(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Anápolis terá orçamento de quase R$ 1 bilhão para 2013

Economia Comentários 08 de setembro de 2012

Evolução no Orçamento é resultado do crescimento das receitas nos três últimos exercícios, segundo proposta que tramita na Câmara Municipal


O próximo Prefeito de Anápolis irá administrar um orçamento de quase R$ 1 bilhão. A Lei Orçamentária Anual (LOA), em tramitação na Câmara Municipal, estima receitas e despesas em R$ 945.566.197,21. Segundo o projeto encaminhado à Casa pelo Poder Executivo, o parâmetro para a fixação desse valor foi a avaliação do comportamento da receita nos três exercícios anteriores: 2009, 2010 e 2011. O valor previsto é mais de 15% superior ao previsto para o atual exercício e ainda em execução, cuja estimativa é de R$ 798.355.736,00.
De acordo com o projeto, as áreas de saúde e de educação são as que têm maior previsão de dotação, respectivamente, R$ 192, 1 milhões e R$ 185,1 milhões. As despesas para a área de urbanismo são substanciais: R$ 123,5 milhões. A previsão para as despesas legislativas foram fixadas em pouco mais de R$ 21 milhões. O valor é superior aos R$ 14,8 milhões previstos para este ano. O aumento, entretanto, não está vinculado ao fato de o Legislativo aumentar, no ano que vem, de 15 para 23 o número de vereadores, já que o repasse do duodécimo é estabelecido na Constituição e, no caso de Anápolis, o percentual previsto é de 5% da receita (esse percentual atinge os municípios com população entre 300.001 e 500.000 habitantes).
O projeto permite que a Prefeitura realize operações de crédito suplementar até o valor de 50% do orçamento e a realização de operações de crédito até o patamar de 25% do valor do orçamento.
A LOA apresentou, nos últimos quatro anos, um substancial gráfico ascendente. O valor previsto para o exercício de 2010 foi de R$ 445,2 milhões. Para o exercício de 2011, R$ 713,3 milhões. O quantitativo estimado para este ano foi de R$ 798,3 milhões e, agora, para o ano que vem, é de R$ 945,5 milhões.

Quadro de despesas por (em R$)

Legislativa- 21.030.301,26
Administrativa - 111.720.960,56
Previdência - 67.263.500,00
Saúde - 192.157.228,99
Educação - 185.137.932,72
Cultura - 9.781.213,57
Direitos da Cidadania - 773.300,00
Urbanismo - 123.567.500,67
Habitação - 12.368.014,42
Saneamento - 64.719.293,21
Gestão Ambiental - 56.223.683,00
Ciência e Tecnologia - 3.320.507,75
Agricultura - 1.487.674,50
Comércio e Serviço - 6.039.000,00
Transporte - 2.210.873,81
Desporto e lazer - 16.893.456,83
Encargos especiais - 24.673.000,00
Reserva de contingência - 15.370.824,17

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Economia

Município cai no ranking goiano de exportações

16/11/2017

Mais de US$ 1,4 bilhão. Este é o valor da corrente de comércio, representada pela soma das exportações e importações f...

Produto Interno Bruto de Goiás registra queda de 4,3% em 2015

16/11/2017

A economia goiana movimentou R$ 173,63 bilhões em 2015, valor R$ 8,62 bilhões acima do registrado no ano anterior (R$ 165,0...

Secretário se compromete a intermediar causas de empresários com a Companhia

09/11/2017

O secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Francisco Pontes, afirmou que vai intermediar um encontro para solucion...

Luta nacional transforma-se em uma “briga” caseira em Goiás

09/11/2017

O Governo de Goiás e o setor produtivo travam uma verdadeira batalha em torno do Decreto 9.075, de 23 de outubro de 2017, as...