(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Candidatos apontam seus projetos para o setor da educação em Anápolis

Política Comentários 02 de setembro de 2016

O Jornal CONTEXTO inicia série especial com as propostas dos candidatos para os diferentes setores da Administração Pública. Primeiro tema é a educação


A partir desta edição, o Jornal CONTEXTO inicia uma série especial de matérias com as propostas dos candidatos à Prefeito de Anápolis. Serão cinco edições, iniciando com o tema da Educação. Na sequência, os candidatos apresentarão suas propostas nas áreas de Saúde, Infraestrutura e Mobilidade e Segurança Pública. Na última parte da série, serão destacados dois temas: Meio Ambiente e Emprego e Renda.
A cada candidato, está assegurado o mesmo espaço para a divulgação de suas propostas. A intenção é proporcionar aos leitores/eleitores uma forma para que os mesmos possam analisar as propostas dos senhores candidatos, nas principais áreas da Administração Municipal. É um espaço democrático, de caráter estritamente jornalístico, não sendo permitido, pois, que o mesmo seja utilizado para qualquer tipo de ofensa ou ataque a outro concorrente, partido ou coligação.

PROPOSTAS DE CARLOS ANTÔNIO

Na educação, a meta é ousada. O desafio é ter escolas municipais comparadas às melhores do país, que ofereça educação de altíssima qualidade para todos, que seja um ambiente “digno”, que produza e dissemine conhecimentos. Sobretudo, seja um lugar no qual as crianças anapolinas tenham muita vontade de estar e aprender. “Estou convicto que são nesses primeiros anos de cidadania que são estabelecidos os pilares e as oportunidades de vidas mais prósperas” afirma Carlos Antonio.
“Temos a preocupação de valorizar os professores com o cumprimento de artigos do Estatuto do Magistério não cumpridos, há também uma necessidade imediata que o Plano Municipal de Educação seja aplicado na sua íntegra, e vamos colocar isso em prática.” “Vamos adotar o Programa “Escola Aberta” para chamar a sociedade para dentro da escola nos finais de semana com atividades culturais, esportivas e de lazer, e ainda com cursos especiais e de capacitação. Além disso, nesta área viabilizaremos a construção de quatro novas escolas e mais 10 CMEIs. Esse é o nosso compromisso!” destaca Carlos Antonio.
Veja outras propostas: Ampliar as vagas em centros de educação infantil, para crianças de até 3 (três) anos de idade, inclusive com parcerias com instituições públicas, privadas e filantrópicas; Facultar aos professores o direito de ampliar o número de horas de aulas para melhorar sua remuneração; Cumprir artigos do Estatuto dos Professores que ainda não foram cumpridos e que diretamente atendem apelos da categoria; Investir na alfabetização de todas as crianças, com a meta de que elas estejam alfabetizadas até o final do 3º (terceiro) ano do ensino fundamental; Superar o analfabetismo absoluto em Anápolis e reduzir o analfabetismo funcional, ampliando a oferta do ensino de jovens e adultos; Investir na implantação gradual da educação em tempo integral; Garantir que todo recurso público destinado à educação seja aplicado na rede pública municipal de ensino.

