(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Anápolis recebe semana nacional de ciência e tecnologia

Tecnologia Comentários 23 de outubro de 2015

Em Goiás, a programação de ações acontecem até o dia 30 em 19 municípios


O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Goiás) compõe a programação nacional do Ministério de Ciência e Tecnologia na realização da semana nacional de ciência e tecnologia 2015, a se realizar de 19 a 30 deste mês, levando programação a 19 municípios goianos. Seminários sobre inovação, cooperação e criatividade para o desenvolvimento do turismo, desenvolvendo novas competências na gestão empresarial; palestras sobre design de produtos e negócios, boas práticas em gestão de produção, consultorias sobre layout, planejamento e controle de produção e design de comunicação exemplificam temas dos eventos que os empreendedores e empresários goianos podem participar de forma gratuita. "O propósito maior desta ação é atender de forma plena e disponibilizar soluções para promover o empreendedorismo e o desenvolvimento das pequenas empresas em Goiás", destaca o Diretor Técnico do Sebrae Goiás, Wanderson Portugal Lemos. "Está é mais uma oportunidade", continua Wanderson Portugal", "que o Sebrae abre ao empreendedor para que ele possa ultrapassar com sucesso o atual momento econômico e social nacional.


Inovação é a atitude de introduzir novidades, renovar. Inovação é a mola propulsora das empresas, seja inovação de produto, processo ou mercado. Inovar continuamente pode assegurar a competitividade do negócio. No cenário atual, a empresa que quiser sobreviver deverá inovar sempre. Aumentar o lucro reduzindo custos, aumentando eficiência ou implementando processos de reengenharia não basta. Não há como criar mais lucro sem a geração de novas receitas e estas só são possíveis por meio das inovações. A inovação pode acontecer no produto, por meio de investimentos em pesquisa e desenvolvimento (P&D) que, no Brasil, recebe incentivo governamental. As boas ideias inovadoras costumam ser “copiadas” por concorrentes num processo chamado de benchmark.


Entretanto, tal equalização gera produtos sem diferenciais e somente mais inovações são capazes de destacar um produto de seus concorrentes. A inovação pode acontecer também no processo, seja de fabricação, workflow, marketing ou na gestão do negócio.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Tecnologia

Simulador é atração da Semana Nacional de Trânsito

14/09/2018

Um simulador de impacto será uma das principais atrações da Semana Nacional de Trânsito, a ser realizada entre os dias 18...

Acadêmicos da UniEVANGÉLICA apresentam projetos promissores

03/08/2018

Em sintonia com a visão da UniEVANGÉLICA de investir em desenvolvimento tecnológico e ampliar a produção de conhecimento...

Audiência debaterá sobre antenas

13/04/2018

As mudanças no regulamento para a instalação de antenas de telecomunicação no Município é o tema de uma audiência age...

Município vai ter a maior usina fotovoltaica urbana do Brasil

22/03/2018

O Município de Anápolis será referência no Brasil na produção de energia fotovoltaica, sistema que converte a luz natur...