(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Caiado diz: chapa não tem projeto de poder

Política Comentários 19 de julho de 2018

Afirmação ocorreu no lançamento da pré-candidatura de Jorge Kajuru ao Senado


O grupo “Unidos para Mudar Goiás” concluiu a chapa para as eleições deste ano ao anunciar a pré-candidatura ao Senado do vereador Jorge Kajuru (PRP), na última terça-feira,17, em Goiânia. O senador Ronaldo Caiado (Democratas), pré-candidato ao governo, destacou que essa chapa foi composta a partir do entendimento, do diálogo, com os partidos aliados buscando pessoas competentes, compromissadas com o povo goiano e que tem uma ficha limpa para conferir credibilidade moral as mudanças que o estado precisa.
No seu pronunciamento, Caiado classificou essa composição como “a chapa para defender o povo goiano” e não um projeto pessoal de poder como a população tem visto nos últimos 20 anos. O encontro reuniu representantes de mais de 100 municípios do estado entre lideranças, prefeitos, vereadores, pré-candidatos, presidentes de partidos como o pré-candidato a vice-governador, Lincoln Tejota (PRP); o senador e pré-candidato a reeleição, Wilder Morais (Democratas) e sua noiva, Ana Fleury; a esposa do senador Caiado, Gracinha Caiado e o coordenador da chapa, Adib Elias (MDB), prefeito de Catalão.
“Não tem campanha ganha. Mas o lado de lá não tem coragem de botar a chapa na rua, não tem coragem de apresentar projeto para o povo porque aqui cada um vai ter que levar a história que vocês construíram durante esses anos todos. Nós não temos que defender ex-governador, essa chapa tem que defender o povo do estado de Goiás que quer mudança nessa hora. Nossa chapa foi decidida dentro de um colegiado. Wilder Morais, decidido por unanimidade; Lincoln Tejota, decidida por unanimidade; Kajuru, decidida por unanimidade. Um homem tem que ter lado, tem que ter firmeza e temos uma diferença maior, temos o sentimento do povo do estado de Goiás. Cada lugar que você chega só tem uma palavra: mudança”, destacou Caiado.
O senador fez questão de agradecer o empenho e a crença dos pequenos partidos no projeto da frente “Unidos para Mudar Goiás. “Quero agradecer a coragem dos prefeitos, dos pequenos partidos que muitas vezes eram até discriminados e até desrespeitados. Construímos um entendimento e temos uma ampla aliança com maior número de vereadores do estado de Goiás para ganhar as eleições. Não somos homens de nos acovardar diante dos desafios. Esse estado pode ter esperança “, pontuou ao lembrar que hoje a frente tem 12 partidos.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Derrota nas urnas e prisão. O inferno astral vivido por Marconi Perillo

11/10/2018

O ex-governador de Goiás por quatro mandatos, ex- Senador e ex-deputado Federal, Marconi Perillo (PSDB), vive um verdadeiro ...

Bezinho, suplente de Kajuru, fala sobre vitórias e projetos

11/10/2018

Considerado um fenômeno nas urnas das eleições deste ano, o vereador de Goiânia, Jorge Kajuru Reis da Costa Nasser, ocupa...

Vanderlan diz que revisão do pacto federativo é uma das prioridades, caso seja eleito no domingo

08/10/2018

Postulante ao Senado da República, Vanderlan Cardoso (PP) cumpriu uma extensa agenda de campanha em Anápolis, na última te...

Votar nulo ou branco não faz diferença

08/10/2018

Todo ano de eleição surgem as mesmas dúvidas: se mais da metade dos eleitores votarem em branco ou anularem o voto, a elei...