PROPOSTAS DE JOSÉ DE LIMA

A educação é um assunto a ser levado a sério. O acesso ao ensino de qualidade é um direito de todos, é para o Estado um dever, como previsto em nossa Constituição Federal. Valorizando a educação, geramos cidadãos capacitados e empenhados em colaborar com o crescimento da cidade, com disposição e força de trabalho para buscar o melhor e conhecimento para fazer as melhores escolhas na vida e em sociedade.
Garantir aos funcionários salários justos, infraestrutura e um ambiente de trabalho agradável são parte de nossas propostas, que visam também à valorização dos profissionais envolvidos na escola. Criar uma atmosfera nova, mais propícia ao ensino e aprendizado é a prioridade. Assim como a melhoria da merenda, com o acompanhamento de nutricionistas.
A implantação de escolas de tempo integral em locais estratégicos da cidade tem como principal objetivo fornecer cursos e atividades extracurriculares, proporcionando melhor qualificação aos alunos. As creches também são uma necessidade urgente, com planejamento adequado, novas unidades atenderão à população dos bairros que carecem deste serviço, inclusive no período noturno.
Programas de incentivo à ciência, esporte, cultura, devem ser implementados. Bolsas de estudos servirão como estímulo aos jovens que, com uma nova perspectiva de vida e mais oportunidades no mercado de trabalho se tornarão cidadãos mais ativos e presentes em nossa sociedade. A ampliação do projeto de inclusão digital torna ainda mais atual o ambiente escolar, contando com meios modernos e novos equipamentos.
Há muito a ser feito e não podemos fechar os olhos à realidade precária das escolas da cidade, a educação é um tema que envolve a todos. É com trabalho e foco nos reais problemas que vamos mudar a situação do ensino em Anápolis.

PROPOSTAS DE JOÃO GOMES

Professores qualificados e valorizados constituem um elemento essencial para garantir que o processo de ensino-aprendizagem alcance sucesso, mas é preciso também dispor de uma estrutura física adequada para que eles tenham condições de desenvolver seu trabalho e as potencialidades dos alunos. Por esse motivo, a atual administração aderiu ao Pacto Nacional pela Educação e um de seus compromissos é o de investir na melhoria dos prédios escolares. Desde 2009, o município contabiliza a entrega de 17 novas creches, duas escolas e reforma e ampliação de 22 unidades e construção 20 ginásios poliesportivos.
Nunca se construiu e reformou tanto. A revolução se vê em cada região da cidade, o que reduziu consideravelmente o déficit de vagas tanto das escolas municipais quanto dos CMEIs. Atualmente a rede conta com 2.079 professores, além de 1.682 colaboradores da educação (administrativos e operacionais). São 55 escolas municipais, 26 centros municipais de educação infantil e seis unidades conveniadas. E não para por aí não, 29 ônibus fazem o transporte de cerca de três mil alunos, mensalmente. Benefício também atinge alunos da rede estadual.
Atualmente, grandes reformas estão alcançando escolas tradicionais do município. A mais avançada está no Bairro Santo Antônio, onde a Escola Municipal Raymundo Paulo Hargreaves está passando por uma verdadeira reconstrução. Outras duas escolas recebem o mesmo processo, no Bairro São Jorge – Escola Municipal Edinê Rodrigues Gomes e no Setor Sul – Escola Municipal Maronita Dias Dourado.
Menos complexos, outros benefícios estruturais chegaram à Escola Municipal Antônio Constant que está recebendo a construção de novas salas de aula e no populoso Conjunto Habitacional Filostro Machado Carneiro, no qual a Escola Municipal Maria Elisabeth Camelo Lisboa recebe a troca integral do telhado e de sua parte elétrica. Já no Parque Brasília, a Escola Municipal Professora Lena Leão será contemplada com um ginásio poliesportivo.

