(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Baldy busca recursos no Ministério da Justiça para Goiás

Política Comentários 20 de maio de 2016

Parlamentar goiano capitaneou integrantes das forças de segurança de Goiás numa reunião com o ministro Alexandre Morais


Garantir que Goiás receba os recursos do Governo Federal para fortalecer a Segurança Pública foi o objetivo de reunião com o novo ministro da Justiça, Alexandre de Moraes.
Também estiveram na reunião o vice-governador e secretário de Segurança Pública de Goiás, José Eliton, o secretário da Casa Civil, João Furtado; diretor do Conselho Nacional dos Secretários de Estado da Justiça, Cidadania, Direitos Humanos e Administração Penitenciária (Consej) Joaquim Mesquita; comandante geral da Polícia Militar do Estado de Goiás (PM-GO), coronel Divino Alves; superintendente executivo da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), Coronel Edson Araújo, Comandante-geral da Polícia Militar de Goiás, Coronel Divino Alves; Superintendente Executivo de Administração Penitenciária, Coronel Victor Dragalzew; Delegado-geral da Polícia Civil, Álvaro Cássio; e outros integrantes da Cúpula de Segurança de Goiás.
O ministro se comprometeu a dialogar diretamente com o Congresso Nacional e acompanhar as medidas que tramitam no Legislativo goiano. “O que aconteceu nos últimos anos é que houve um afastamento do Ministério da Justiça com relação às ações efetivamente de segurança pública”, disse, ao se comprometer com essa integração de esforços.
Com o vice-governador e secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás, José Eliton, além de medidas de impacto para todos os estados, foram discutidas ações específicas de Goiás. “O ministro ficou de analisar cada um dos pontos apresentados, desde a liberação de recursos relacionados ao Fundo Penitenciário Nacional (Funpen), convênios estabelecidos entre Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP) com o Ministério da Justiça, passando também por questões relacionadas aos grandes eventos que estão sendo organizados no País, que demandarão participação de homens das forças de segurança de diversos estados”, afirmou José Eliton.


Rastreabilidade de medicamentos pauta reunião em Brasília

O deputado Alexandre Baldy (PTN-GO) esteve reunido com o presidente-executivo do Sindifargo, Marçal Soares e o presidente da FIEG-Regional Anápolis, Wilson de Oliveira, para pedir apoio na tramitação de projeto de lei do senado (PLS 276/2015) que prevê a criação de um Sistema Nacional de Controle de Medicamentos para cada caixa de remédio, a ser rastreada e monitorada como forma de coibir falsificações e aumentar a segurança dos pacientes. As entidades defendem que o prazo determinado pela proposta seja suficientes para que as indústrias possam se adaptar aos novos custos.
O PLS está na Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados e a presidente do colegiado, Conceição Sampaio, garantiu celeridade na aprovação do texto que tratá inúmeros benefícios a todos os brasileiros. Alexandre Baldy pediu à Conceição que intercedesse para que a proposta não sofresse as alterações propostas no Senado. Marçal informou que as indústrias terão de dispender cerca de R$2,5 Bilhões para se adaptar ao novo sistema. “Diante da atual crise, precisamos de tempo para nos adaptar e realizar um sistema perfeito.”
O projeto quer acabar com o enorme mercado ilegal de remédios, que chega a movimentar entre 5 bilhões e 8 bilhões de reais por ano. A proposta traz um sistema de monitoramento capaz de rastrear toda a cadeia de produção dos medicamentos vendidos no Brasil, desde os fabricantes até o varejo. A Lei 11.903/2009, que instituiu o sistema, previa sua implantação em três anos, o que não ocorreu devido à complexidade do modelo de rastreamento de medicamentos.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Política

Próxima legislatura terá 21 partidos no parlamento estadual goiano

18/10/2018

A renovação política do parlamento estadual será de, praticamente, 50%, ou seja, 20 novos parlamentares do total de 41 se...

Audiência abre debate sobre relatório técnico das obras da nova Câmara

18/10/2018

Pela primeira vez após três anos de paralisação das obras do novo prédio da Câmara Municipal de Anápolis o assunto foi...

Equipe de transição será altamente técnica, garante Governador eleito

18/10/2018

Por meio de sua assessoria, o Governador eleito de Goiás, Ronaldo Caiado, do Democratas, informou que deve anunciar na próx...

Derrota nas urnas e prisão. O inferno astral vivido por Marconi Perillo

11/10/2018

O ex-governador de Goiás por quatro mandatos, ex- Senador e ex-deputado Federal, Marconi Perillo (PSDB), vive um verdadeiro ...