(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Balança comercial de Goiás tem o melhor mês de janeiro em 10 anos

Economia Comentários 22 de fevereiro de 2018

Com bom resultado nas exportações, Goiás mantém sequência positiva no mercado internacional


A balança comercial do mês de janeiro, divulgada pelo governo de Goiás por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SED), destacou crescimento tanto em exportações quanto em importações. O saldo gerado entre os dois índices resultou em um superávit de US$ 161,6 milhões – o 49º consecutivo e o segundo maior para o mês de janeiro desde 2008.
No caso das exportações, 15,92% maior em relação a janeiro de 2017, foram comercializados mais de US$ 447 milhões em produtos goianos no mês passado. Já nas importações, o crescimento foi de 8,09%, somando mais de US$ 285,4 milhões. No comparativo com dezembro de 2017, houveram recuos de 3,0% nas exportações e de 8,46% nas importações, considerados normais para a transição entre os períodos. Ainda assim, foram os menores recuos dos últimos 12 meses.
Goiás também apresentou um ligeiro crescimento na participação nas exportações do Brasil, contribuindo com 2,63% do resultado nacional. O crescimento na venda de produtos goianos em janeiro deste ano também foi superior ao da média nacional que atingiu um aumento de 13,81%.

Diplomacia
Para o secretário Francisco Pontes o resultado reafirma as políticas econômicas adotadas pelo Governo de Goiás, com incentivos à expansão da produção agroindustrial e atração de investimentos para o Estado. “Essa é uma conquista evidente da gestão do governador Marconi Perillo, que visionou resultados a longo prazo lá no início de sua primeira administração. Hoje trabalhamos para ampliar esses resultados e consolidar Goiás com expressividade no cenário econômico nacional”.
O superintendente Executivo de Comércio Exterior da SED, William O’Dwyer lembra também do bom diálogo estabelecido com os parceiros internacionais. Semanalmente, cerca de duas a quatro embaixadas são visitadas. Mensalmente, o governo goiano costuma receber em média dois embaixadores interessados em conhecer as novidades oferecidas em Goiás.

Pauta de negócios
Dentre os importados, os Produtos Farmacêuticos lideram o ranking, somando mais de US$ 84,7 milhões, com participação de 29,70% do valor total das importações do Estado. Ainda assim o produto apresentou queda de 29,08% em relação a janeiro de 2017.
O principal destaque nas importações ficou para Veículos e suas partes, com crescimento de 176,62% em comparação a janeiro de 2017. Por isso, ficou em segundo lugar no ranking dos produtos adquiridos, representando 19,14% de todo valor importado pelo estado, totalizando US$ 54,6 milhões.
Em janeiro de 2018, foram exportados para 111 países um total de 289 diferentes produtos, com destaque para a produção de alimentos. O Complexo Soja ocupou o primeiro lugar no ranking de produtos exportados em janeiro, com valor de US$ 117,6 milhões (26,31% do total exportado por Goiás no mês passado). Em relação a janeiro de 2017, a exportação de Soja apresentou crescimento de 18,77%.
A exportação de Carnes ocupou o segundo lugar no ranking em janeiro de 2018, com mais de US$ 100 milhões comercializados, representando aumento de 17,47% em relação ao mesmo período do ano passado. A exportação de Carnes Bovinas apresentou crescimento de 67,54%, enquanto as exportações de Carnes de Aves, Suínas e Outras carnes resultaram em um decréscimo de 29,17%, 72,26% e 15,38%, respectivamente.
A China ocupou o primeiro lugar no ranking de países de destino das exportações goianas em janeiro de 2018, adquirindo 25,91% dos produtos vendidos no exterior, representando o valor de US$ 115,8 milhões, com destaque para Complexo Soja, Carnes Bovinas e Ferroligas. A Índia apareceu em segundo lugar no ranking de países de destino das exportações, através da aquisição de 9,04% dos produtos exportados por Goiás, representando o valor de US$ 40,4 milhões.
Os Países Baixos (Holanda) ocuparam a terceira colocação deste ranking no mês de janeiro, pois adquiriram 7,38% dos produtos goianos. Na sequência aparecem o Irã (com 6,67%), Reino Unido (5,37%, Bulgária (5,04%), Hong Kong (4,06%), EUA (3,41%), Itália e Vietnã (ambos com 2,72%).
Já nas importações, foram adquiridos 1.309 produtos diferentes de 61 países, com destaque para a Coreia do Sul, totalizando US$ 50,8 milhões ou 17,82% do total dos produtos adquiridos por Goiás. O segundo lugar no ranking das importações coube à Alemanha, com 15,92% do total, seguida pelos Estados Unidos (10,43%), China (7,83%), Suíça (6,97%), Japão (6,67%), Rússia (5,10%), Índia (4,21%), Tailândia (3,97%) e, finalmente, Argentina (1,81%).

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

Baixe o PDF de Edições Anteriores

Arte em Propaganda Arte em Propaganda

+ de Notícias Economia

Lançadas duas novas linhas de crédito

16/11/2018

A GoiásFomento está lançando duas novas linhas de crédito que serão oferecidas aos micro e pequenos empresários goianos...

Aplicativo de controle ‘Olho na Bomba’ já funciona em Anápolis

16/11/2018

Considerado uma ferramenta moderna que ajuda o consumidor a economizar na hora de abastecer o seu veículo, o aplicativo Olho...

Caoa Chery planeja produzir três modelos SUVs na planta de Anápolis

08/11/2018

O Polo Automotivo de Goiás dará um novo salto com os anúncios de investimentos para ampliação do parque industrial e o l...

Contribuintes podem quitar débitos com desconto até dia 19

02/11/2018

Vai até o dia 19 de novembro o prazo para os contribuintes em débito com o ICMS, IPVA e ITCD regularizem a situação fisc...