PROPOSTAS DE ROBERTO DO ÓRION

Antes de tudo é preciso fazer um diagnóstico da Educação no município. Vamos começar pelas creches. Há um déficit aproximado de 4 mil vagas de creches na cidade. Essa é uma responsabilidade que o município não está cumprindo com a população. E eu não posso acreditar que alguém se orgulhe desses números. Restam aos pais e responsáveis a humilhante situação de se inscrever num sorteio de vagas. Ou seja, ser atendido pela prefeitura de Anápolis tornou-se uma questão de sorte. E mesmo aqueles que conseguem a vaga ainda tem que se deparar com casos como a falta de itens da merenda ou até mesmo falta de gás para cozinhar, como se noticiou nos veículos de comunicação no final do ano passado. Sofre o aluno, sofre também o professor que teve o seu aumento de salário parcelado em diversas parcelas. Veja, esse não é um quadro pessimista para desabonar a atual administração. É a realidade com a qual teremos que lidar.
Minha formação é de professor. Embora tenha um colégio particular, comecei minha carreira ensinando em escola pública. Então, quando falo sobre melhoria da condição de ensino, estou falando de professor para professor. Esse é um ponto. O outro é procurar soluções efetivas e econômicas para resolver a vida de quem precisa colocar seu filho numa creche.
Minha proposta é ampliar os convênios com igrejas e outras entidades que possam desempenhar esse serviço em parceria. Além, é claro, da construção de salas de aula. Também inseri no meu planejamento de trabalho, a reforma e modernização das unidades já existentes com a implantação de recursos audiovisuais para melhorar o aprendizado. Agora, a Educação também passa pelo aperfeiçoamento e reciclagem dos profissionais para aumentar as chances de contratação dos nossos trabalhadores e para que as melhores vagas de emprego fiquem com os anapolinos. Esses são alguns dos pontos iniciais do nosso trabalho.

PROPOSTAS DE VALERIANO ABREU
O candidato a prefeito de Anápolis, Valeriano Abreu (PSC), traz em seu Plano de Governo, a criação do Sistema de Educação Integrada, uma proposta inovadora, na qual a educação será trabalhada de forma integrada com as diversas secretarias da prefeitura (esporte, cultura, saúde, meio ambiente, segurança, entre outras), a fim de reduzir o desemprego, formar profissionais, e preparar as crianças e jovens para a vida. Entre as ações previstas no Sistema de Educação Integrada, destacam-se:
1- Projeto “Encantar”: atividades no esporte e na cultura, no contraturno escolar;
2- Projeto “Aprende Mais”: reforço escolar no contraturno;
3- Projeto “Escola Segura”: segurança nas escolas através da Guarda Municipal;
4- Projeto “Mundo Mágico”: evento que visa o incentivo à leitura para as crianças e adolescentes, com envolvimento dos professores e pais dos alunos;
5- Construir mais escolas e creches. Além de fazer gestão nas unidades existentes;
6- Projeto Escola Sustentável: construir escolas e creches sustentáveis com captação da água da chuva e uso de energia e aquecimento solar;
7- Lutar para impedir a implantação da ideologia de gênero nas escolas;
8- Promover a inclusão escolar: adequar as escolas para possibilitar acessibilidade às pessoas com deficiência. Realizar projetos de inclusão de alunos, focando as diversidades, tais como: bulling, racismo, e preconceito quanto às diversas deficiências; 9- Implantação de Praças Criativas: as principais praças de cada bairro terão internet, segurança, quadras esportivas, eventos esportivos e culturais, além de campanhas de promoção à saúde. Essas praças serão integradas à rede municipal de ensino.
O objetivo de Valeriano é, através da educação, formar o ser humano com ética e valores cristãos e, assim, construir uma sociedade cada vez melhor.

PROPOSTAS DE ERNAI DE PAULA

Quando se fala em educação, é preciso ter em mente uma série de ações que devem ser consideradas separadamente, mas aplicadas contínua e simultaneamente. Pensando-a de forma macro, desenvolvemos amplo programa voltado ao setor, de modo a contemplar suas diversas nuances e particularidades.
Do ponto de vista do professor, vamos assegurar o cumprimento integral da LC 211/2009, que se referente ao Plano de Cargos, Carreira e Vencimento (PCCV) e ampliar o número de vagas para mestres e doutores, o que, inclusive, implementei durante minha administração, lá no início dos anos 2000. Também vamos assegurar o cumprimento das metas e estratégias aprovadas no Plano Municipal de Educação, aprovado em 2015.
Já em relação às unidades escolares, colocaremos em prática uma política de padrões mínimos de infraestrutura física da rede, com edificações, número adequado de salas de aula, auditórios, dependências administrativas, quadras de esporte, refeitórios, bibliotecas e laboratórios, observada a premissa de avanços tecnológicos e de acessibilidade.
Vamos instituir programa de construção, ampliação e reforma de escolas onde houver demanda e de unidades para atendimento em tempo integral, prioritariamente em setores com rendimento familiar de até três salários mínimos, já que educação e social caminharmos juntos. Dentro desse viés, vamos garantir a todos os estudantes transporte escolar gratuito, seguro e de boa qualidade, inclusive em áreas de difícil acesso. O uso e a renovação da frota, além do tempo de deslocamento dos estudantes, serão respeitados, seguindo a legislação vigente.
Articular políticas públicas associadas a programas da área da saúde, trabalho e emprego, assistência social, esporte e cultura, possibilitando ações intersetoriais, que promovam atenção integral às famílias e aos estudantes, contribuindo para a melhoria da qualidade educacional também compõem nosso amplo plano para a educação.

