(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Assembleia Legislativa aprova o fim do horário de verão em Goiás

Geral Comentários 03 de maro de 2017

A matéria agora seguirá para sanção ou veto da governadoria do Estado. Há apreensões quanto ao resultado


Por unanimidade, o plenário da Assembleia aprovou, nesta terça-feira, o Projeto de Lei nº 3489/16, do Deputado Luis Cesar Bueno (PT), que trata do fim do horário do verão em Goiás. A matéria segue para sanção da Governadoria.
A propositura não nega que a adoção do horário de verão reduz gastos com energia elétrica durante os meses em que vigora, mas afirma que, para tanto, a população brasileira acaba por sofrer graves consequências.
Em sua justificativa o parlamentar escreve que, expostos os fatos, cabe questionar se essa economia (de 4% a 5%) compensa os “enormes sacrifícios” impostos à população. “Ao adiantar em uma hora o relógio, as pessoas passam a se levantar mais cedo, sofrendo no próprio corpo as consequências que isso carreta, como sonolência, fadiga, dores de cabeça, falta de concentração e irritabilidade”, afirmou.
Luis Cesar Bueno ainda diz que o horário de verão facilita crimes cometidos durante a madrugada. “A escuridão das primeiras horas da manhã abriga mal feitores de todos os quilates. O risco de ser vítima de assalto, roubos e outras espécies de violência é muito grande”, finalizou.

Autor(a): Da Redação

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Procon de Anápolis promove curso de Defesa do Consumidor

15/03/2019

Nesta sexta-feira, 15, comemora-se o Dia Internacional do Consumidor e, em alusão a data, a Prefeitura de Anápolis, por mei...

Mulher trabalhadora recebe 79,5% do rendimento do homem no Brasil

15/03/2019

Em 2018, o rendimento médio das mulheres ocupadas com entre 25 e 49 anos de idade (R$ 2.050) equivalia a 79,5% do recebido p...

Adesão automática a cadastro vai à sanção presidencial

15/03/2019

A adesão automática de consumidores e empresas aos cadastros positivos de crédito segue para sanção presidencial. O Plen...

Vereador pede reativação da Delegacia de Meio Ambiente

15/03/2019

O vereador Valdete Fernandes (PDT) sempre se mostrou incomodado e sensível quanto às questões ambientais no município de ...