(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Bombeiros orientam para prevenção e combate a incêndios

Saúde Comentários 24 de janeiro de 2014

Funcionários foram capacitados para atuar em diversos tipos de situação de risco


O Corpo de Bombeiros de Goiás realiza treinamento de prevenção e combate a incêndios com os profissionais da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes do Hospital de Urgências de Anápolis (Huana) e ao Grupo Elite, responsável pela segurança hospitalar. Dividida em duas etapas, teórica e prática, a capacitação foi no pátio externo da unidade na terça-feira, 22.
Segundo a assessora de Qualidade do Huana, Vanessa Lobo, a prática contribui para a prevenção de incêndios no local e uma segunda edição do curso já está programada para agosto. “Esses treinamentos reforçam o nosso compromisso em garantir a segurança de quem está no hospital”, declara.
Para o sargento Wellington, que coordenou o treinamento, saber prevenir incêndios é tão importante quanto saber apagá-los. “É preciso treinar os colaboradores para adotarem padrões operacionais, tomando as precauções necessárias como os cuidados preventivos no dia a dia”, orienta.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Saúde

Nova unidade atenderá a cerca de 7 mil pessoas na Região Oeste de Anápolis

15/03/2019

Um espaço próprio que acabou de ser construído vai dar lugar a dois postos que funcionavam em locais alugados e precários...

Mitos e verdades sobre a enxaqueca

15/03/2019

Dor de cabeça forte, enjoo e sensibilidade à luz e ao barulho. Esses são os principais sintomas da enxaqueca, doença neur...

Aulas de Hiit são oferecidas gratuitamente em Anápolis

07/03/2019

São 30 minutos a 40 minutos de uma aula intensa: corrida, bicicleta, peso, abdominal. O céu é o limite para as variações...

Saúde intensifica ações de combate à dengue no Município

07/03/2019

De um lado, um batalhão formado por cerca de 400 agentes –250 comunitários de saúde e 150 de endemias. De outro, o Aedes...