(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Anapolina e Tocantinópolis voltam a se enfrentar

Esportes Comentários 30 de setembro de 2011

Para seguir no Brasileirão, a Xata terá que vencer por uma diferença de cinco gols para superar o Itumbiara no saldo de gols da tabela de classificação


Através de ofício assinado pelo Diretor de Competições da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Virgilio Elisio da Costa Neto, foi confirmado para a próxima quarta-feira,5, o jogo entre a Anapolina e Tocantinópolis válido pela décima rodada do Brasileirão da Série D, que foi anulado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) após o episódio que ficou conhecido como o “cai, cai” de jogadores da equipe tocantinense, que acabou beneficiando o Itumbiara, que levou a classificação, desclassificando a Xata no quesito de saldo de gols.
No ofício, a CBF comunica as federações de Goiás, Tocantins e Minas Gerais, também o cancelamento da partida entre o Vila Nova-MG e Itumbiara que estava programada para o domingo, às 16 horas, no Estádio Castor Cifuentes, na cidade de Nova Lima-MG. Já a partida da Anapolina contra o Itumbiara ficou marcada para às 20:30 horas de quarta-feira, no Estádio Jonas Duarte. O comunicado alerta, ainda, que em caso de concessão de efeito suspensivo sobre a decisão da 2ª. Comissão Disciplinar do STJD, “este comunicado torna-se sem efeito, e nesta hipótese, informaremos na próxima segunda-feira a programação dos jogos correspondentes”.
A Anapolina já praticamente garantiu a vitória fora de campo, para corrigir a injustiça sofrida na partida com o Tocantinópolis no final da primeira fase e, agora, terá também que vencer a batalha dentro do gramado e não basta uma vitória simples. O time anapolino precisa vencer com cinco gols de diferença para superar o saldo de gols do Itumbiara.
O Tocantinópolis terá que enfrentar, além da pressão da torcida, o desfalque de alguns jogadores como Fuzoê, China e Renatinho, que sofreram punições por parte do SYJD. Já a Anapolina deverá entrar em campo com uma postura ofensiva, já que terá de golear o adversário que terminou como lanterna na primeira fase, mas deve apresentar um esquema de jogo com forte retranca, evitando um vexame ainda maior.
Para a torcida da Anapolina, a decisão do STJD, independente de qualquer resultado que ocorra na quarta-feira, foi um ato importante. E não só a Anapolina foi beneficiada, mas todos os times que disputam o certame, pois quem vai ao campo e paga pelos ingressos quer, no mínimo, ver uma disputa verdadeira dentro das quatro linhas e nada mais do que isso.

Autor(a): Claudius Brito

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Esportes

Xata quer apagar o fogo do Dragão

22/03/2019

O Campeonato Goiano entra na fase das Quartas de Final, onde qualquer vacilo pode custar caro. São jogos decisivos pelo sist...

Anápolis Vôlei-GO na semifinal da Superliga B

22/03/2019

Em eletrizante partida disputada na quinta-feira, 21, no ginásio Internacional 'Newton de Faria' quase lotado, o Anápolis V...

Final vai reunir grande público

15/03/2019

A última partida do Campeonato do Barro Preto deve reunir mais de duas mil pessoas mostrando que esta é uma das competiçõ...

Anápolis Vôlei estreia na segunda fase

15/03/2019

O Anápolis Vôlei chega às quartas de final com a moral em alta. Vindo de grande vitória em casa sobre o São José Vôlei...