(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Ambulatório de Queimados registra aumento de demanda

Saúde Comentários 29 de dezembro de 2017

Cerca de 80 pessoas passam pela unidade todos os dias e recebem assistência gratuita da Secretaria Municipal de Saúde


No Ambulatório de Queimados do Hospital Municipal Jamel Cecílio são atendidos, em média, 80 pacientes por dia, vítimas de queimaduras de diversos tipos e graus. Mais que o atendimento reconhecidamente humanizado e a excelente qualidade técnica, a unidade apresenta-se como de extrema importância para a população por ser a única que presta assistência pelo Sistema Único de Saúde (SUS) na Regional Pireneus, composta por Anápolis e outros nove municípios - Abadiânia, Alexânia, Campo Limpo, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Gameleira de Goiás, Goianápolis, Pirenópolis e Terezópolis de Goiás. Somando com Anápolis, nessa região vivem 488.380 habitantes.
O tratamento para vítimas de queimaduras, quase sempre, é longo e doloroso. O paciente pode passar por uma série de procedimentos, dependendo do tipo da sua lesão: raspagens, cirurgias reparadoras e de enxerto, troca de curativos e até fisioterapia. No Ambulatório de Queimados do Hospital Municipal todos esses procedimentos são realizados com qualidade, atenção e cuidado.
A equipe responsável por esses atendimentos é composta por técnicos de enfermagem, um médico de clínica geral, um cirurgião geral, um cirurgião plástico, um anestesista, um fisioterapeuta e duas enfermeiras. Eles também contam com o apoio do setor de psicologia do Hospital, que é acionado com frequência devido aos traumas psicológicos sofridos pelos acidentados.

Acidentes
mais comuns
Acidentes abrasivos de lesões múltiplas, geralmente causadas por acidentes no trânsito, envolvendo motocicletas em que o paciente ao cair tem atrito com o asfalto ou terra, estão em primeiro lugar no ranking de atendimento do Ambulatório de Queimados. Em seguida, estão os acidentes domésticos provocados por explosões com gasolina e álcool ou água fervente, molhos, assados, e outros.
Para a secretária de Saúde, Luzia Cordeiro, é muito importante o trabalho preventivo, além dos cuidados de uma maneira geral. “Vamos firmar parceria com a associação de queimados de Anápolis para que possamos oferecer ainda mais condições às vítimas de queimaduras e trabalhar principalmente nas ações preventivas em nosso município”, afirma.
O atendimento no ambulatório acontece de segunda a sexta feira, das 7 às 17 horas. O telefone de contato é o (62) 3902-2606.

Autor(a): Da Redação

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Saúde

Combate à “farra” dos cartões do SUS

17/01/2019

O Prefeito Roberto Naves anunciou que deverá enviar uma equipe técnica para conhecer o modelo de gestão de uma espécie de...

Secretário Municipal de Saúde faz “raio-x” nas unidades ligadas ao setor

17/01/2019

Avaliar de perto a realidade de cada uma das unidades da rede municipal e fiscalizar a prestação de serviços ao cidadão. ...

Crise na Saúde - Municípios estão em dificuldades sem os repasses do Estado

10/01/2019

De acordo com o Atlas da Eficiência da Educação (versão 2018) em Goiás, a gestão da educação em 213 municípios (93% ...

Verba para equipamentos na odontologia municipal

10/01/2019

Devido ao trabalho executado na área de saúde bucal, inclusive com a criação de 12 novas equipes em dois anos, a Prefeitu...