(62) 3317 5500 • comercial@jornalcontexto.net

Alunos “abraçam” 85 anos do Colégio Couto Magalhães

Educação Comentários 16 de fevereiro de 2017

Estabelecimento comemora oito décadas e meia de bons serviços prestados ao ensino e à formação de pessoas


Com um balão branco nas mãos, os alunos do Maternal ao Ensino Médio do Colégio Couto Magalhães fizeram um abraço simbólico em comemoração aos 85 anos da escola, nesta quarta-feira, 15. Uma apresentação da Orquestra Criar e Tocar também marcou a celebração.
O Colégio Couto é um dos primeiros colégios fundados em Anápolis. Hoje são cerca de 1500 alunos do Maternal I até o Ensino Médio. A escola se destaca pela educação bilíngue, infraestrutura moderna e ensino dedicado aos valores éticos e cristãos.
E existe muita história para ser contada sobre o Couto, uma instituição de ensino que, ao longo das gerações, já preparou profissionais de diversas áreas que atuam não somente em Anápolis, mas em diversos outros estados e países.
E nesta semana, a professora Lívia Sakai, professora da UniEVANGÉLICA em Anápolis, compartilhou uma imagem memorável que retrata bem a história do colégio. A foto mostra seu sogro, Reverendo Mario Yoshimoto Sakai, de 90 anos, que se formou na primeira turma de ginásio do Colégio Couto Magalhães e, inclusive, chegando a ser diretor da instituição.
Também na imagem estão seu filho, Mário Sakai Junior, 54, médico infectologista, e Glaucy Lopes Sakai, coordenadora de qualidade do Hospital Evangélico Goiano, que também estudaram no Couto.
E abrilhantando a foto, dois netos de Mario Yoshimoto Sakai posaram com seus uniformes do colégio. Eles fazem parte da 3ª geração da família que se beneficiou com o ensino da instituição. Yan Vinicius Nóbrega Sakai, 12, cursa o 8º ano, e Lisa Nóbrega Sakai, 9, está no 4º ano.
Ela destaca a importância do colégio para as gerações da família: “Em primeiro lugar, a confessionalidade pesa, pois nossa família é cristã. Em segundo lugar, a tradição do Couto Magalhães, o espaço físico amplo e o vínculo de amor criado em torno da instituição são fatores que influenciam para que o colégio continue na preferência da família. É um ensino que fortalece os laços entre as gerações e ainda contribui para a formação ética e moral do aluno”.
História
O Colégio Couto Magalhães foi concebido com o objetivo de atender às crianças anapolinas e especialmente aos filhos dos evangélicos. No dia 1º de fevereiro de 1932, na residência do Dr. Carlos Pereira de Magalhães, foi instalada a instituição. O nome dado ao colégio foi em homenagem ao desbravador mineiro General José Vieira Couto de Magalhães, cientista, literato, historiador, poeta, astrônomo e sociólogo, uma das personalidades mais marcantes do 2º Reinado no Brasil.
Naquele momento, prestigiaram o ato figuras de destaque como Gertrudes Pereira de Magalhães, Alice Pereira de Magalhães, Grace Waddel, James Fanstone, Dayse Fanstone, Eliel Martins e Kenette Waddel.
A escola funcionou primeiramente em uma casa alugada situada na matriz de Santana, no seu 1º ano de fundação. Em 1948 assume a direção o Rev. Arthur Wesley Archibald, a quem o Colégio deve tudo sobre a aquisição da propriedade onde até hoje está situada a AEE. Ele permaneceu na direção até 1957. E desde o ano 2000, a escola é dirigida pela Professora Aélia Cavalcante.

Autor(a): Ana Cláudia / Felipe Homsi

Comentários


Deixe seu comentário Dê sua opinião a respeito desta notícia. Seu e-mail não será publicado.


Código Anti Span Incorreto!
Obrigado! Seu comentário foi postado com sucesso!
Falhou! Preencha todos os campos obrigatórios (*)

+ de Notícias Educação

Câmpus do IFG Anápolis tem nova diretora eleita

30/11/2017

A Comissão Eleitoral Central publicou no final da noite desta quarta-feira, 29, o resultado preliminar da eleição para dir...

Associação Educativa Evangélica celebra os 500 anos da Reforma Protestante

03/11/2017

Serão necessários mais 500 anos para que as futuras gerações tenham a noção da importância da celebração realizada n...

Saúde na Escola atende a quase 40 mil estudantes

20/10/2017

A Prefeitura de Anápolis, em parceria com o Governo Federal, está desenvolvendo o Programa de Saúde na Escola (PSE), um co...

Oficinas gratuitas oferecidas no programa Semana Cidadã

06/10/2017

A 1ª edição da Semana Cidadã, uma parceria entre a UniEVANGÉLICA e a Prefeitura Municipal de Anápolis, através da Secr...