(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Anápolis tem mais de 60 mil motos nas ruas

Trânsito Comentários 18 de agosto de 2013

Dados do Denatran apontam que a frota de motocicletas foi a que mais cresceu no Município, na última década


Está cada vez mais complicado o trânsito em algumas ruas e avenidas de Anápolis. É sair de um congestionamento e cair em outro, principalmente, nos horários de pico quando as pessoas estão saindo para o trabalho, para a escola, indo ou voltando do horário de almoço e no final da tarde, quando a maioria do comércio, indústrias e as empresas de uma maneira geral encerram o expediente. Agora, chama a atenção, o numero de motocicletas que cercam os carros nas paradas dos semáforos e nos cruzamentos.
E, de fato, é espantoso como a frota dos veículos de duas rodas cresceu na última década, passando de 21.753 em 2003 para 61.743, ou seja, 39.980 a mais, uma diferença de 283,83%. Vale ressaltar que para chegar a esta conta, foram agrupados três tipos de veículos nesta categoria: motocicletas, motonetas e ciclomotores. O crescimento foi o maior entre os demais tipos de veículos. Os automóveis de passeio, em 2003, somavam 51.225 e este ano, até maio, a frota chegou a 107.339, um incremento de 209,54%. O número de caminhões saltou de 6.650 para 10.033 no período, com aumento de 180,87% e o número de caminhonetes e camionetas (que são contabilizados em separado na estatística do Denatran) teve, também, um crescimento elevado, passando de 9.347 em 2003, para 19.649 em 2013 (até maio), um aumento de 210,21%.
A frota total do Município de Anápolis, com os dados consolidados até o mês de maio, soma 215.750 veículos emplacados. Em 2003, ela era de 93.475. Portanto, um aumento de 232,94%. Em maio do ano passado, a frota local era de 197.894. No intervalo de um ano, apenas, houve um aumento de 17.856 veículos (8,27% de crescimento no período).
Na medida em que a frota de veículos emplacados em Anápolis cresce, os congestionamentos, os acidentes também vão ganhando maiores proporções e, principalmente, os acidentes envolvendo motocicletas geram maior preocupação, visto que os riscos de traumas e de óbitos são bem maiores. E, o problema, pelo visto, vai continuar, uma vez que os dados estatísticos mostram um gráfico crescente de aumento em todas as categorias de veículos. O que exigirá esforço do poder público para uma atenção ainda maior às políticas de mobilidade urbana.
Em Anápolis há, ainda, a agravante de que a Cidade não foi planejada e, por isso, muitas ruas e avenidas têm caixas estreitas. Em algumas delas, as calçadas são tão reduzidas, que os pedestres são obrigados a caminhar pela pista de rolamento, dividindo o espaço com os veículos.
A Prefeitura anunciou, este ano, o Plano de Mobilidade, que contempla uma série de obras, além dos dois viadutos - um já construído, no cruzamento entre as avenidas Universitária e Presidente Kennedy e o outro em construção na Avenida Brasil com a Fayad Hanna. O projeto contempla, por exemplo, o aproveitamento dos canteiros centrais das avenidas Brasil (Norte e Sul) e da Universitária, para implantação de ciclovias e, ainda, passagens com desnível nos cruzamentos na Avenida Brasil com a Goiás e na Brasil com a Amazílio Lino. Entretanto, são obras que demandam investimentos elevados e, sobretudo, um planejamento muito bem elaborado para a sua execução. Isto, quando vierem a ser realizadas.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Trânsito

DETRAN tem 35 novos serviços

13/07/2017

O total de 35 novos serviços serão disponibilizados pelo Departamento Estadual de Trânsito de Goiás (Detran-GO), até o f...

Projeto Vida no Trânsito será implantado no Município

29/06/2017

Reduzir o número de vítimas – mortos e feridos - em decorrência de acidentes de trânsito é o principal objetivo do pro...

Justiça de Trânsito divulga estatística

09/06/2017

O Núcelo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJGO) div...

CMTT promove simulação de acidentes como medida preventiva

26/05/2017

De repente, até o motorista vira passageiro, o mundo fica de cabeça pra baixo e tudo começa rodar. Esse é o cenário de u...