(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Carros com pinturas diferenciadas enfeitam as ruas da Cidade

Geral Comentários 02 de dezembro de 2011

Opção de muitos apaixonados por veículos, ter um carro personalizado exige muito estudo e um bom projeto para evitar gastos desnecessários e arrependimentos


A moda não é exclusiva, apenas, das grandes passarelas de roupas, sapatos e jóias. Está, também, ligada a outra paixão de homens e mulheres brasileiros: os carros. Isso mesmo, não basta ter quatro rodas, um bom motor e lataria. Deve ter, ainda, charme e estar na moda com o seu design, equipamentos e acessórios devidamente acertados com as tendências do segmento no Brasil e em outros países.
Para atender a esse nicho do mercado e, principalmente, ao gosto dos apreciadores de veículos que gostam de modelos personalizados, é que surgiu a customização. Não se trata de uma prática nova, mas, certamente, ganhou força a partir do filme “Velozes e Furiosos”, no qual Dominic Toretto (Van Diesel) e Brian Spindler (Paul Walker) exibiam carrões modificados e ultra-equipados fazendo manobras radicais em alta velocidade. Mas esse não é o lado único da customização que, para nós, tem contornos mais realistas: transformar aquele carro dos nossos sonhos da adolescência, numa realidade com beleza, modernidade e segurança.
Há cinco anos neste ramo e há quase 15 lidando com automóveis, Aurélio Castro Guimarães, da empresa Expert Custom, localizada no setor Cidade Jardim, já é um nome respeitado com alguns de seus veículos sendo capa de revistas especializadas e destaque em exposições nacionais. Recentemente, por exemplo, ele emplacou uma chamada na capa da revista CarStereo, com a produção de um Alfa Spider na cor azul fosco.
Segundo Aurélio Castro, é preciso estar atento ao que acontece no mercado. Assim, ele é presença constante em feiras e exposições dessa área, não só no Brasil, mas também no exterior. E, com a propriedade de quem conhece do assunto, ele recomenda às pessoas que desejam transformar o seu veículo que, primeiro, mentalizem bem aquilo que estão querendo. Perguntado a respeito do perfil de público que procura os serviços de sua empresa, ele respondeu que são pessoas com idade entre 25 e 50 anos. Os mais jovens, via de regra, buscam projetos mais arrojados, com muita tecnologia. Aqueles com um pouco mais de idade, buscam um carro personalizado, ao seu estilo ou, em muitos casos, a realização de ter um carrão daqueles que via na adolescência. A geração dos anos 70, por exemplo, tinha o Opala, o Dodge, o Maverick, o Passat como alguns esportivos dos sonhos. Até as montadoras, observa Aurélio, percebendo esse comportamento do público consumidor, estão retornando ao mercado alguns modelos como faz a Ford com o Camaro, o próprio Dodge e o Mustang.
Mas a moda não é só modelo. Assim como os tecidos das roupas, a estática das cores também varia. Hoje, diz o especialista, as tendências são o branco, o azul retrô, o laranja, o bege, marrom e o verde. Também as faixas laterais e no capô dos veículos estão caindo na preferência de quem gosta de modelar o carro ao próprio gosto. Há quem indique a customização a partir de um pequeno modelo, como aqueles carrinhos de ferro que muita criança (e muitos adultos, também) gosta de colecionar. No interior, os bancos com cor, mesmo em tons mais fortes como o vermelho, também estão no auge. Ainda em relação às cores, as foscas têm atraído muito o gosto das pessoas.

Design
Para se chegar a um modelo, não basta ter uma boa ideia na cabeça. É preciso de muito trabalho que, segundo narra Aurélio Castro, começa na prancheta de desenho. “É fundamental que as pessoas tenham opiniões balizadas, pois podem correr o risco de fazer um investimento e em pouco tempo, o carro estar fora do contexto do mercado”, observou, acrescentando que deve haver muito critério na escolha das cores e dos acessórios. Atualmente, há também muitas opções tecnológicas como Ipad, GPS e kits multimídia. O preço, é o que todos devem estar perguntando desde o início da reportagem, é muito variado. “Depende do projeto a ser desenvolvido, o mais importante é fazer boas escolhas e não errar”, ensina o profissional, destacando que carro customizado, além de beleza, também deve estar no topo da segurança. “Enfim, boas escolhas levam a bons resultados num todo”, resumiu.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

PROCON vê medidas para impedir os abusos nos preços

16/11/2017

A superintendente do Procon Goiás, Darlene Araújo, afirmou na última terça-feira, 14, que, em conjunto com a Delegacia do...

Dona de casa tem direito aos benefícios do INSS?

16/11/2017

A Previdência Social é o ombro amigo da população brasileira, e tem como um dos princípios a solidariedade que busca amp...

Conferência debate os rumos da saúde

16/11/2017

A 10ª Conferência Municipal de Saúde será realizada nos dias 04, 05 e 06 de dezembro próximo. Na oportunidade, serão de...

Joanápolis sedia a Festa do Milho

16/11/2017

Agregar valor à produção local e movimentar a economia. É com este objetivo que a Prefeitura, via Secretaria Municipal de...