarros.

Primeiro homicídio
Enquanto que em Anápolis já são quase 40 casos, Uruaçu, cidade do Norte de Goiás, ficou os três primeiros meses do ano sem registrar um assassinato sequer. O primeiro do ano ocorreu no dia sete de abril. Segundo a delegada Mariza Mendes César, a vítima, Maurizan Pereira Cardoso, de 44 anos, morreu com um golpe de faca após uma discussão pela posse de um litro de pinga com Leiliane Lopes de Jesus, de 20 anos; com Junior Ribeiro de Freitas, de 18 anos; e um menor de idade. Maurizan ficou agressivo por que Leiliane se apoderou da bebida. Ele, então, avançou contra ela com uma faca. Na sequência, o menor - que é irmão de Leiliane - entrou na frente para defendê-la, quando foi golpeado no braço por Maurizan, que foi expulso da casa. Depois, segundo a delegada, o menor e Júnior - cada um com uma faca - foram atrás de Maurizan. Os três entraram em luta corporal e a vítima acabou sendo assassinada.

Roubo na noite
Faltavam cinco minutos para onze da noite de quarta-feira, 18, quando um elemento chegou a um disk cervejas que funciona perto do Estádio “Jonas Duarte”. Chamou o proprietário de nome Marlon e anunciou o assalto. Levou todo o dinheiro que estava no caixa e sumiu na escuridão. Quando o Sargento Barbosa e o Soldado Plínio chegaram, ele já estava longe. Ficou o prejuízo.

Bateu, foi preso
Júlio César estava com Érica em um bar do Jardim Primavera bebericando e batendo papo. Em dado momento, se desentenderam e ele, por ser mais forte, começou a espancar a companheira. Alguns fregueses que estavam no local, tentaram impedir e foram, também, agredidos. E, revidaram. Júlio tomou uns bons pescoções. Quando a Polícia chegou ele quis encarar o Cabo Anderson e o Soldado Cláudio. Não deu. Foi levado ao Primeiro Distrito, onde se registrou a queixa e, depois, ao Hospital Municipal para tratar de algumas escoriações decorrentes do enfrentamento que fizera aos frequentadores do bar. Foi autuado na Lei “Maria da Penha”.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

PROCON vê medidas para impedir os abusos nos preços

16/11/2017

A superintendente do Procon Goiás, Darlene Araújo, afirmou na última terça-feira, 14, que, em conjunto com a Delegacia do...

Dona de casa tem direito aos benefícios do INSS?

16/11/2017

A Previdência Social é o ombro amigo da população brasileira, e tem como um dos princípios a solidariedade que busca amp...

Conferência debate os rumos da saúde

16/11/2017

A 10ª Conferência Municipal de Saúde será realizada nos dias 04, 05 e 06 de dezembro próximo. Na oportunidade, serão de...

Joanápolis sedia a Festa do Milho

16/11/2017

Agregar valor à produção local e movimentar a economia. É com este objetivo que a Prefeitura, via Secretaria Municipal de...