(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Anápolis City sofre com invasões de áreas verdes e lixo

Meio Ambiente Comentários 08 de junho de 2012

O setor, que se prepara para receber uma série de benefícios públicos, melhorando a qualidade de vida dos moradores, convive com invasores e “sujões”


Por infração de menor gravidade, a obra de um grande supermercado na região Leste de Anápolis foi interditada. Mas, pouco distante dali, um crime ambiental desafia as autoridades que deveriam proteger a natureza. A guarita de entrada do Conjunto Residencial São Marcos mutilou parte da mata úmida à margem da Avenida Perimetral Leste, que está sendo asfaltada pela atual Administração, onde será executado o projeto da Avenida Ambiental, dotada de calçada, pista de caminhada e gradil para a proteção da área verde e do riacho.
A demolição da guarita e seu afastamento até 20 metros do riacho, conforme determina a lei ambiental, são medidas que deverão ser tomadas paralelamente ao conjunto de obras que beneficiam o Bairro Anápolis City 2ª Etapa: asfalto, meio-fio, esgoto e água tratada em todas as ruas. O bairro, abandonado e sem receber benefícios públicos há 40 anos, será transformado num dos locais de melhor qualidade de vida da cidade: abundante em áreas verdes, com traçado urbanístico moderno, ruas sem saída e esquinas com afastamento para facilitar a visibilidade dos condutores de veículos automotores. Muitas áreas foram invadidas, mas a Procuradoria da Municipal anuncia operação arrastão para a reintegração do patrimônio do povo sob domínio de invasores. O “CityPark”, bosque formado por voluntários, ocupa 38 mil metros quadrados e será delimitado e administrado por um conselho de moradores para se evitar a transformação de áreas verdes públicas em extensão de quintais, já que a tendência é não cercar o parque para facilitar o acesso da população, mas sem privilegiar as residências fronteiriças.
Entretanto, para que a execução do projeto da Avenida Ambiental, que beneficia todo o conjunto urbanístico da região, se efetive seria necessário, por imperativo legal, que fosse demolida a entrada do Conjunto São Marcos, onde nas proximidades, o riacho ali existente foi canalizado. Também deveria ser preservada a margem mínima de 20 metros.

Construções irregulares e muito lixo
O início das obras que culminarão com o asfaltamento de todas as ruas da Etapa 2 do Anápolis City, habitado pela chamada classe média, contrasta com o desrespeito às normas da Postura Municipal: construções irregulares e lixo, muito lixo, espalhado em todo o bairro. Vasos sanitários, móveis usados, animais mortos, entulhos, tudo é jogado em lotes vazios ou em áreas de preservação ambiental transformadas em habitat para o mosquito da dengue. Sem exagero, pode-se dizer que uma pequena parcela dos moradores do Bairro Anápolis City 2ª Etapa tem muito o que aprender para receber os benefícios que tanto reclamava. Pouco adiantou a operação “limpa tudo” realizada pela Prefeitura no ano passado. Enquanto o custo não doer no bolso do contribuinte, o abuso vai continuar.
Promessa de campanha, o prefeito Antônio Roberto Gomide está mudando a história do bairro: encomendou projetos, levantou os recursos, priorizou as obras e fiscaliza pessoalmente as frentes de trabalho. Mas é impossível ele fazer tudo. Entulhos enormes, há meses, em frente às construções, expõem uma fiscalização frouxa ou inoperante, que não está sintonizada com a austeridade e a energia do chefe.


Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Meio Ambiente

Limpeza preventiva de córregos

14/09/2017

Os córregos se contorcem diante do assoreamento que desidrata os cursos d’água nesse momento de estiagem. Mas para evitar...

Queimadas em vegetações e plantações estão têm registro de incidência na região de Anápolis

10/08/2017

Embora já se esteja em um período que favorece a sua ocorrência, a estação da seca ainda não provocou este ano grandes ...

Compensação ambiental vai garantir retirada de árvores

13/07/2017

Para cada palmeira de guariroba retirada do canteiro central da Avenida Brasil - medida necessária para a continuidade da ob...

Programa combaterá desperdício de água

15/06/2017

Combater o desperdício de água. Este é o objetivo do Pró-Água, programa que será lançado na próxima terça-feira,20, ...