(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Capacitação visa tornar SAMU mais ágil e eficaz

Geral Comentários 09 de agosto de 2018

Treinamento qualificado pretende otimizar serviços prestados à comunidade


Situações de conflito, urgência e emergência foram alguns dos tópicos abordados na capacitação simulada pela qual 35 profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Anápolis passaram nos dias 7 e 8 de agosto. O conteúdo teórico e prático aconteceu de forma simultânea nos auditórios da base do Samu e do Corpo de Bombeiros e foi ministrado pela Escola Pública de Saúde “Cândido Santiago”, ligada ao governo estadual.
Foram dois dias de aprendizado e qualificação de médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem. “A proposta foi promover uma capacitação com simulações dentro da realidade do nosso dia a dia”, explica a coordenadora do Samu, Eliane Bento. Essa é uma prática constante nesse serviço em que várias simulações são realizadas, retratando acidentes e outras situações graves, inclusive com a participação de pessoas. O objetivo é garantir um atendimento mais ágil e eficaz evitando óbitos, traumas e sequelas.
Durante o curso foram abordados temas como políticas públicas na rede de atenção a urgência e emergência, as novas diretrizes no suporte básico de vida, gestão em urgência e emergência, além de uma questão delicada como a comunicação de más notícias. “É necessária toda uma preparação para esse momento”, frisa a coordenadora.
A qualificação ainda abrangeu assistência em acidente vascular encefálico, paradas cardiorrespiratórias, doença pulmonar obstrutiva crônica, infarto agudo do miocárdio, politraumatismo e crises convulsivas. Atualizações sobre a rede de urgência e emergência e legislação pertinente também fizeram parte do conteúdo.

Samu 192
Atualmente, o Samu em Anápolis conta com 66 profissionais entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, além da prestação de serviço de 109 bombeiros nas funções de condutor, rádio operador e lavador. Possui uma frota composta por duas ambulâncias de suporte avançado e quatro de suporte básico, além de duas motolâncias. Fazem parte da estrutura, a sede com a Central de Regulação, na Avenida JK, e o posto de atendimento, na Vila Jaiara.
A Central de Regulação atende aos municípios que compõem a Regional Pireneus. Além de Anápolis, fazem parte Alexânia, Abadiânia, Campo Limpo, Gameleira, Goianápolis, Terezópolis de Goiás, Cocalzinho, Pirenópolis, Corumbá de Goiás, Padre Bernardo e Mimoso de Goiás. Na região, são quase 490 mil habitantes amparados pelo Samu 192.

Autor(a): Da Redação

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Geral

Palestra para adolescentes que cometeram delitos

07/12/2018

Ressignificação. A palavra que representa dar um novo sentido à vida foi a mais repetida no 1º Ciclo de Palestras Socioed...

CAPS Crescer vai emitir Carteira do Autista

07/12/2018

O CAPSi Crescer Anápolis soma às suas atividades regulares do dia 18 de dezembro, a emissão da Carteira de Identificação...

V Curso de primeiros socorros para os acadêmicos e alunos da UniATI

07/12/2018

“O tempo e a habilidade do socorrista é crucial no atendimento. Nossa missão é replicar conhecimento. Essa iniciativa é...

Trajetórias de vidas depois de passados 80 anos

07/12/2018

“Acima dos 80, rumo à velocidade da luz”. Este é o título do livro produzido pelo empresário anapolino Célio de Oliv...