PROPOSTAS DE PEDRO CANEDO

Sabemos que a educação é essencial para o desenvolvimento do nosso país. Temos um plano de governo possível de ser realizado, e nossas propostas serão executadas em nossa gestão, de acordo com o orçamento.
Como prefeito de Anápolis, iremos trabalhar para que seja ampliada a aplicação dos recursos públicos destinados à educação. Os professores e profissionais da educação serão valorizados e, para isso, vamos melhorar o plano de carreira do magistério, aumentando o número de vagas para a titularidade PV. Vamos dar condições para o exercício de suas atividades – isso requer escolas boas, com estrutura, equipamentos e alimentação de qualidade. Vamos investir em capacitação profissional; criar possibilidades para que os servidores administrativos possam ser gratificados pelo seu desempenho e flexibilizar a mudança de carga horária, quando necessária.
Em nossa gestão, vamos reformar e implantar mais escolas, inclusive em tempo integral, oferecendo às crianças: esporte, lazer, informática, línguas, assistência psicológica e social e área de convivência. Vamos promover parcerias com a iniciativa privada, através de programas de incentivo, para que sejam criadas mais creches.
Vamos criar escolas nos bairros que ainda não tem; criar um sistema de acompanhamento personalizado para os alunos especiais dentro das escolas regulares; também vamos criar o programa de erradicação do analfabetismo, em parceria com a sociedade civil organizada.
E ainda: vamos criar ambientes públicos adequados para incentivar a leitura e, criar a Escola de Formação Continuada Paulo Freire; vamos elaborar o projeto pedagógico que viabilize a introdução de novas tecnologias no sistema educacional. Por fim, apresentamos como propostas criar a Bolsa universitária, por meio de convênio com as faculdades, e o passe livre estudantil; oferecer transporte escolar eficiente com segurança e conforto, atendendo os alunos das zonas urbana e rural.

A família deve ser inserida no processo de formação escolar dos filhos. Para isso, iremos desenvolver o Projeto Tríade - alunos, pais e escola.
Ressaltamos que o nosso compromisso é investir o dinheiro público com honestidade e transparência. Serei prefeito para cuidar da gente!

Autor(a): Claudius Brito

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Vereador defende mudança no pacto federativo

08/12/2017

O vereador Leandro Ribeiro (PTB) usou a tribuna durante a sessão ordinária da última quarta-feira, 06, para defender mudan...

Prefeito pode fazer uma reforma administrativa no começo do ano

08/12/2017

O Prefeito Roberto Naves (PTB) deverá ampliar a reforma em sua equipe, a partir de janeiro próximo. É que algumas Pastas e...

Vereador busca solução sobre fechamento de ruas

30/11/2017

O vereador Leandro Ribeiro (PTB), primeiro secretário da mesa diretora da Câmara Municipal, informou na tribuna do plenári...

“Estamos cansados de esperar o Governo”, desabafa Roberto

30/11/2017

“A Cidade não aguenta mais esperar”. A afirmação é do Prefeito Roberto Naves (PTB), que não esconde mais a sua insat...