(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Anunciada a terceira pista entre Anápolis e Goiânia

Geral Comentários 01 de julho de 2016

Empresa que explora o sistema de pedágios tem outros projetos para a BR 060


Em curto espaço de tempo o trecho da BR 060 entre Anápolis e Goiânia terá a terceira pista de ponta a ponta. Os recursos para isto estão assegurados. Foi o que garantiu o engenheiro Antônio Alberto Basílio, da empresa CONCEBRA, que administra a estrada e explora o sistema de pedágios. Ele disse que a demanda aumenta a cada ano - faz uma ressalva que o movimento financeiro nos postos de pedágio diminuiu, em média, 18 por cento, por conta da crise que assola o País - e adiantou que não se fazem projetos para três ou, cinco anos. “Temos de pensar o sistema para 30 anos ou mais”, justificou. Aliás, o contrato entre a empresa e o Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT) tem a duração de, exatos, 30 anos, com possibilidade de se renovar por igual período.
Mas, as mudanças no traçado da BR 060 não ficam só nisso. Serão construídos, brevemente, mais alguns viadutos e trincheiras, com o objetivo de se isolar o tráfego da Rodovia do tráfego urbano, o que garantirá mais segurança e aprimorará o sistema de mobilidade, pois, hoje, a BR corta vários bairros densamente populosos e dificulta a vida dos moradores de ambas as margens. Assim sendo, serão construídos viadutos na região do Posto Presidente, conexão da BR 060 com a Avenida Pedro Ludovico; na região do câmpus principal da Universidade Estadual de Goiás (UEG); na confluência da mesma BR com a Avenida Independência, proximidades da sede da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) e provavelmente, em mais dois pontos: um para dar acesso ao Aeroporto de Cargas e outro no local onde já existe uma antiga passagem para as composições da antiga Estrada de Ferro, o que facilitaria, em muito, para se desafogar o tráfego.
O anúncio dessas obras foi feito na quarta-feira, 29, durante a Reunião Ordinária de Diretoria da Associação Comercial e Industrial de Anápolis, com a presença de empresários do setor imobiliário; industriais; lideranças comunitárias, políticos e representantes de vários outros segmentos. A preocupação é com a qualidade de vida das pessoas que habitam nas regiões cortadas pela referida Rodovia. Há um estudo, também, para se equacionar o problema vivido pelos condutores e pedestres na parte inferior do Viaduto “Miguel Moreira Braga”, saída para Brasília, onde são constantes os engarrafamentos, devido à largura da pista, considerada imprópria para acomodar todo o movimento. Uma maquete com as pretensas mudanças foi apresentada durante o debate e houve interpelações por parte de vários dos presentes.
Um dos debatedores do encontro foi o Juiz Marcelo Meireles Lobão, da Primeira Vara Federal em Anápolis. Ele disse que se interessou pelo assunto depois de aplicar uma sentença indenizatória contra o Governo Federal (DNIT) pela morte de duas adolescentes no referido trecho. “Sugiro, inclusive, que, quando ficarem prontos esses viadutos, sejam dados a eles os nomes das meninas Jaqueline Miranda e Aline Barbosa”. O magistrado disse que se manifestou na reunião na condição de cidadão e se dispôs a participar de movimentos que visem humanizar o trânsito na região urbana de Anápolis. Outra autoridade federal presente foi a Procuradora da República, em Anápolis, Ana Paula Araújo. O engenheiro Antônio Alberto Basílio disse que o Governo Federal é aberto a esse tipo de pleito, mas que é preciso a comunidade agir, cobrando de seus representantes políticos que busquem a liberação de recursos para estas obras. O Presidente da ACIA, empresário Anastácios Apostolos Dagios disse que a entidade vai iniciar uma campanha e pretende acionar a bancada federal de Goiás (senadores e deputados federais) para que o projeto se torne uma realidade.

Autor(a): Nilton Pereira

Clique aqui para ler a página em formato PDF


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Geral

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Força-tarefa para agilizar fila de processos parados

18/05/2017

Imagine que você tenha terreno e recursos para iniciar uma obra, mas esteja impedido de dar prosseguimento por conta da falt...

Convênios públicos têm nova regulamentação

11/05/2017

A Câmara Municipal realizou audiência pública nesta quinta-feira,11, em conjunto com a Prefeitura de Anápolis, para trata...

Corpo encontrado em lago é de empresário anapolino

04/05/2017

Na noite desta quinta-feira, 04, informação colhida pelo Jornal “A Voz de Anápolis”, junto a um irmão de Edmar Almeid...